Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

casal mistério

Ele cozinha, ela viaja. Quando estão fora, testam e avaliam restaurantes, bares e hotéis. Quando se juntam em casa, escrevem sobre o que viram: o bom, o mau e o péssimo.

casal mistério

Ele cozinha, ela viaja. Quando estão fora, testam e avaliam restaurantes, bares e hotéis. Quando se juntam em casa, escrevem sobre o que viram: o bom, o mau e o péssimo.

mercado da ribeira abre amanhã ao público

Acabadinhos de aterrar mas sempre em cima do acontecimento: O novo Mercado da Ribeira reabre ao público já amanhã, com um conceito totalmente inovador. E nós estamos lá caídos. O projeto de revitalização do espaço, idealizado e concretizado pela revista Time Out (que ganhou o concurso público lançado pela câmara há mais de três anos), vai ter 30 espaços de restauração e bebidas e cerca de 750 lugares sentados (500 de área coberta e 250 de esplanada). O Mercado de Campo d´Ourique que se cuide. Para já, ainda antes da inauguração, 1-0 para o Mercado da Ribeira só pelos lugares sentados.

A ousada e original Time Out decidiu transformar-se num espaço e, por isso, João Cepeda, o diretor da versão lisboeta da publicação, chama ao novo Mercado da Ribeira a primeira revista para ler, comer e beber. Garante que é “o primeiro projeto editorial a três dimensões do mundo”. Com um investimento de cinco milhões de euros, tem como objetivo a fusão da atividade tradicional do mercado com projetos gastronómicos, culturais, de comércio e lazer. E deverá criar mais de 300 postos de trabalho diretos.

Uma das estrelas maiores da nova praça de restauração é Dieter Koschina: o chef do Vila Joya, recentemente considerado o 22º melhor restaurante do mundo, estreia-se em Lisboa com o Tartar-ia. Especializado em tártaros, salgados e doces, vai ter criações com salmão, vaca, porco, bacalhau fresco ou mesmo só com produtos vegetarianos.

Além disso conte com espaços dos chefs Alexandre Silva, Miguel Castro e Silva, Henrique Sá Pessoa, Marlene Vieira ou Vítor Claro; representações de restaurantes como o Sea Me, O Prego da Peixaria, Café de São Bento ou Honorato; os chocolates da Arcádia, as conservas da Conserveira de Lisboa, os gelados do Santini, as propostas da Garrafeira Nacional e de João Portugal Ramos, as artes da Vista Alegre ou, entre outros, bares da Super Bock, da Sumol e Compal ou da Delta. Tudo isto está à sua espera a partir de amanhã (18 de maio) a partir do meio-dia. O horário é de domingo a quarta das 10h à meia-noite; de quinta a sábado das 10h às duas da manhã.

Encontramo-nos lá amanhã?

Bom fim de semana,

Ela

  

2 comentários

Comentar post