Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

casal mistério

Ele cozinha, ela viaja. Quando estão fora, testam e avaliam restaurantes, bares e hotéis. Quando se juntam em casa, escrevem sobre o que viram: o bom, o mau e o péssimo.

casal mistério

Ele cozinha, ela viaja. Quando estão fora, testam e avaliam restaurantes, bares e hotéis. Quando se juntam em casa, escrevem sobre o que viram: o bom, o mau e o péssimo.

casa do rio, o refúgio perfeito para namorar no dia dos namorados

11713831_1036033589753812_1658436537890864292_o.jp

"Vá pelo mau caminho que encontra o paraíso". Nunca mais me esqueci desta frase deliciosa que nos guiou há uns anos por uma estrada em muito mau estado até um hotel de sonho no Brasil. E voltei a lembrar-me dela quando entrámos no caminho de terra batida com cerca de dois quilómetros e meio que nos levou até à Casa do Rio, perto de Foz Côa e em cima do rio Douro. Quando a irritante voz do GPS anunciou “chegou ao seu destino”, ficámos perfeitamente deslumbrados.

 

pastéis de nutella e banana para celebrar em grande o dia mundial da nutella

Eu sei: já não falávamos aqui de Nutella há muito tempo, não é? É duro sobreviver estes longos sete dias inteiros sem vermos a palavra Nutella escrita à nossa frente. Eu bem sei o que isso é – eu e os quatro fogosos elementos da equipa de futsal sub-18 que fazem o favor de partilhar o tecto connosco. É a mesma sensação que o Pacheco Pereira tem quando passa uma semana inteira sem poder falar do Passos Coelho: custa, dói, é um doloroso sofrimento. Mas hoje temos a desculpa ideal e nem a dieta Dela nos pode impedir: hoje é o Dia Mundial da Nutella. Não é maravilhoso? Ora aqui está um dia que tem toda a justificação de existir. Se há dias para tudo, porque é que não há-de haver um dia dedicado a uma das melhores tentações do mundo?

É por isso mesmo que eu estou aqui hoje: não para deixar crescer uma barba à Pacheco Pereira (a barriga já está lá quase...), mas para partilhar com vossas excelências a deliciosa receita de Nutella que encontrei no maravilhoso blog de Heather Christo. E sabem o que é o melhor de tudo isto? É uma receita saudável. Sim, saudável. Não comece já aí a acenar com a infinita lista de calorias que estão lá dentro, esta receita é do mais saudável que há por aí ou não fosse este um blog que se orgulha de partilhar apenas receitas à prova de alergias.

image.jpeg

 

a dieta que vai revolucionar a sua vida: um chef italiano perdeu 45 kg em sete meses a comer pizza todos os dias

Captura de ecrã 2016-02-04, às 21.48.10.png

Hoje é um grande dia para todas as pobres almas que estão em dieta por esse mundo fora. É possível fazer dieta e comer pizza. Peço desculpa, é possível fazer dieta e comer pizza todos os dias. E beber vinho. E comer cereais de manhã. A descoberta é da responsabilidade do chef italiano Pasquale Cozzolino que conseguiu perder 45 quilos em sete meses, a fazer esta dieta diariamente.

Cozzolino é cozinheiro numa pizzaria de Nova Iorque e, no início do Verão, pesava 167 kg. Hoje pesa 122 kg. Ao longo deste período, preparou uma dieta com base na comida de que gostava. Sempre foi viciado em pizzas e todos os dias faz a receita original da pizza margherita, que tem mais de 300 anos. Para a massa, junta apenas água, farinha, fermento e sal marinho e deixa assentar durante 36 horas (a maioria dos sítios só deixa seis a oito horas) para o glúten se tornar mais leve, os açúcares queimarem e a digestão ser mais fácil. Depois, coloca por cima molho de tomate, manjericão e mozzarella fresca. O resultado é uma pizza individual de 30 centímetros, com menos de 600 calorias, que foi o seu almoço diário ao longo dos últimos sete meses.