Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

casal mistério

Ele cozinha, ela viaja. Quando estão fora, testam e avaliam restaurantes, bares e hotéis. Quando se juntam em casa, escrevem sobre o que viram: o bom, o mau e o péssimo.

casal mistério

Ele cozinha, ela viaja. Quando estão fora, testam e avaliam restaurantes, bares e hotéis. Quando se juntam em casa, escrevem sobre o que viram: o bom, o mau e o péssimo.

chá das cinco no palácio das cardosas no porto

 

Vou ser franca. Sempre embirrei com “os dias internacionais de qualquer coisa”. Bom, exceção feita para o dia da criança, quando era miúda. Agora, parece que todos os dias são dias de alguma coisa, e confesso que até mesmo o dia internacional da mulher me irrita um bocadinho. “Porque é que não há o dia internacional do homem?”, perguntou-me outro dia um dos membros femininos da nossa equipa de futsal. Expliquei-lhe que infelizmente este dia é muito importante para despertar consciências sobre as atrocidades que milhões de mulheres ainda sofrem em todo o mundo. E sendo um dia fundamental para recordar que as mulheres devem ser tratadas como rainhas, nada como celebrar o dia 8 de março como uma princesa.

 

 

Um pouco de História

É isso mesmo que propõe o Bar do Palácio das Cardosas no Porto. Um chá das cinco digno da princesa Catarina de Bragança. Sim, porque o famoso “english tea” ou o “five o´clock tea” foi uma tradição introduzida por uma portuguesa na corte inglesa. Quando Catarina de Bragança, filha de D. João IV, se casou com Carlos III de Inglaterra, levou consigo um dote, no mínimo, exótico: 500 mil libras de ouro, o livre comércio de Inglaterra com as possessões portuguesas na Ásia, em África e nas Américas, a cidade de Bombaim e uma caixa de chá… (quem diria que uns séculos depois estaríamos sob um resgate e a poupar até no chá?) O que é facto é que esta caixa mudou para sempre a vida e os hábitos dos ingleses que, até hoje, não abdicam do chá das cinco, com scones e marmelada (também esta vinha na mala de D. Catarina).

 

 

Por isso, vamos esquecer que vivemos num pobre país resgatado pela troika e fingir que estamos na corte inglesa por uma tarde. Os ingredientes estão lá todos: um palácio, livros, chás e scones deliciosos e até um piano de cauda. Com uma vista privilegiada sobre a cidade do Porto, vai poder provar os mais variados chás dos quatro cantos do mundo.

 

 

O Verdadeiro Chá das Cinco – Scones, mini sandwiches com compotas, manteigas e natas batidas: 35€ para duas pessoas

Chá e Scones – 12,50€ por pessoa

Chá e Mini Sandwiches – 14,50€ por pessoa

Depois deste lanche, vou celebrar o dia internacional da mulher… gorda!

Ela

1 comentário

Comentar post