Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

casal mistério

Ele cozinha, ela viaja. Quando estão fora, testam e avaliam restaurantes, bares e hotéis. Quando se juntam em casa, escrevem sobre o que viram: o bom, o mau e o péssimo.

casal mistério

Ele cozinha, ela viaja. Quando estão fora, testam e avaliam restaurantes, bares e hotéis. Quando se juntam em casa, escrevem sobre o que viram: o bom, o mau e o péssimo.

bebida para os dias de calor que vêm aí: os chás gelados do starbucks

Sou fanático por chás. Bebo chá de manhã, bebo chá ao almoço, bebo chá à tarde e até bebo chá à noite. Bebo chá em qualquer lado e com qualquer pessoa. Adoro lojas de chás, onde se pode escolher, ver e cheirar as folhas. Adoro bules e todas as variações de design que existem hoje em dia.

É nesta fase do texto que você se pergunta: 

- Mas este louco varrido crashou o cérebro? Acordou e resolveu fazer um post sobre chás agora que vêm aí dias em que estarão 35 graus dentro de um frigorífico? Insandeceu? Flipou? Alucinou? Bloqueou?

Nossa, que violência! Também não é preciso utilizar tantos sinónimos de loucura só para me descrever. De facto, não jogo com o baralho todo, mas o nível de insanidade também não é assim tão grave como está a pensar. Resolvi falar hoje de chás exactamente porque vem aí o calor. E porque gosto de chás quentes, mas gosto ainda mais de chás gelados. É uma óptima bebida para o Verão e uma alternativa mais saudável à caipirinha, à sangria e a todas as outras óptimas bebidas que implicam a ingestão de uma quantidade apreciável de álcool.

Apesar de não ser daquelas pessoas que andam pelo escritório sempre com uma caneca fumegante atrás, aumentou o meu índice de visitas ao Starbucks desde que, este ano, tirei as T-shirts da naftalina. Por duas razões. A primeira: chá gelado de menta com spearmint. A segunda: chá gelado de menta com laranja e jasmim. A infusão é feita no momento e demora três minutos a ficar gelada como um granizado. Para mais, é servida  num daqueles copos transparentes que são muitos mais agradáveis de passear do que aquelas canecas que vejo lá pelo escritório.

O chá de laranja e jasmim é um pouco mais forte e frutado; o chá de spearmint é mais leve e adocicado. Ambos ficam lindamente sem açúcar (mais uma dica para a dieta da minha querida Ela) e são óptimos para os dias de calor. Se não gosta de sabores muito fortes, convêm tirar a saqueta mal o chá é servido. E se não gosta de menta, tem outras opções, com especiarias, chá preto e até gengibre. A variedade não é muito grande. Mas é razoável.

Até Outubro, eu andarei por aqui. E depois também – para beber os chás quentes.

 

Uma boa chazada para si onde quer que esteja,

Ele

4 comentários

Comentar post