Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

casal mistério

Ele cozinha, ela viaja. Quando estão fora, testam e avaliam restaurantes, bares e hotéis. Quando se juntam em casa, escrevem sobre o que viram: o bom, o mau e o péssimo.

casal mistério

Ele cozinha, ela viaja. Quando estão fora, testam e avaliam restaurantes, bares e hotéis. Quando se juntam em casa, escrevem sobre o que viram: o bom, o mau e o péssimo.

banana split, um pequeno-almoço vegan e sem glúten para fazer em 5 minutos

Como diria o meu querido pai, “ora aqui está uma coisa que é bonita!”. É certo que normalmente ele estava a referir-se a uma jogada ou a um golo do Benfica. Como eu sou mais bolos, dou por mim a citar o meu adorado progenitor quando me deparo com pratos coloridos como este que descobri no ótimo blog Minimalist Baker.

É um excelente pequeno-almoço para começar o fim-de-semana em grande. Demora 5 minutos a preparar e faz uma vistaça em qualquer mesa.

Só precisa de bananas maduras, manteiga de amendoim, iogurte grego ou de coco, granola, frutos vermelhos, como framboesas, por exemplo, sementes de cânhamo e flocos de coco.

Se quiser saber as quantidades certas de cada ingrediente, para 4 pessoas, espreite aqui a receita original.

DELICIOUS-Raw-Banana-Splits-with-Nut-Butter-Coconut-Yogurt-Berries-and-more-5-minutes-7-ingredients-SO-satisfying-vegan-glutenfree-plantbased-minimalistbaker-10.jpg

 

 

abacates recheados com húmus, uma receita vegan ideal para levar para o trabalho

Esta receita que descobri no site Food 52 é saudável, deliciosa e vegan. Pode ser um excelente brunch, um almoço light ou uma ótima e surpreendente entrada de um jantar especial.

É facílima de fazer, por isso, vou enlouquecer, vou dar tudo, vestir o avental e arrasar na cozinha. Vou fazer uma surpresa ao meu querido Marido Mistério e fazer-lhe esta receita para o almoço. Também é muito prática para levar para o trabalho.

Só vou precisar de uma lata de grão, molho tahini, um dente de alho, açafrão em pó, sal, pimenta preta, sumo de limão, azeite, abacates, paprica e flor de sal, sementes de abóbora tostadas e cebolinho picado.  

Se quiser saber as quantidades certas de cada ingrediente, para 8 pessoas, espreite aqui a receita original.

173979fe-77a5-4aad-9aef-548c4358fe86--2018-0322_vegan-avocado-deviled-eggs_3x2_luzena-adams_10488.jpg

 

 

cheesecake de chocolate vegan para fazer em 20 minutos

Este ano, vamos ter duas Páscoas: a dietética e saudável, liderada pela minha querida e certinha Mulher Mistério, e a calórica e descontrolada, conduzida por esta pobre alma em permanente tentação que lhe escreve neste momento. Não se preocupe: para compensar os excessos que me estou a preparar para ingerir, já comprei um lugar cativo no ginásio e uns ténis novos para ir correr todos os dias até ao Verão.

Seja como for, apesar de eu educadamente dizer que a Páscoa saudável é liderada pela minha querida Ela, cabe-me a mim encontrar as receitas adequadas. E prepará-las. E cozinhá-las. E servi-las. É a escravidão mistério em todo o seu esplendor.

O que vale é que eu estou empenhado em transformar as duas Páscoas em Páscoas deliciosas. E para isso conto com este estrondoso cheesecake de chocolate vegan e sem açúcar do espectacular blog Ambitious Kitchen.

Para a base, vou precisar de pretzels, manteiga de amendoim sem açúcar, óleo de coco derretido e xarope de ácer. Para o recheio, vou comprar chocolate vegan (encontra à venda, por exemplo, no Celeiro), silken tofu (ou tofu seda, também à venda no Celeiro), extracto de baunilha, café já feito e xarope de ácer (dependendo de o chocolate ser doce ou não). Para saber as quantidades certas de cada ingrediente, consulte a receita original aqui.

tofu-cheesecake-5.jpg

 

 

tarte de manteiga de amendoim saudável, vegan e sem glúten

A minha relação com a manteiga de amendoim chega a ser ligeiramente doentia. Acho que consegue ser pior do que a que nossos Filhos Mistério têm com a Nutella. Por mim, punha manteiga de amendoim em todos os pratos: desde a sopa à salada, a passar pela sobremesa, qualquer que ela seja. Adoro nas torradas, dentro de uma batata doce assada no forno e com chocolate, então, vou ao céu. Por isso, quando descobri esta incrível tarte vegan e sem glúten no blog Eat Good 4 Life, tive de ir logo comprar os ingredientes para o meu querido Marido Mistério fazer para a nossa Páscoa.

Ele só vai precisar, para a base, de flocos de aveia sem glúten, cacau em pó, xarope de ácer ou leite de amêndoa e farinha de amêndoa. Para o recheio, precisa de manteiga de amendoim natural, bananas maduras, extrato de baunilha, xarope de ácer e óleo de coco. Finalmente, para os toppings, só precisa de amendoins salgados e tostados, pepitas de chocolate preto (vegan se preferir) e óleo de coco.

Se quiser saber as quantidades certas de cada ingrediente, para 12 pessoas, espreite aqui a receita original.

peanut-butter-pie.jpg

 

 

mousse de limão e coco só com 5 ingredientes: uma sobremesa saudável, vegan e sem glúten

Não olhe já para mim com esse ar reprovador. Eu não aguento tanta censura. Toda a gente me recrimina pela minha falta de força de vontade. Eu sei que estou de dieta, mas, primeiro, esta deliciosa mousse não é para mim: eu só vou provar uma colher; segundo, não tem açúcar nem glúten e é incrivelmente saudável. Ah, também é vegan. A receita é do blog The Iron You e só tem 316 calorias, por copo.

Só precisa de 5 singelos ingredientes: creme de coco (a parte mais sólida das latas de leite de coco), açúcar de coco ou outro adoçante que prefira, extrato de baunilha, raspas de limão e uma pitada de sal. Se quiser saber as quantidades certas de cada ingrediente, para 4 pessoas, espreite aqui a receita original.

Coconut Lemon Mousse.jpg

 

 

papas de aveia com chocolate e banana caramelizada sem glúten nem açúcar

Este é daqueles pequenos-almoços que nos enchem quase até à hora do jantar. OK, estou a exagerar, mas garanto-lhe que vai ficar sem fome durante várias horas. Esta delícia que descobri no blog Bakerita é vegan, não tem glúten nem açúcar e demora 10 minutos a fazer.

Só precisa de flocos de aveia sem glúten, uma banana esmagada, leite de amêndoa ou de coco e cacau em pó. Para a banana caramelizada, além da propriamente dita (cortada às rodelas), é bom ter à mão óleo de coco e xarope de ácer.

Pode também usar como toppings pepitas de chocolate, sementes de chia e de cânhamo, manteiga de amendoim e frutos secos tostados.

Se quiser saber as quantidades certas de cada ingrediente, para uma pessoa, espreite aqui a receita original.

Chocolate-Banana-Oatmeal-9.jpg

 

 

eight – health lounge, o novo restaurante de comida saudável onde tudo é vegan e fresco

15.png

Aqui não há tostas nem sumos, há "toasts" e "juices". O novo restaurante vegan de Lisboa chama-se Eight e promete "plant based food" num "health lounge" onde pode "sit down" e "taste life" seguindo 8 "life-changing health principles". Perante um tão arrasador cosmopolitismo linguístico, peguei no meu Oxford Dictionary e rumei confiante até à Praça da Figueira – ou Fig Tree Square, se preferir –, em Lisboa, para provar as novas enormes saladas (peço desculpa pelo aportuguesamento), as tostas, os smoothies ou os panini servidos num saudável pão integral de trigo.

 

smoothie de mirtilos e amêndoa sem glúten nem lactose

Se há coisa que me anima logo de manhã é um pequeno-almoço cheio de cor. E sou fã da cor deste smoothie que descobri no blog da Donna Hay. Apetece pôr num frasco numa prateleira da sala ao lado de umas flores do campo, como se fosse um objeto decorativo. É tão giro que até tenho pena de beber, mas lá terá de ser! Ainda por cima é facílimo de fazer.

Só preciso de amêndoas, tâmaras sem caroço, mirtilos frescos ou congelados, leite de amêndoa, gelo e sementes de chia pretas para decorar.

Se quiser saber as quantidades certas de cada ingrediente, para fazer 1 litro de smoothie, espreite aqui a receita original.

almond_and_blueberry_smoothie.jpg

 

 

cheesecake de lima e caju sem farinha nem leite nem açúcar

cheesecake.jpg

É o chamado Chesecake Nem-Nem. Nem tem açúcar nem tem farinha. Basicamente, não tem nada que engorde. E, melhor de tudo, é delicioso e tem este aspecto absolutamente divinal.

Foi a surpresa de ontem feita pela minha querida e estimada Mulher Mistério. Calma, não se entusiasme: é claro que Ela não fez esta maravilha para mim porque qualquer coisa que implique passar mais de dez minutos na cozinha é encarado por aquela cabeça como um filme do Fellini.

No entanto, a minha musa inspiradora apareceu-me ontem em casa com esta divinal receita. Não propriamente com a receita, mas com o novo livro da nossa querida Isabel Silva. Eu já tinha adorado o seu primeiro livro, O Meu Plano do Bem, e agora Ela foi a correr comprar o novo livro acabadinho de sair para as livrarias.

isabel.png

Chama-se A Comida que me Faz Brilhar e é um verdadeiro compêndio de receitas deliciosas e light. Há lá panquecas de banana, crepiocas, papas de aveia com coco e gengibre, bebidas, ceviches e aquilo que me faz perder verdadeiramente a cabeça e que a Isabel Silva chama "lambarices". Sim, estou a falar de bolos, doces e outras perdições. Todas light e absolutamente surpreendentes.

A minha lambarice preferida foi claramente este estrondoso cheesecake. Além de levar uma base hiper-light, feita com nozes e flocos de aveia, tem um fenomenal recheio feito com caju, lima e leite de coco. Está tentado a experimentar? Bem me parecia...

 

 

quer começar o seu dia de forma saudável? então faça este smoothie de coco e mirtilos sem glúten, leite nem açúcar  

Esta receita, rica em antioxidantes, é ideal para quem quer começar o dia cheio de orgulho em si próprio. Confesso que raramente me acontece. Quer dizer, já comecei o dia a portar-me lindamente mas infelizmente, ao longo das 24 horas seguintes, arranjo sempre forma de me desgraçar por completo.

Hoje vou fazer nova tentativa. Quer fazer comigo? Então faça como eu: diga não ao pão e ao galão! Não à torrada e à marmelada! Não à tentação! Sim a este smoothie espetacular que descobri no blog Beaming Baker. É facílimo de fazer: só perde 5 minutos do seu precioso tempo.

Vamos precisar de bananas congeladas e cortadas às rodelas, leite de amêndoa, mirtilos congelados e coco ralado. Para toppings, podemos usar sementes de chia, coco ralado, frutos secos e mirtilos frescos.

Se quiser saber as quantidades certas de cada ingrediente, para 2 pessoas, espreite aqui a receita original.

Blueberry-Coconut-Smoothie-Bowl-Vegan-Gluten-Free-2-1.jpg

 

 

crumble de mirtilos, um pequeno-almoço saudável para começar bem a semana

Ora bem, nem sei por onde começar… Este pequeno-almoço que mais parece uma sobremesa é tão saudável mas tão saudável que não tem praticamente nada: não tem glúten, não tem lactose, não tem cereais, não tem açúcar, é vegan e é delicioso.

A receita é do ótimo blog The Big Man’s World e vai ser o meu pequeno-almoço de hoje.

Só vou precisar de mirtilos, sumo de limão, farinha de amêndoa, farinha de coco, adoçante granulado (pode ser stevia, por exemplo), canela, manteiga de amendoim ou de amêndoa e xarope de ácer (pode usar mel se não for vegan).

Se quiser saber as quantidades certas de cada ingrediente, para 2 pessoas, espreite aqui a receita original.

healthy-blueberry-breakfast-crumble-4.jpg

 

 

crepes saudáveis de trigo sarraceno sem lactose e só com 52 calorias: o brunch para a dieta

É por causa de momentos destes que ainda estou casado com a minha querida Mulher Mistério. Confesso que, se não descobrisse receitas tão estonteantes como estes crepes de trigo sarraceno, não sei se resistiria à sua veia opressora, castradora e arrasadora. Provavelmente, já estaria casado com a Maria Vieira.

O que me vale é que, de facto, há sempre um brunch delicioso e dietético a espreitar ao virar de cada esquina. E hoje valeu-me esta fabulosa receita do incrível blog Minimalist Baker.

Tudo o que vou precisar é de farinha de trigo sarraceno (sem ser tostada), farinha de linhaça, leite de amêndoa, óleo de coco e canela. Se gostar dos crepes doces, acrescente stevia. Para saber as quantidades certas de cada ingrediente, consulte a receita original aqui.

crepes.jpg

 

creme de batata doce e amêndoa, um pequeno-almoço só com 3 ingredientes

Está com pressa? Não se preocupe. Também eu. Estou sempre, aliás. A minha vida é uma correria. E esta receita é ideal para pessoas como eu: com pouco tempo, com muita fome e com uma enorme necessidade de emagrecer. Atenção, esta receita do blog Paleo Gluten Free Eats faz-se em cinco minutos se tiver a batata doce previamente cozinhada, senão demora mais um bocadinho.

Para fazer esta maravilha macia e cremosa, só precisa de 3 ingredientes: uma batata doce já assada, manteiga de amêndoa e leite de amêndoa. Mas pode acrescentar alguns toppings (opcionais) como leite de coco, mirtilos e canela em pó.

Se quiser saber as quantidades certas de cada ingrediente, para uma pessoa, espreite aqui a receita original.

whole30-sweet-potato-bowl-3.jpg

 

 

5 ideias de tostas vegan para o seu pequeno-almoço

Para quê ir a um restaurante ou a uma pastelaria quando pode fazer estas maravilhas em casa? Doces ou salgadas, estas ideias vão encher-lhe as medidas… e o estômago, claro. As receitas são do blog Emilie Eats e acho que vou fazer todas… Vou usar pão sem glúten, tostar uma fatia por dia (sim, porque ainda estou de dieta) e fazer estas ótimas combinações.

1 (5).jpg

 

 

um pequeno-almoço saudável e sem glúten só com 229 calorias para fazer em 10 minutos

Finalmente vou conseguir dar um destino aos quilos de açaí que o nosso Filho Mistério com vocação para chef comprou com o descompensado do meu querido Marido Mistério que não sabe dizer “não” quando o assunto é comida. Quando a nossa filha adolescente lhe pede para sair à noite, o “não” sai-lhe daquela boca a uma velocidade-cruzeiro, quando o tema é comida, é o descontrolo total.

Esta incrível receita do blog Minimalist Baker vai fazer a felicidade do nosso mini-chef e vai ajudar a aliviar o nosso congelador. Além disso, parece e sabe a um batido mas cada taça só tem 229 calorias. Por isso, até eu posso comer ao pequeno-almoço. É vegan, sem glúten e fica pronto em 10 minutos.

Só precisa de 4 ingredientes: açaí congelado, bananas também congeladas, manteiga de amendoim natural e leite de coco ou de amêndoa. Se quiser, pode acrescentar espinafres e frutos vermelhos (para dar cor) mas são ambos opcionais. Para os toppings, tenha à mão: meia banana cortada às rodelas, coco ralado e sementes de girassol ou de cânhamo.

Se quiser saber as quantidades certas de cada ingrediente, para 2 pessoas, espreite aqui a receita original.

1 (3).jpg