Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

casal mistério

Ele cozinha, ela viaja. Quando estão fora, testam e avaliam restaurantes, bares e hotéis. Quando se juntam em casa, escrevem sobre o que viram: o bom, o mau e o péssimo.

casal mistério

Ele cozinha, ela viaja. Quando estão fora, testam e avaliam restaurantes, bares e hotéis. Quando se juntam em casa, escrevem sobre o que viram: o bom, o mau e o péssimo.

e o melhor gin do mundo (acabadinho de ser eleito) é...

1240209_880169822001423_1246817181547495104_n.jpg

Há quem vibre com a Liga de Futebol, há quem vibre com a noite dos Óscares, eu vibro com a eleição dos Melhores Gins do Mundo. E hoje foi eleito o melhor gin de 2016. Por isso, estou aqui, de smoking nos ombros e copo na mão, para brindar ao magnífico Martin Miller's Westbourne Strength. É uma espécie de Ronaldo da Martins Miller's e ganhou a gigantesca prova cega deste ano, organizada pelo The Drinks Report, o mais prestigiado site para profissionais de bebidas.

Antes de abrirmos a garrafa e começarmos a servir, deixe-me só dizer-lhe que esta votação se divide em três etapas ao longo das quais um gigantesco painel de jornalistas, bartenders, donos das principais destilarias e especialistas internacionais avaliam cada gin sempre com os olhos vendados. E este ano escolheram este Westbourne Strength que, além de ser destilado naqueles que são considerados os Rolls Royce dos alambiques, ainda é levado até à Islândia onde lhe é acrescentada água extraída dos glaciares e que é conhecida como a água mais pura do mundo.

Mas, para não me tornar no José Hermano Saraiva dos copos, o melhor é seguir em frente e dar três receitas diferentes para servir este gin deslumbrante.

 

main_MM-westb.jpg

Com Maçã Granny Smith

Gin Lovers

Comece por gelar o copo com gelo de água mineral. Depois, coloque uma fatia fininha de maçã Granny Smith e três bagas de zimbro ligeiramente apertadas com os dedos. Deite 5 cl de gin e 20 cl de água tónica e já está.

 

Com Maçã e Canela

The Gin Blog

Gele o copo com pedras de gelo grandes rodando o gelo à volta. Deixe escorrer a água que derreteu. Deite o gin lentamente a uma distância razoável do copo enquanto conta 1001, 1002, 1003 (não se distraia a contar senão acaba de beber este gin como o Mel Gibson acaba todas as noites). Corte uma fatia de maçã verde e divida-a em palitos da grossura de batatas fritas. Coloque os palitos no copo com um pau de canela e espere uns segundos para que os aromas sejam absorvidos pelo gin. Deite uma garrafa de água tónica através das costas de uma colher e sirva.

10959519_920389214646150_798634938943847687_n.jpg

Com Lima ou Toranja

Martins Miller's

Gele o copo com pedras de gelo grandes (isto começa a tornar-se ligeiramente repetitivo), rode e escorra a água derretida. Coloque uma casca de lima ou de toranja. Sirva 5 cl de gin e 20 cl de água tónica. E está pronto para beber.

Agora acabou-se a conversa que vou tratar do meu gin tónico de fim de tarde. 

 

Leia ainda:

 

Um óptimo gin para si onde quer que o Martin Miller's esteja,

Ele

 

Martin Miller's Westbourne Strength

45,2% de teor alcoólico

Aromas de zimbro, laranja, pepino, canela e outros

Preço: cerca de €45