Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

casal mistério

Ele cozinha, ela viaja. Quando estão fora, testam e avaliam restaurantes, bares e hotéis. Quando se juntam em casa, escrevem sobre o que viram: o bom, o mau e o péssimo.

casal mistério

Ele cozinha, ela viaja. Quando estão fora, testam e avaliam restaurantes, bares e hotéis. Quando se juntam em casa, escrevem sobre o que viram: o bom, o mau e o péssimo.

o ex-eataly, atual italian republic do alegro

Vou muitas vezes a este restaurante à hora de almoço. Como adoro comida italiana, é uma das minhas "cantinas" preferidas em centros comerciais. Já o experimentei em três shoppings: Alegro, Amoreiras e Colombo. E o do Alegro é claramente o vencedor. O das Amoreiras é uma desgraça no que toca ao serviço. A culpa nem é dos empregados que estão o tempo inteiro a pedir desculpa porque os pratos demoram horas. Pelo que percebi, a cozinha estava sem rei nem roque e mesmo à beira de uma revolta. E isto aconteceu duas vezes seguidas, por isso, não voltei lá uma terceira, com medo de uma pizza armadilhada. Ainda por cima, é mais caro do que os outros. Não sei se é por as Amoreiras ser um gueto de betos, ali paga-se mais do que nos outros restaurantes, o que logo à partida, me irrita um bocadinho. Já o Colombo tem outro drama. Como o centro comercial é gigante, o restaurante está sempre cheio, não de betos mas de uma miscelânea de gente. Temos sempre de ficar na fila à espera de mesa o que, convenhamos, não dá jeito nenhum para quem, como eu, tem sempre pressa à hora de almoço.

Por isso, sempre que posso, opto pelo do Alegro. Às vezes também ficamos à espera de mesa, mas o empregado traz-nos sempre a lista para irmos escolhendo, para ser mais rápido. Como sou muito de hábitos e rotinas, costumo pedir quase sempre a mesma coisa.

A ementa

De entrada, uma espécie de pizza gigante fina e estaladiça temperada com azeite e alecrim, (simplesmente deliciosa e viciante) ideal para partilhar, e depois, como fico sempre com remorsos porque estraguei a dieta, peço uma salada Eataly, que tem uma variedade de alfaces com tomate, mozzarella, presunto e molho de pesto. Adoro e chega perfeitamente. Enche imenso.

Quando estou desvairada de fome, peço um salmão com risotto de pesto e chutney de limão e mel que é absolutamente divinal. Já pedi duas ou três vezes e vem sempre no ponto certo.

 

O serviço

É rápido o suficiente para uma hora de almoço apressada. É bom mas não é fantástico. E o preço? Costumo pagar no máximo 13 a 15 euros por pessoa, partilhando a entrada e incluindo uma bebida e um café no fim. Não dá para todos os dias, mas de vez em quando, se tiver um almoço de trabalho ou um encontro de amigos, vale a pena.

Bom almoço, sobretudo se não estiver de dieta,

Ela

 

6 comentários

Comentar post