Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

casal mistério

Ele cozinha, ela viaja. Quando estão fora, testam e avaliam restaurantes, bares e hotéis. Quando se juntam em casa, escrevem sobre o que viram: o bom, o mau e o péssimo.

casal mistério

Ele cozinha, ela viaja. Quando estão fora, testam e avaliam restaurantes, bares e hotéis. Quando se juntam em casa, escrevem sobre o que viram: o bom, o mau e o péssimo.

espetadas de camarão e ananás com molho de manteiga de amendoim para fazer em 15 simples minutos

O camarão está a começar a ser para esta casa aquilo que o Despacito é para a rádio portuguesa: um verdadeiro massacre. Mas o que é que eu hei-de fazer? Tal como o meu filho adolescente não enjoa com o Justin Bieber, eu não consigo enjoar com camarão. E sempre tenho uma vantagem em relação à música: enquanto aquela é sempre igual, cá em casa o camarão nunca se come da mesma maneira.

A minha última grande descoberta foi esta fantástica receita do New York Times: umas deliciosas e facílimas espetadas de camarão, acompanhadas com ananás grelhado e com um fabuloso molho de manteiga de amendoim.

Tudo o que vou precisar é de camarão, ananás, manteiga de amendoim natural (sem açúcares nem outras maldições da balança), leite de coco sem açúcar, sumo de lima espremido no momento, açúcar mascavado (tranquilize-se que é só meia colher de chá por pessoa...), molho de soja, gengibre fresco ralado, alho picado, molho tabasco (ou outro picante se gostar), sal, óleo de amendoim, piripíri e coentros. Para saber as quantidades certas de cada ingrediente, consulte a receita original aqui.

11Dinner-articleLarge.jpg

 

Hoje é chegar a casa, colocar o Despacito a tocar e fazer o jantar rapidamente. Só tenho de bater bem num liquidificador a manteiga de amendoim com o leite de coco, o açúcar, o sumo de lima, o gengibre, o alho, o molho de soja, o tabasco, o sal e três colheres de sopa de água quente. Assim que estiver um creme suave, posso passá-lo para uma taça onde vai ser servido.

Agora é colocar os camarões e o ananás em espetadas diferentes. Depois, misturo o óleo de coco com sal e piripíri e pincelo os camarões e o ananás com este tempero. Levo ao forno, pré-aquecido a 250º C, até os camarões começarem a ficar cor-de-rosa e o ananás caramelizado – é cerca de cinco minutos para o camarão e dez minutos para o ananás. Salpico com coentros e sirvo com o molho de manteiga de amendoim ao lado.

Além da velocidade supersónica a que este jantar fica pronto, temos de admitir que é capaz de ser um dos jantares mais simples de comer: é só ir molhando as espetadas no molho e deliciar-se.

 

Leia ainda:

 

Um óptimo jantar para si onde quer que o camarão esteja,

Ele

 

receita e foto: the new york times

1 comentário

Comentar post