Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

casal mistério

Ele cozinha, ela viaja. Quando estão fora, testam e avaliam restaurantes, bares e hotéis. Quando se juntam em casa, escrevem sobre o que viram: o bom, o mau e o péssimo.

casal mistério

Ele cozinha, ela viaja. Quando estão fora, testam e avaliam restaurantes, bares e hotéis. Quando se juntam em casa, escrevem sobre o que viram: o bom, o mau e o péssimo.

há mais novidades no mercado da vila em cascais

1075856_528725360578056_712508530_n.jpg

Hoje temos uma boa e uma má notícia. Ou uma má e uma boa notícia, como preferir.

Só precisa de dizer: qual quer ouvir primeiro?

Então, não diz nada?

Foi o que eu pensei, emudeceu com o choque: uma má notícia para o Casal Mistério é uma hecatombe para a humanidade gastronómica. Mais ou menos.

Vamos então começar pela tragédia alimentosa. O Gulli fechou. É assim mesmo. De repente. Como se fosse uma pancada seca. Para doer menos. Ouviu bem. O Gulli fechou. E com ele uma das mais espantásticas esplanadas da Estremadura lusitana. 

 

480374_299139993536595_757823988_n.jpg

Para quem ainda está meio abananado e não percebeu bem a magnitude da coisa, eu explico. O Gulli era um fantástico restaurante italiano, dos mesmos donos da Confraria, que morava no Hotel Albatroz Bayside Villa, um pequeno hotel de charme na baía de Cascais. No espaço do Gulli esteve antes o 100 Maneiras, de Ljubomir Stanisic, a ocupar uma esplanada única que fica mesmo de frente para a baía e a praia.

10153968_530861330364459_781398043_n.jpg

Agora que já levou este soco de Mike Tyson que o atirou ao chão, vamos ajudá-lo a levantar-se: perdeu-se a esplanada, mas não se perdeu o restaurante. A boa notícia é que o Gulli vai abrir no Mercado da Vila, também em Cascais.

Mas se isto não lhe chega, há mais: o Mercado da Vila, que já tem o Marisco na Praça, o Grão d' Amor e o Páteo do Petisco, está a transformar-se à velocidade a que Michael J. Fox virava Lobijovem quando se irritava. Além do Gulli, que deverá abrir em breve, estreou na sexta-feira um novo wine bar. É a antiga loja de Joaquim Arnaud, um conhecido produtor de enchidos e presuntos de Mora, no Alentejo, que agora virou um bar de vinhos e tapas.

Meus amigos, o mundo pula e avança enquanto nós estamos principescamente sentados à frente dos nossos computadores. Não há tempo a perder. É arrumar a trouxa e fazer-se à estrada. O Mercado da Vila, em Cascais, espera por nós.

1800040_520388034745122_1182269802_o.jpg

Eu só preciso de um esclarecimento, primeiro. O Gulli vai manter a ementa, no mercado? É que, para mim e para a minha prole que lá jantou uma noite por baixo de um tranquilo céu estrelado, há uma dúvida que carece de esclarecimento imediato: vão manter a Tortelli di Zuca ou não? Estamos a falar de uma estratosférica massa fresca feita ali mesmo e recheada com requeijão, abóbora e parmesão, servida com um molho de manteiga de trufa e acompanhada com espinafres frescos e tomatinho. Por cima ainda levava uns amaretti, mel, vinagre balsâmico de figos e um queijinho de cabra. 

E já nem falo do carpaccio de vaca acompanhado de cogumelos silvestres para não sofrer mais em público.

 

Um abraço para as boas notícias onde quer que elas estejam,

Ele