Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

casal mistério

Ele cozinha, ela viaja. Quando estão fora, testam e avaliam restaurantes, bares e hotéis. Quando se juntam em casa, escrevem sobre o que viram: o bom, o mau e o péssimo.

casal mistério

Ele cozinha, ela viaja. Quando estão fora, testam e avaliam restaurantes, bares e hotéis. Quando se juntam em casa, escrevem sobre o que viram: o bom, o mau e o péssimo.

muffins de chocolate, banana e courgette (sim, leu bem) sem glúten para fazer em 5 minutos

Não, ainda não enlouqueci, mas como gosto de arriscar a minha vida e viver experiências novas, tenho de experimentar esta receita exótica que descobri no incrível blog Paleo Gluten Free Eats. Vale mesmo a pena espreitar o blog e conhecer a sua autora que, com apenas 20 anos, faz um trabalho extraordinário. Desenvolve receitas originais como estes surpreendentes muffins sem farinha e com courgettes entre os ingredientes! São saudáveis, fáceis e deliciosos. São fofinhos sem serem demasiado doces e sabem sobretudo a banana e a chocolate.

Só precisa de farinha de amêndoa, bananas maduras, courgette ralada, stevia líquida, ovos, fermento, extrato de baunilha e pepitas de chocolate. Se quiser saber as quantidades certas de cada ingrediente, para 10 muffins, espreite aqui a receita original.

best-paleo-banana-zucchini-muffins-9-678x1024.jpg

 

Pré-aqueça o forno a 200º C. Prepare uma forma de muffins, forrando cada buraco com papel vegetal.

Junte todos os ingredientes no liquidificador, menos a courgette ralada e as pepitas de chocolate. Quando obtiver uma massa com uma consistência homogénea, acrescente a courgette e as pepitas de chocolate. Distribua a massa pelas formas de muffin, enchendo só até ¾. Leve ao forno durante 40 minutos a 200º C. Quando estiverem prontos, polvilhe farinha de araruta por cima dos muffins. Se não fizer ideia do que é esta farinha (como eu), clique aqui.

E agora, diga lá a verdade: arrisca a fazer estes muffins com courgette?

 

Boa sorte,

Ela

 

receita e foto: paleo gluten free

 

4 comentários

Comentar post