Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

casal mistério

Ele cozinha, ela viaja. Quando estão fora, testam e avaliam restaurantes, bares e hotéis. Quando se juntam em casa, escrevem sobre o que viram: o bom, o mau e o péssimo.

casal mistério

Ele cozinha, ela viaja. Quando estão fora, testam e avaliam restaurantes, bares e hotéis. Quando se juntam em casa, escrevem sobre o que viram: o bom, o mau e o péssimo.

o que deve comer antes e depois do treino no ginásio

image.jpeg

Ora aí está uma pergunta que a minha querida Mulher Mistério nunca fez a si própria. O ginásio não é exactamente um local onde Ela costume passar muito tempo. No entanto, esta semana tudo mudou. Depois de ter iniciado a dieta, a minha sempre surpreendente Mulher Mistério decidiu inscrever-se num ginásio de Lisboa e abraçar o exercício físico com o mesmo fulgor com que um urso abraça um pote de mel.

Perante esta revolução familiar, não me restou outra opção que não fosse descobrir quais os melhores alimentos para comer antes e depois do exercício físico. E, já agora, quais as quantidades ideais (sim, sou eu que lhe preparo a comidinha). A resposta preciosa veio de um magnífico artigo do BuzzFeed. O site americano falou com dois especialistas em dietas e nutrição e deu a quantidade de proteínas, gorduras e hidratos de carbono que deve comer nos dias de ginásio. Além de exemplos de alimentos concretos.

As recomendações são para pessoas que fazem exercício físico apenas para manter um estilo de vida saudável e sem cuidados especiais de saúde.

 

Se vai fazer corrida, bicicleta, remo, elíptica ou qualquer outra actividade cardio por períodos superiores a meia-hora numa intensidade moderada (5 numa escala de 1 a 10), deve comer 55% de hidratos de carbono, 25% de proteínas e 20% de gorduras antes e depois do exercício. Isso equivale, antes do ginásio, a...

image.jpeg

...um ovo cozido, 2 fatias de pão, 5 cenouras baby e 2 colheres de sopa de húmus. A seguir ao exercício...

image.jpeg

...coma 85 g de peito de frango, 230 gramas de arroz integral e 1/4 de abacate. Segundo os especialistas, as proteínas vão impedir a perda de massa muscular enquanto os hidratos de carbono vão compensar a energia gasta.

 

Se vai fazer musculação ou outro exercício de esforço durante um período de 45 minutos a uma hora, numa intensidade de 7 ou 8 numa escala de 1 a 10, deve comer em média 40% de hidratos de carbono, 30% de proteínas e 30% de gorduras. Isso equivale, antes do exercício, a...

image.jpeg

...1 iogurte grego natural, 1 chávena de mirtilos e 1 colher de sopa de manteiga de amendoim. Depois do treino...

image.jpeg

...pode comer 130 g de salmão, quase 2 batatas doces médias, 4 chávenas de couve crua e meia colher de sopa de manteiga. No caso da musculação, as proteínas são mais importantes porque o exercício exige muito do tecido muscular. Em compensação, vai queimar menos glucose por isso não precisará de tantos hidratos de carbono. 

Depois de saber o que comer, há outras dicas que deve seguir:

  1. Tenha atenção ao snack antes do treino. É essa comida que lhe vai dar energia para o exercício. No entanto, tem de ter cuidado para não chegar à passadeira cheio. Se comer apenas uma hora antes, corte nas quantidades e compense na refeição a seguir.
  2. Planeie as suas refeições para a seguir ao ginásio. A fome depois do exercício é quase incontrolável, por isso planeie o seu dia de modo a comer um snack antes e a refeição a sério a seguir. Mesmo que vá ao ginásio de manhã, tome o pequeno-almoço só a seguir.
  3. Tome as suas refeições entre uma a duas horas antes ou depois do exercício. Isso vai dar tempo ao seu corpo para fazer a digestão antes do ginásio e vai permitir repor imediantamente os níveis depois do esforço físico.

A seguir a isto, não há motivo para a minha querida Mulher Mistério não comer como deve ser nos dias de exercício. Resta saber quanto tempo é que esta sua nova faceta vai durar.

 

Um óptimo exercício físico para si onde quer que esteja,

Ele

 

fotos: buzzfeed

 

2 comentários

Comentar post