Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

casal mistério

Ele cozinha, ela viaja. Quando estão fora, testam e avaliam restaurantes, bares e hotéis. Quando se juntam em casa, escrevem sobre o que viram: o bom, o mau e o péssimo.

casal mistério

Ele cozinha, ela viaja. Quando estão fora, testam e avaliam restaurantes, bares e hotéis. Quando se juntam em casa, escrevem sobre o que viram: o bom, o mau e o péssimo.

apresento-lhes o melhor bolo de chocolate do mundo (e do planeta kepler 452b também)

74703_369729643064574_435173286_n.jpg

Mal acabei de ver esse suicídio colectivo da administração da Control que foi aquele vídeo com adolescentes a simularem sexo anal no Nos Alive, senti uma necessidade súbita de libertar energia. E percebi que, perante um vídeo de tamanho bom gosto, só tinha duas hipóteses: ou me inscrevia na Academia de Kickboxing da Maia para um curso intensivo de dois meses ou me enfiava na Landeau, no Chiado.

 

526938_383532591684279_1902162366_n.jpg

É claro que optei pelo kickboxing. Mas, enquanto não apanho o Alfa Pendular para o Porto, resolvi passar pelo Chiado. E devo dizer-lhes que isto foi há três dias e eu ainda não consegui sair de lá. Só para começo de conversa, tenho uma declaração a fazer: eu, Ele Mistério, que não sou homem de exageros nem de hipérboles, declaro sob minha honra que este é o melhor bolo de chocolate dos planetas Terra e Kepler 452b e determino que nenhum humanóide, esteja ele em que galáxia estiver, pode não experimentar este fenómeno da natureza – e da senhora Landeau.

Está dito. Agora vou mergulhar como o Willy Wonka na piscina de chocolate da fábrica da Landeau.

577630_369729663064572_22961051_n.jpg

O bolo

Mas porquê toda esta excitação ligeiramente juvenil? Bom, primeiro porque eu sou um bocado infantilóide, depois porque este bolo parece ter saído do forno com as quantidades perfeitas de sal e açúcar, de cacau e de leite, de calor e de humidade. O bolo é fininho, macio e muito pouco doce. E está dividido em três camadas: uma de bolo por baixo, uma de mousse no meio e uma última de chocolate em pó por cima. E tudo isto com texturas suaves que se complementam: o bolo é leve e macio, a mousse é cremosa mas consistente e o chocolate em pó é aveludado e solto. 

10857830_766982790005922_6948110940368375305_n.jpg

10885132_766982810005920_8935058276484253053_n.jpg

Mas o grande segredo, a incomparável perfeição está no sabor. Bolos de chocolate com texturas acertadas há alguns, mas bolos de chocolate que somos capazes de comer às paletes durante 352 dias por ano há muito poucos. Ou quase nenhum. Invariavelmente tornam-se enjoativos e doces demais. E é aí que o bolo da Landeau faz toda a diferença. Na verdade, parece que quase não leva açúcar e o que surpreende é a combinação do chocolate com um subtilíssimo toque salgado.

Infelizmente, a receita é secreta (isto dos mistérios devia ser proibido) e só se sabe que são usados três tipos de chocolate diferentes na confecção. O resultado é irreproduzível.

533356_369729393064599_1187060684_n.jpg

O ambiente

Além de aceitar encomendas, a Landeau tem duas lojas: uma no Lx Factory e outra no Chiado. Decoradas com um estilo vintage, a loja do Chiado tem aquela enormíssima vantagem de aproveitar a estrutura de um edifício com centenas de anos: arcos no tecto, paredes de pedra grossa e um ambiente único. Depois os pormenores ajudam: há sofás espalhados pela sala com pequenas mesinhas ao lado e uma mesa grande comum à volta da coluna no centro da loja.

549451_369729529731252_952939569_n.jpg

O serviço

Já ouvi dizer que há dias complicadíssimos, com filas que sobem a Rua das Flores, mas eu apanhei o espaço sempre com pouca gente – é a vantagem de ir a um dia de semana, durante a tarde. Da última vez que lá estive, havia uma única empregada atrás do balcão que chegava perfeitamente para mim e para os dois casais de estrangeiros que se deliciavam à volta das várias opções de chocolate.

526195_369729409731264_1669693666_n.jpg

As bebidas

Aqui vende-se chocolate e quase só chocolate. A única coisa que consegue provar, além do bolo da Landeau, é uma bebida para acompanhar. Há café (€0,80), chocolate quente (€3), chá (€1,70) ou um cálice de vinho do Porto (€3,50). Eu limitei-me a pedir um chá gelado: é fresco e enche pouco, o que deixa mais espaço livre para o bolo. Só é pena é ser tão caro: €3,50 cada fatia.

 

O bom

A decoração

O mau

O preço

O óptimo

O bolo

 

Um abraço para os administradores da Control onde quer que os seus neurónios estejam,

Ele

 

fotos: landeau

 

11 comentários

Comentar post