Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

casal mistério

Ele cozinha, ela viaja. Quando estão fora, testam e avaliam restaurantes, bares e hotéis. Quando se juntam em casa, escrevem sobre o que viram: o bom, o mau e o péssimo.

casal mistério

Ele cozinha, ela viaja. Quando estão fora, testam e avaliam restaurantes, bares e hotéis. Quando se juntam em casa, escrevem sobre o que viram: o bom, o mau e o péssimo.

papas de aveia com banana, nozes e sementes, o pequeno-almoço que vai fazer maravilhas à sua pele e ao seu cabelo

Palavra de honra que a minha alma ainda está parva com esta história dos jantares e eventos no Panteão Nacional. É que é de um tremendo mau gosto e de um “desnexo” (como diria o meu filho adolescente) sem limites. Mas lembra a alguém almoçar ou jantar entre túmulos? Será que aquela malta andou de telemóvel em punho a tirar selfies enquanto brindava com os túmulos da Amália e do Eusébio atrás? Eu adoro "um croquete" mas confesso que até eu era capaz de perder o apetite só de pensar que estava rodeada de defuntos, por mais famosos e interessantes que sejam…

Enfim, qualquer dia, organizam-se brunchs e workshops de alimentação saudável em cima dos túmulos com o sugestivo título: “Adie a sua morte”.

A verdade é que ninguém quer ficar cá para semente mas podemos tentar adiar o fim. E como? Fazendo exercício físico (garantido cá em casa pelo meu querido Marido Mistério que faz por todos) e tentando comer de forma saudável (eu lá vou conseguindo com uma desgraça ou outra pelo meio).

Por isso, esta semana vou começar com esta ótima receita do site Goop: papas de aveia com banana que se fazem em 5 minutos com nozes e sementes, ricas em antioxidantes e vitamina B que, ainda por cima, fazem maravilhas ao cabelo e à pele.

160829_goop_0482-1.jpg

 

 

panquecas de farinha de mandioca com kefir, uma receita sem glúten ideal para começar o seu domingo

Se há celebridade que percebe de alimentação saudável é a atriz Gwyneth Paltrow. Guru do Lifestyle, fundou há uns anos o imprescindível site Goop que é uma espécie de bíblia de moda, beleza, bem-estar, viagens, alimentação saudável, enfim, tudo em bom. E foi nesta bíbilia digital que descobri esta ótima receita de panquecas. Segundo a Goop, a farinha de mandioca é nova farinha alternativa “it” porque a sua textura imita na perfeição a do glúten sem o ter. O resultado são estas ótimas panquecas: fofas, deliciosas e crocantes nas pontas e, por isso mesmo, irresistíveis.

Para fazer esta maravilha, só vai precisar de farinha de mandioca, cardamomo em pó, maca em pó, bicarbonato de sódio, fermento, água, kefir, ovos, óleo de coco derretido e açúcar de coco.

Se quiser saber as quantidades certas de cada ingrediente, para 6 panquecas, espreite aqui a receita original.

170801_goop_00197-1.jpg

 

 

as panquecas ideais para um brunch de outono

Tenho de admitir que esta semana custou a chegar!

Estava tão a precisar de uma manhã sem horas para acordar…

A idade começa a não perdoar e eu, sem querer, não paro de rimar!

Ok, prometo que vou parar!

Vou pôr o meu querido Marido Mistério a cozinhar!

E nós estas panquecas vamos devorar!

OK, já estou a exagerar.

Vamos todos rezar

Para este fim de semana não acabar.

E aqui fica a receita do espetacular blog Top with Cinnamon para vos inspirar:

Só vai precisar (eu sei, já começa a fartar, vou mesmo parar) de ovos, queijo ricotta, puré de abóbora, uma mistura de especiarias (como canela, noz-moscada, etc.), sal, farinha integral, fermento e açúcar.

Se quiser saber as quantidades certas de cada ingrediente, para 9 panquecas, espreite aqui a receita original.

Pumpkin-Ricotta-Pancakes-650x867.jpg

 

 

a receita que deu origem ao nosso novo livro: ovos no forno com queijo e batata doce só com 100 calorias

Tudo começou com uma cozinha vazia. Foi depois de 15 dias de férias que chegámos a casa e não encontrámos nada. Só havia seis ovos e duas batatas doces. Por sorte, trazíamos um resto de Queijo da Ilha que tinha sobrado das férias. E foi com isso que fizemos um jantar improvisado. Na verdade, poderia ser um brunch, mas serviu como jantar e até foi uma maneira de antecipar uma das tendências deste ano, o brinner (um breakfast servido ao dinner).

batatadoce.png

Foi esta receita tão simples que nos inspirou a fazer o livro que saiu no passado sábado para as livrarias – 50 receitas com apenas 5 ingredientes (ou menos, claro!) – e que pode comprar aqui. Além de outras fantásticas receitas para o pequeno-almoço, tem ainda deliciosos petiscos para o almoço, o lanche, o jantar ou a sobremesa.

Em cada um destes capítulos, tem dez receitas incríveis que pode fazer em casa só com 5 ingredientes. Com batata doce, com ovos, com queijo, com camarão, com massa, com panquecas, com chocolate... aqui tem de tudo, para todos os gostos.

Mas hoje vamos falar de uns fantásticos ovos inteiros em cama de queijo e batata doce ralada. Só para abrir o apetite...

livro2.jpg

 

abacates recheados com salada de cuscuz e laranja, um almoço com sabor a brunch

Hoje vou recomeçar a minha dieta mais cedo. Em vez de me encher de panquecas e pão logo de manhã, vou sugerir à minha querida Família Mistério fazer esta maravilha para o brunch ou então para o almoço. A receita é do blog Kitschen Cat e tem um aspeto tão saudável que só de olhar já deve emagrecer. E é tão fácil que demora apenas 10 minutos a fazer. Convencido? Convencida? Então vamos a isto: só precisa de caldo de galinha, água, sal, cuscuz, pimenta preta, azeite, vinagre de vinho branco, sumo de um limão, salsa e cebolinho picados, espinafres, gomos de laranja, pepino picado e abacates cortados ao meio.

Se quiser saber as quantidades certas de cada ingrediente, para 4 pessoas, espreite aqui a receita original.

Couscous-Salad-in-Avocado-Bowls-6-768x1367.jpg

 

 

papas de quinoa com dióspiro, amêndoas e coco tostado, um pequeno-almoço saudável com poucas calorias

Hoje fiz uma descoberta que pode mudar a minha vida, ou melhor, a minha alimentação. Sou fã de dióspiros. Confesso que, por ignorância, entrou na minha vida demasiado tarde. Sim, admito. Foi o meu querido Marido Mistério que me apresentou ao dióspiro. Foi um momento que vai ficar para sempre guardado na minha memória:

- Ela, é o dióspiro. Dióspiro, apresento-te a Ela. E Ela vai adorar-te.

Foi de facto amor à primeira trinca. Ele conhece-me bem. Mas convenci-me, não sei porquê, talvez por ser muito doce, que o dióspiro era demasiado calórico para as minhas eternas dietas. Erro. Ignorância pura. Não é que o dióspiro tem poucas calorias? Sabia que 100 gramas de dióspiro têm apenas 58 calorias? Só para ter uma ideia: 100 gramas de uma maçã com casca têm 57 calorias! Sabia? Pois, eu não. Por isso, lá terei de comprar um carregamento de dióspiros. Que grande maçada! Lá terá que ser! E até já descobri um pequeno-almoço à altura: esta maravilhosa receita do blog Happy Hearted Kitchen. Não passa de hoje!

Só preciso de dióspiros, água, canela, cardamomo em pó, quinoa, leite de amêndoa, amêndoas e flocos de coco tostados (ou outros frutos secos e sementes que preferir) e mel ou xarope de ácer.

Se quiser saber as quantidades certas de cada ingrediente, para 2 pessoas, espreite aqui a receita original.

quinoa-porridge-022.jpg

 

 

pudim de chia e abóbora com frutos secos e mirtilos, para celebrar a chegada da chuva e da minha dieta

As folhas de outono já começaram a cair, os primeiros pingos de chuva também já deram um ar de sua graça, as barragens vão finalmente começar a encher e eu vou outra vez recomeçar a minha dieta. A vida é assim. Feita de ciclos. E hoje acordei assim, poética.

Não, ainda não enlouqueci, só acordei motivada para recomeçar a minha dieta. É sempre assim. Depois do fim-de-semana ou de um feriado, lá fecho a boca outra vez. Até quando? Até conseguir resistir às tentações que me rodeiam ou até ao fim-de-semana seguinte. É por tudo isto que não emagreço nem um grama. Enfim, mas não sou uma desistente. Sou uma lutadora e a minha luta não precisa de ser um martírio. Posso perfeitamente começar o dia de forma saudável deliciando-me com esta maravilha que descobri no blog The Awesome Green.

Demora 20 minutos a fazer e sabe mesmo a outono.

Só preciso de sementes de chia, leite de coco ou de amêndoa, abóbora assada, mel, uma banana, nozes e avelãs tostadas, sementes de girassol e mirtilos frescos.

Se quiser saber as quantidades certas de cada ingrediente, para 3 pessoas, espreite aqui a receita original.

2 (2).jpg

 

 

panquecas de mirtilos com ricotta e laranja, o brunch ideal para uma manhã sem horas

Todas as quartas-feiras deviam ser feriado. Se fosse eleita primeira-ministra deste país, seria a minha primeira medida mal assumisse funções. E decretava também o dia oficial do brunch, porque feriado sem brunch é como o outono sem castanhas.

Por isso, claro, hoje é dia de brunch e de panquecas cá em casa. E vamos experimentar esta incível receita do blog Drizzle and Dip. Só de olhar já me estou a babar…

O meu querido Marido Mistério vai precisar de ovos, farinha, fermento, leitelho, leite, raspas de uma laranja, queijo ricotta, mirtilos frescos e manteiga para a frigideira.

Se quiser saber as quantidades certas de cada ingrediente, para 10 a 12 panquecas, espreite aqui a receita original.

IMG_0732.jpg

 

 

o que a rainha de inglaterra come todos os dias ao pequeno-almoço (directamente de um tupperware)

IsabelII.png

Enquanto nós estamos aqui em casa empenhados em descobrir umas panquecas saudáveis, deliciosas, macias, leves e que deixem toda a Família Mistério feliz, a nossa querida e prezada Rainha de Inglaterra está sentada no seu sumptuoso Palácio de Buckingham à frente de uma taça de plástico cheia de cereais Kellogg's. Sem leite nem água.

A revelação foi feita por Darren McGrady, o antigo chef pessoal de Isabel II. Depois de ter dado a receita do bolo preferido da Rainha, que ela insiste em comer todos os dias, aconteça o que acontecer, McGrady revelou à revista Marie Claire qual o pequeno-almoço da Rainha: "É sempre muito simples: uns cereais Kellogg's numa taça de plástico, da qual ela se serve directamente, e chá Darjeeling". 

 

como fazer o ovo estrelado perfeito

É um dos grandes mistérios da Humanidade: o ovo estrelado. Como é que conseguimos aquela clara consistente, tostada e crocante nas pontas e aquela gema líquida e cremosa no meio? Como é que não deixamos a gema cozer? Como é que evitamos que a clara fique com a consistência tão ranhosa como a minha querida Mulher Mistério em dia de ataque de alergia? 

São perguntas que mobilizam a civilização moderna há séculos e que hoje finalmente se deparam com um vigoroso ponto final. Graças ao seu querido Casal Mistério? Não. Graças ao respeitável site de notícias Huffington Post

Foi lá que encontrei a solução que vai inspirar o meu brunch de amanhã. Há uns tempos descobri aqui uma solução: fritar primeiro a clara e só depois acrescentar a gema. O problema é que toda a complexidade à volta dessa ideia nos enfia durante uns largos minutos na cozinha.

Com a dica do Huffington Post, não. Tudo é rápido e eficaz. O segredo está na água.

ovo.jpg

 

 

papas de aveia com frutos vermelhos no forno, um pequeno-almoço que dura uma semana

Esta é daquelas receitas que nunca falham cá em casa. Os miúdos adoram, eu amo e o meu querido Marido Mistério também não lhe resiste. É saudável, é deliciosa e tira-lhe a fome durante a manhã toda. O ideal é fazer um tabuleiro gigante que lhe dure a semana inteira. Assim, de manhã, é só acordar, cortar uma fatia e aquecer no micro-ondas ou não, e já está. A receita é do ótimo blog Apple of My Eye e é tão fácil de fazer que até eu arrisco a vestir o avental. Vamos a isto!

Só preciso de flocos de aveia, fermento, canela, sal, açúcar mascavado, leite magro, ovos, extrato de baunilha, mel, manteiga derretida, frutos vermelhos congelados e nozes pecan.

Se quiser saber as quantidades certas de cada ingrediente, para 6 pessoas, espreite aqui a receita original.

DSC_2143.jpg

 

 

uma panqueca que parece um soufflé? ou será um bolo de maçã? é tudo isto e muito mais…

Alguém me explica como é que é possível hoje ser já segunda-feira outra vez? Quem alinha num referendo ou numa petição, qualquer coisa que nos ajude a prolongar o fim-de-semana para três ou quatro dias? Tenho a certeza de que a minha produtividade disparava!

Bem, enquanto isso não acontece, vamos enfrentar a dura realidade de que hoje é outra vez o primeiro dia da semana. E sinto que estou a precisar de um incentivo para aumentar a minha energia e produtividade para começar bem esta segunda-feira. Bendito blog Love and Lemons que trouxe até mim esta receita deliciosa. É uma panqueca com uma consistência de soufflé e, só por isso, é irresistível. E é tão fácil de fazer que vou arriscar e vou eu (sim, leu bem, eu) para o fogão!

Só preciso de manteiga, maçãs descascadas e cortadas às fatias, açúcar mascavado, canela, ovos, leite de amêndoa (ou outro qualquer), farinha (pode ser normal ou de espelta), fermento e açúcar de confeiteiro para decorar.

Se quiser saber as quantidades certas de cada ingrediente, para 2 a 3 pessoas, espreite aqui a receita original.

IMG_0026-2.jpg

 

 

ovos no forno sobre molho mexicano, um pequeno almoço com apenas 137 calorias

Se há coisa que me faz acordar bem-disposta é a perspetiva de comer ovos ao pequeno-almoço. Adoro, como sempre que posso, não tanto quanto gostaria, porque só ao fim-de-semana é que temos mais tempo para fazer com calma.

Mas esta receita, do blog Feasting not Fasting, demora no máximo 15 minutos a fazer, por isso, acho que vou fazer já, neste momento, agora! E quer saber a melhor notícia de todas? Só tem 137 calorias, isto, claro, se conseguir resistir ao pão. Molhar o pão nesta maravilha é de facto uma tentação irresistível.

Esta receita é facílima (são 3 minutos a preparar e 12 no forno) mas tem um ligeiro travo (“trave” como diz um dos nossos minimisteriosos) a picante.

Só precisa de molho mexicano (como este, por exemplo), ovos, queijo ralado (pode ser parmesão ou cheddar), sal e pimenta, spray de cozinha ou azeite e coentros picados.

Se quiser saber as quantidades certas de cada ingrediente, para 2 pessoas, espreite aqui a receita original.

1 (3).jpg

 

 

muffins de abóbora, uma forma original de começar o seu dia

Quem diz muffins, diz obviamente queques. Mas quanto mais internacional mais fashion (não disse?), mais cool (eu lá sei do que falo), mais hipster (ok, vou parar, já percebeu a ideia, certo?). Estes queques/muffins que descobri no delicioso blog This Grandma is Fun são fofinhos, saborosos e são surpreendentes. É uma receita típica de outono e, por isso, vale a pena experimentar para variar da habitual torrada com manteiga e do café com leite do costume.

Só precisa de farinha, açúcar, açúcar mascavado, bicarbonato de sódio, fermento, sal, canela em pó, cravo-da-Índia, noz-moscada, ovos, puré de abóbora, óleo de coco derretido, leite e extrato de baunilha.

Se quiser saber as quantidades certas de cada ingrediente, para 12 queques, espreite aqui a receita original.

pumpkin-muffins-2-683x1024.jpg

 

quem consegue resistir a estas divinais panquecas de noz com recheio de fatias de banana?

Eu aviso já que não: recuso-me terminantemente a resistir a estas panquecas absolutamente fenomenais. Em primeiro lugar, levam fatias de banana e nozes tostadas misturadas com a massa, o que lhe dá uma surpresa única cada vez que trinca e encontra um pedaço de banana ou uma noz crocante.

Depois, são empilhadas com umas finas camadas de Nutella e manteiga de amendoim a separá-las. O resultado é um sentido e profundo adeus à dieta. Não é que eu alguma vez a tenha abraçado, mas a pressão da minha querida Mulher Mistério é permanente.

Hoje, no entanto, não há cá limites nem contenções. Vou fazer estas fantásticas panquecas do blog A Beautiful Mess e não vou hesitar nem um segundo. Tudo o que preciso é de farinha, bicarbonato de sódio, açúcar mascavado, um ovo, leitelho, água, bananas cortadas em fatias fininhas, nozes tostadas e uma pitada de sal. Para saber as quantidades certas de cada ingrediente, consulte aqui a receita original.

6a00d8358081ff69e2017d425a9730970c-800wi.jpg