Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

casal mistério

Ele cozinha, ela viaja. Quando estão fora, testam e avaliam restaurantes, bares e hotéis. Quando se juntam em casa, escrevem sobre o que viram: o bom, o mau e o péssimo.

casal mistério

Ele cozinha, ela viaja. Quando estão fora, testam e avaliam restaurantes, bares e hotéis. Quando se juntam em casa, escrevem sobre o que viram: o bom, o mau e o péssimo.

cuscuz de frango, tomate, orégãos e cajus para levar para a praia (e só demora 7 minutos a fazer)

Estava eu calmamente a planear mais uma salada para levar para a praia este fim-de-semana quando levei com a notícia de chapa: vêm aí mais uns dias que vão transformar Portugal numa pequena Lapónia. Até sábado, despeça-se emotivamente de 5 graus celsius que decidiram deixar-nos a caminho do Norte de África.

Perante esta hecatombe meteorológica, guardei a alface e a rúcula no frigorífico e decidi preparar alguma coisa leve, portátil, para levar para a praia quando o tempo está de Outono. Cuscuz. É rápido, é fácil, é saudável e não é tão leve que nos deixe com frio ao fim da tarde. Aproveitei um resto de frango da véspera e coloquei o avental. Depois fui buscar uma embalagem de cuscuz médio (é importante a grossura do cuscuz porque os muito pequenos ficam mais empapados). A partir daqui, foi rápido.

Piquei uma cebola e fiz um refogado com azeite (não coloque muito para não ficar enjoativo quando o comer frio). Quando a cebola estava dourada, deitei o frango lá para dentro e temperei com sal e pimenta em grão. Depois despejei dois copos de água a ferver para dentro da panela. Quando a água levantou fervura, desliguei o lume e deitei quatro tomates em cubos e dois copos iguais de cuscuz. Mexi duas ou três vezes, tapei a panela e fui olhar para o céu para ver se via no horizonte o anticiclone dos Açores. Dois minutos depois voltei à cozinha. Mexi mais uma vez e tirei o cuscuz da panela para uma taça onde arrefeceu ao ar livre. Antes de servir, pus por cima umas folhas de orégãos e uns cajus partidos. É um óptimo almoço para um dia de praia. E os miúdos adoram.

Quando preparo a lancheira, ponho seis copos de plástico e seis colheres de sopa. Na praia, sirvo o cuscuz nos copos e misturo os cajus e os orégãos no momento. Eu sei que tudo isto dá um ar um bocado cromo – a família numerosa à volta da lancheira a comer cuscuz de copos de plástico... – mas já há uns anos que desisti dos hambúrgueres hiper-calóricos e das sanduíches mega-gordurosas que se vendem na praia. Prefiro levar de casa alguma coisa saudável e rápida de fazer. Este cuscuz levou sete minutos a preparar. E não sobrou um grão para contar a história. Nem deste prato que preparei (e devorei) antes de sair de casa.

 

Ingredientes para 6 bocas famintas 

- 2 copos grandes de cuscuz

- 2 copos iguais de água a ferver

- 1 cebola picada

- 3 bifes de frango

- 4 tomates aos cubos

- Azeite

- Cajus

- Orégaos

- Sal

- Pimenta em grão

 

Um bom fim-de-semana de praia para si onde quer que esteja,

Ele 

1 comentário

Comentar post