Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

casal mistério

Ele cozinha, ela viaja. Quando estão fora, testam e avaliam restaurantes, bares e hotéis. Quando se juntam em casa, escrevem sobre o que viram: o bom, o mau e o péssimo.

casal mistério

Ele cozinha, ela viaja. Quando estão fora, testam e avaliam restaurantes, bares e hotéis. Quando se juntam em casa, escrevem sobre o que viram: o bom, o mau e o péssimo.

cheesecake de leite condensado, uma sobremesa para fazer em menos de 15 minutos

Primeiro, as más notícias: ontem cheguei a casa e a ala feminina da minha querida Família Mistério anunciou que ia entrar em dieta rigorosa. Não estou a falar da respeitada líder Ela Mistério, não estou a falar da Mini-Misteriosa mais velha – estou a falar de todas as Misteriosas desta casa. Foram todas em peso (peço desculpa, não era trocadilho...) a uma nutricionista e anunciaram que vão eliminar os hidratos de carbono, o açúcar, a gordura... basicamente tudo.

Agora, as boas notícias: a medida só entra vigor na segunda-feira, o que quer dizer que ainda tenho algumas horas de liberdade. Ou, melhor: algumas horas de anarquia, porque vou aproveitá-las para preparar um fenomenal cheesecake para a desgraça: leva açúcar, leva leite condensado, leva bolachas, leva tudo a que tenho direito.

A receita é do sempre espectacular site The Kitchn e só vou precisar de bolachas digestive, açúcar mascavado, manteiga derretida, queijo creme, uma lata de leite condensado, sumo de limão espremido no momento e extracto de baunilha. Para saber as quantidades certas de cada ingrediente, consulte a receita original aqui.

7b1f0e654503807238d906bd8cff5330407fd8a2.jpeg

 

Os primeiros dois minutos são para picar as bolachas com a manteiga derretida e o açúcar mascavado no robô de cozinha ou no liquidificador. Quando tiver um crumble fininho, está feito.

Mais dois minutos para espalhar o crumble pelo fundo e pelos lados de uma forma de tarte com o fundo amovível. Os dez minutos seguintes são para levar a base do cheesecake ao frigorífico. Enquanto isso, bata o queijo creme até ficar macio. Acrescente o leite condensado, o sumo de limão e o extracto de baunilha e bata durante mais dois minutos.

Assim que tiverem passado os dez minutos, retire a base do frigorífico e espalhe o creme por cima. Está pronto. Se gostar do cheesecake mais firme, volte a colocá-lo no frigorífico durante cerca de quatro horas – mas, atenção, este é tempo de espera, não é tempo de trabalho.

Sirva o cheesecake com umas amoras ou umas framboesas por cima e delicie-se à vontade: a dieta começa sempre amanhã.

 

Um óptimo cheesecake para si onde quer que a dieta esteja,

Ele

 

receita e foto: the kitchn

 

2 comentários

Comentar post