Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

casal mistério

Ele cozinha, ela viaja. Quando estão fora, testam e avaliam restaurantes, bares e hotéis. Quando se juntam em casa, escrevem sobre o que viram: o bom, o mau e o péssimo.

casal mistério

Ele cozinha, ela viaja. Quando estão fora, testam e avaliam restaurantes, bares e hotéis. Quando se juntam em casa, escrevem sobre o que viram: o bom, o mau e o péssimo.

leia as cartas que as crianças escreviam ao pai natal há 100 anos

Dia de chuva, de frio e de luzes de Natal na rua dá-me para isto. Transformo-me num verdadeiro Charles Dickens e sou assolado por uma onda revivalista e comovente. Hoje, passei a minha manhã a ler as mais espectaculares cartas escritas pelas crianças ao Pai Natal no início do século XX.

Há pedidos por uma salamandra porque está frio em casa, por um irmão para poder brincar e até há quem sonhe com a noite em que o Pai Natal lhe traz um palhaço montado em cima de um burro.

O fabuloso trabalho é da página de Twitter Tweets of Old que foi pesquisar os jornais do início do século passado e os está a transformar em tweets. Nesta época do Natal, resolveu fazer um especial com as cartas enviadas pelas crianças para o Pai Natal.

Os textos são cortados e editados para caberem em 140 caracteres, mas são sempre os textos originais escritos no início do século XX. Veja aqui a selecção dos melhores. E pode ir já buscar o lenço – o Charles Dickens não faria melhor.

American_Children_Give_British_Party-_Christmas_For_Evacuees,_Henley-on-thames,_Oxfordshire,_1941_D5698.jpg

 

Querido Pai Natal,

A minha boneca teve um acidente muito mau. Ela esmagou a cabeça numa porta, por isso agora ela não tem nenhuma cabeça. Por favor, traz-lhe uma cabeça.

Olga, Illinois, EUA

1903

 

Querido Pai Natal,

Por favor, pede a Deus para nos dar a nossa mãe de volta e podes dar os nossos presentes a outra pessoa. Nós só a queremos a ela.

Harriette, Nebraska, EUA

1901

 

Querido Pai Natal,

Traz-me só tudo aquilo que tiveres. Por favor, não te esqueças. Bem, é tudo o que eu quero.

Alice, Texas, EUA

1900

 

Querido Pai Natal,

Não venhas a minha casa, vais assustar-me. Vai antes a casa do Tio Henrique.

Clyde Lowe, Illinois, EUA

1903

 

Querido Pai Natal,

Eu quero uma bola de basquetebol e uns doces. Lembras-te quando eu fechei a porta na tua cara? Eu tinha medo de ti nessa altura.

Jewel, Novo México, EUA

1922

Children's_Christmas_party_after_Halifax_explosion_(10966949964).jpg

Querido Pai Natal,

Eu ia pedir uma boneca, mas tenho medo que as raparigas se riam de mim.

Anson, Nova Iorque, EUA

1902

 

Querido Pai Natal,

É melhor trazeres-me aquilo que eu quero ou quando te vir arranco-te a cabeça. Esperando receber as minhas coisas. O teu adorado miúdo

Hexie Bunsclos, Indiana, EUA

1910

 

Querido Pai Natal,

Traz um vestido novo para a mãe. E um fato novo para o pai. E a mim 100 dólares em amendoins. Acho que é tudo.

Russell, Missouri, EUA

1919

 

Querido Pai Natal,

Traz-me as mesmas coisas que trazes ao meu irmão Joe, só que mais e melhores. Eu vivo no mesmo sítio que ele.

Guy, Oklahoma, EUA

1901

 

Querido Pai Natal,

Por favor, traz-me um palhaço montado em cima de um burro. Eu não tenho um pai que goste de nós. Ele dá todo o seu dinheiro a outras crianças. Com amor,

David, Indiana, EUA

1913

Santa_Claus_and_children_at_the_I.O.O.F._Christmas_party,_Bexley,_22_Dec_1934_-_by_Sam_Hood_(3081725470).jpg

Querido Pai Natal,

Por favor, traz-me um cavalo, alguma madeira, e um martelo e pregos. O papá espera que eu venha a ser uma carpinteira. A tua,

Rhoda, Virginia, EUA

1900

 

Querido Pai Natal,

Traz-me um irmão com quem brincar. O papá era um Democrata mau quando ele casou com a mamã, mas ela mudou-o e agora ele é um Republicano péssimo.

Melvin, Missouri, EUA

1898

 

Querido Pai Natal,

Eu achava que tu ´estava` morto, eu escrevi-te muitas vezes e tu não respondeste. O jornal disse que tu ´estava` a morar num hotel.

Joe, Califórnia, EUA

1907

 

Querido Pai Natal,

Trazes-me, por favor, uma salamandra, está muito frio porque o petróleo foi embora e nós não o podemos fazer voltar. 

Rute, Ohio, EUA

1904

 

Senhor Pai Natal,

Podes, por favor, trazer-me um vagão com um pato a puxá-lo? Eu tenho 5 anos. Sou gordo. Eu fui criado a comer melões. O Howard diz que é tão grande como eu, mas não é. Ah! Esqueci-me de te dizer que quero alguns doces. Adeus.

Harold Bell, Missouri, EUA

1903

 

Um óptimo Natal para si onde quer que a sua carta de criança esteja,

Ele

 

foto: d.r.

 

2 comentários

Comentar post