Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

casal mistério

Ele cozinha, ela viaja. Quando estão fora, testam e avaliam restaurantes, bares e hotéis. Quando se juntam em casa, escrevem sobre o que viram: o bom, o mau e o péssimo.

casal mistério

Ele cozinha, ela viaja. Quando estão fora, testam e avaliam restaurantes, bares e hotéis. Quando se juntam em casa, escrevem sobre o que viram: o bom, o mau e o péssimo.

o que é que acontece ao seu corpo nos 60 minutos logo a seguir a comer um big mac

p_bigMac_grande_1.jpg

O texto que se segue pode ferir a susceptibilidade de alguns leitores mais sensíveis. E, se calhar, dos menos sensíveis também. Ver, minuto a minuto, como é que o seu corpo reage à entrada de rompante de 509 calorias no seu organismo não é uma imagem bonita. O trabalho foi feito pelo site Fast Food Menu Price que juntou vários estudos para perceber o que acontece por dentro enquanto nós nos estamos a deliciar com um mega-hambúrguer cá fora. Está preparado? O que vai ver não é simpático.

 

peras grelhadas com mel e canela, um pequeno-almoço tão saudável como delicioso

Pensando bem, é melhor fazer este prato como sobremesa. De manhã nunca tenho tempo para nada. Mas se é daqueles seres humanos (que eu secretamente invejo) que acordam cedo de manhã, cheios de calma e de tempo para fazer tudo e mais alguma coisa, então esta receita do blog a house in the hill é para si. Eu adorava experimentar ao pequeno-almoço mas, apesar de ser uma otimista por natureza, sou sobretudo realista, e de facto, só tenho tempo para fazer esta maravilha ao fim-de-semana. A não ser… a não ser que, um dia destes, os meus queridos filhos mistério ponham o despertador, levantem-se sozinhos sem que eu os tenha de ir chamar vinte vezes e… me façam uma surpresa. O melhor é esperar sentada…

grilled_pears_cinnamon_honey_drizzle_a_house_in_th

 

bacalhau assado no forno com limão, alho e ervas aromáticas, uma receita deliciosa para fazer em apenas 20 minutos

Há lá coisa mais portuguesa do que bacalhau (além do pastel de nata, do vinho do Porto, e pouco mais)? Eu adoro, de todas as maneiras: espiritual, gratinado no forno, à brás, com natas, com broa, à lagareiro, em forma de pastel, como quiserem. Por isso, quando descubro receitas diferentes, como esta do blog baker by nature, que, ainda por cima, demora apenas 20 minutos a preparar, fico tão ou mais feliz do que a Joana Amaral Dias quando vê uma máquina fotográfica.

IMG_8821-2-683x1024.jpg

 

 

novidade! novidade! já fomos à incrível varanda do novo hotel intercontinental no estoril

11728907_913792852027210_6940102224708694156_o.jpg

“Eu ainda sou do tempo do Hotel Atlântico”. São frases como esta que me deprimem. Fazem-me sentir antiga. Mas é um facto. E contra factos não há argumentos. Lembro-me perfeitamente de ir para lá com os meus avós quando era criança. Por isso, foi com muita curiosidade que acompanhei a demolição do velhinho e abandonado Atlântico e o nascimento do moderno e luxuoso Intercontinental Estoril.

 

como fazer bolos deliciosos sem precisar de cozinhar? encontrámos uma ideia genial

189064_194033097286184_703906_n.jpg

Queridas Elas deste Mundo, uni-vos! Esta é a solução para vós, que não gostam de cozinhar, não sabem cozinhar ou, simplesmente, não têm tempo para cozinhar. Apetecia-lhes um bolinho, mas ficam com uma crise aguda de urticária só de pensarem em entrar na cozinha? Gostavam de comer uma bolachinha, mas a mera ideia de ligar o forno deixa-as com uma enchaqueca em último grau? Davam tudo para saborear um delicioso salame de chocolate, mas não têm vagar para grandes aventuras culinárias? Pois, aqui está aquilo com que sempre sonharam: um kit para fazer bolos e doces sem precisar de cozinhar.

 

 

massa de alho com couve-flor assada para afugentar os pretendentes da nossa filha adolescente

Hoje a nossa filha adolescente convidou uns amigos para uma sessão de cinema cá em casa e pediu-me para fazer jantar para a malta toda. Para tentar dissuadi-la disse que ia fazer um prato vegetariano ao que ela me respondeu:

- Mãe, é indiferente, eles comem qualquer coisa. (Só não disse "dahh" porque me estava a dar graxa!)

O meu querido Ele (que começa a ficar enervado com estas sessões de cinema numa sala às escuras) lembrou-se de acrescentar um ingrediente inibidor de grandes proximidades: o alho. Não me dei ao trabalho de lhe explicar que nesta fase não há alho ou cebola que impeçam as hormonas de saltar, mas pus mãos à obra e decidi fazer esta ótima, civilizada e vegetariana receita do magnífico blog donna hay.

roasted_cauliflower_olive_garlic_pasta.jpg

 

nutella saudável?! vegan?! sem açúcar refinado?! é melhor parar com as perguntas e ler este post porque a sua vida vai mudar

Acabou a Nutella cá em casa. Terminou. Acabou de ser abolida. Extinta. Erradicada. Quer dizer... estou a falar de Nutella calórica, açucarada e engordativa, porque agora cá em casa só Nutella saudável – sem açúcar, sem leite, sem natas. Como é que é? Nutella sem açúcar? Sim, senhor – ou senhora. Esta magnífica receita do fantástico blog Oh She Glows substitui o açúcar por açúcar de coco. E o leite por óleo de coco. O resultado é uma magnífica Nutella cremosa, doce, aveludada e mais saudável. Ah, se gostar ainda lhe pode acrescentar um pouco de café. Caramba que este fim-de-semana vai ser animado!

enhanced-2879-1442595460-1.jpg

 

 

chupa-chupas de cachorros quentes, uma receita divertida que vai enlouquecer as crianças

Ora aqui está uma grande ideia para entreter os miúdos durante o fim-de-semana. Eles vão delirar e adorar fazer esta receita que descobri no incrível blog jo cooks porque é tão fácil que até eu e uma criança conseguimos fazer. E é simplesmente deliciosa. Além de ser prática, é ideal para uma festa ou para um almoço de miúdos.

mini-corn-dogs-10.jpg

 

mini bar, definitivamente um restaurante onde tem de ir pelo menos uma vez na vida (ou duas... ou três... ou quatro...)

11051862_10152946451118439_8685024343575988883_o (

José Avillez sempre foi uma figura que me indignou profundamente. Não posso aceitar que exista alguém que consiga cozinhar daquela maneira – e especialmente que esse alguém não seja eu. Imagino o que será um fim-de-semana em casa dos Avillezes: 

– Oh querido, já estou com uma certa fome.

– Não te preocupes, meu amor, dá-me só cinco minutinhos que te faço já aqui um lombinho de novilho corado, ligeiramente fumado com alecrim, legumes da estação, tutano e puré de alho. Ou será que preferes um rabo de boi com grão, foie gras, tendões de vitela e creme de cebola com queijo da serra? Também não me custa nada...

Não é justo Deus ter-se esquecido de mim na Papua Nova Guiné quando decidiu montar uma banca à porta de casa dos Avillezes, em Cascais, para distribuir pelo mundo o talento para cozinhar. E, ainda por cima, juntou-lhe também a simpatia, a humildade e a capacidade de trabalho. Irra, que é demais!

É por isso sempre com uma profundíssima inveja interior que eu entro nos restaurantes de José Avillez. E desta vez o escolhido foi o Mini Bar, o mais surpreendente e inovador restaurante do chef com duas estrelas Michelin.

 

 

organic caffe, o novo restaurante de comida saudável (e com uma simpática esplanada para estes dias de calor)

11390241_1100881123274916_1046453220222811365_n.jp

Entrar no Organic Caffe, o novo restaurante do Banyan Tree Spa, no Hotel Palácio, no Estoril, é como entrar numa comunidade hippie dos anos 70. Não há homens de cabelo comprido nem cigarros de erva a circular de mão em mão. Mas aqui tudo transmite calma e tranquilidade. Os empregados parece que deslizam silenciosamente, sempre com um sorriso de felicidade e boa onda na cara; o ambiente é silencioso e zen; e a decoração mistura fotografias claras e bem iluminadas com cores alegres e plantas verdes.  

 

 

slushie de pêssego, cerejas e leite de coco, um pequeno almoço saudável e original

Quando descobri esta receita, no espetacular blog a house in the hills, cresceu em mim um súbito desejo de a fazer logo. Primeira dificuldade: confesso a minha ignorância. Não fazia a mais pequena ideia do que era um "slushie". Depois de uma árdua investigação (bendito Google!), descobri que se trata de um simples granizado: a obsessão de verão dos nossos queridos filhos mistério. Só que este granizado é delicioso e, ao contrário do que eles vivem a cravar, é saudável. Por isso, hoje, quando eu apresentar um granizado ao pequeno-almoço, vou ganhar muitos pontos cá em casa. Cheira-me que vou deixar de ser a mãe má e castradora para ser promovida a super-mãe!

cherry_peach_coco_slushie_a_house_in_the_hills-13.

 

10 deliciosos pequenos-almoços com nutella para animar os miúdos no regresso às aulas

Este é um post dedicado a todas as crianças deste planeta. E ao seu enooooorme poder.
Na semana passada a minha querida Mulher Mistério tinha decretado cá em casa a ditadura do smoothie ao pequeno-almoço. Pois bem, a ditadura foi deposta. As crianças rebelaram-se e fizeram um golpe de Estado. Juntaram as mesadas todas, raptaram o avô e levaram-no ao supermercado para comprar um frasco de Nutella gigante. A ditadura do smoothie virou anarquia da Nutella.
Por mim, encantado da vida. Agora que já começaram as aulas, não há coisa mais eficaz para os arrancar da cama do que um pequeno-almoço com Nutella. Até parecem flechas a levantarem-se de manhã. Por isso é que fui pesquisar as melhores maneiras de usar Nutella para começar o dia – umas mais rápidas de fazer, outras mais demoradas, outras ainda que podem ficar prontas de véspera. Mas o melhor mesmo é ver e saborear.
 
1. Crepes de Nutella com Frutos Vermelhos 

Nutella-Crepes-6574-818x1024.jpg

São cinco míseros minutos. Pega num crepe já feito, barra a Nutella, espalha os frutos vermelhos, enrola e já está. A receita e a foto são do blog Love and Zest.

 
 

um jantar rápido e fácil para uma segunda-feira de neura: tostinhas de broa com codorniz de escabeche e queijo fresco

A minha querida Mulher Mistério diz que segunda-feira é um dia dramático para cozinhar. Bom, na verdade, Ela também diz que terça-feira e quarta e quinta e sexta e sábado e domingo são dias dramáticos para cozinhar. A não ser, claro, que o prato seja ovos mexidos, que Ela intimamente acredita ser a sua especialidade. Seja como for, de facto, segunda-feira não é um grande dia para a cozinha. Eu normalmente estou mergulhado numa profundíssima depressão pós-fim-de-semana e, por isso, tudo o que me apetece é chegar a casa e ter um magnífico jantar já pronto – para ver se afogo as mágoas.

E hoje tenho o jantar ideal para este estado de espírito tenebroso. Quer saber qual? Então tire essa má disposição segundafeirista da cara e anime-se porque a sua vida vai melhorar.

Estava eu, num destes fins-de-semana, a passear pelo mercado do Príncipe Real quando encontrei uma pequena banca com uns frascos com um aspecto divinal: desde perdiz de escabeche a doce de cebola, ali a escolha é óptima e variada: codorniz de escabeche, coelho vilão, bacalhau de escabeche, salmão de escabeche e mais algumas compotas que são um autêntico atentado à dieta alheia.

As conservas são cuidadosamente preparadas pela Paulinha, uma simpática e talentosíssima senhora que gere este pequeno negócio familiar com a sua mãe. Além de estarem magnificamente temperadas e frescas, as receitas são guardadas em pequenos frascos e vendidas em mercados ou através do Facebook.

Eu abasteci-me com um frasco de codorniz de escabeche e com outro de doce de cebola e segui uma receita simples recomendada pelas donas. Além de ser fácil e rápida de fazer, é deliciosa. Ideal para dias como este, em que estamos divididos entre a preguiça de ligar o fogão e o desejo de comer alguma coisa surpreendente. Se preferir, também dá uma soberba entrada para um jantar de amigos ou de mais cerimónia.

IMG_6040.jpg

 

 

batata doce assada no forno com sementes de sésamo, uma receita com cheirinho a outono

Hoje acaba o verão e eu estou oficialmente deprimida. Adoro sol e calor. Não gosto do frio nem da chuva... Mas como sou uma otimista por natureza vejo sempre o lado bom das coisas: com o fim do verão, posso também acabar com aquela loucura insana de estar sempre a cortar nos acompanhamentos para caber no biquíni. Abaixo a tirania do biquíni! Viva os cachecóis e as luvas! Não. Também não estou a dizer que vou comer que nem uma maluca, porque a luta continua... sempre. Mas agora a pressão já não é tanta, essa é que é a verdade! Por isso, vou dar as boas vindas ao outono com esta deliciosa receita, do blog pinch of yum, de um acompanhamento fantástico e ao mesmo tempo saudável.

Sesame-Roasted-Sweet-Potatoes-1-3.jpg

 

salada de pêssego grelhado com mozzarella e rúcula, o meu jantar de despedida do verão

Estou em negação. Hoje não é domingo, amanhã não é segunda-feira nem o último dia de verão. Não pode ser. Até porque o dia de hoje só veio provar que afinal o verão ainda vai a meio. Que dia espetacular! Depois de uma tarde na praia, o que é que apetece, quando se chega a casa? Uma saladinha light mas incrivelmente deliciosa. É doce e salgada, e o melhor de tudo? É facílima de fazer! A receita é do maravilhoso blog for the love of pie.

transferir.jpeg

 

 

Pág. 1/4