Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

casal mistério

Ele cozinha, ela viaja. Quando estão fora, testam e avaliam restaurantes, bares e hotéis. Quando se juntam em casa, escrevem sobre o que viram: o bom, o mau e o péssimo.

casal mistério

Ele cozinha, ela viaja. Quando estão fora, testam e avaliam restaurantes, bares e hotéis. Quando se juntam em casa, escrevem sobre o que viram: o bom, o mau e o péssimo.

os 11 melhores truques para descobrir se a fruta está mesmo madura

169979-30523.jpg

É uma das grandes falhas deste vosso humilde cozinheiro mistério. Sim, confesso, tenho falhas. E há quem ache que são grandes. Sim, Ela faz questão de me atirar isso à cara.

A minha grande falha (e estou profundamente convencido de que será a única) é não saber escolher fruta. Limito-me a apalpá-la: se estiver mole, é porque é boa; se estiver dura, está verde. É claro que esta técnica infalível cai por terra à primeira mordidela num pêssego farinhento. Ou numa fatia de melão empapada. Ou numa meloa sem sabor. 

Foi, por isso, com enorme alegria e profunda satisfação que encontrei este milagroso artigo do Huffington Post. Aqui estão os melhores truques que aprendi:

 

 

slide_359469_4008257_free.jpg

1. Ananás 

Não vale a pena começar a apalpar a casca do ananás à maluca: é dura e não vai ficar mole quando a fruta estiver madura. Quanto muito, nessa altura já estará podre. O primeiro sinal de que o ananás está pronto a comer é a sua cor: deve ficar com um dourado acastanhado, sem qualquer verde na base. Também pode cheirar: se tiver um cheiro doce, está maduro; se tiver um cheiro ligeiramente avinagrado, é sinal de que já está passado.

cantaloupe646x389.jpg

2. Meloa 

Primeiro, cheire: se sentir um aroma doce, está boa; se sentir um aroma demasiado doce, já está podre. Depois, pese: se lhe parecer muito leve, não sabe a nada; se estiver pesada, é saborosa. Finalmente, apalpe: mole nas pontas é para abrir; dura, é para esperar. 

slide_359469_4008260_free.jpg

3. Melancia 

Nunca viu ninguém num supermercado aos murros a uma melancia? Eu já. E não percebi porquê. Agora o mistério está desvendado. Primeiro, dê umas caroladas na fruta. Se o som soar oco, está madura. Além disso, avalie o peso: quanto mais pesada, mais água terá a melancia e mais saborosa estará. Há ainda uma última avaliação a fazer. Veja a base dela: deve ter uma bola amarela ou mais clara para que possa ser aberta.

slide_359469_4008263_free.jpg

4. Milho 

Para avaliar uma maçaroca é preciso olhar para a casca. Verde é sinónimo de maduro; amarelo é sinal de passado. Os fiozinhos da casca também são um sintoma: escolha as maçarocas que têm os fios agarrados ao milho e as que têm o milho mais rechonchudo.

slide_359469_4008262_free.jpg

5. Manga 

Aqui não vale a pena olhar para a cor. A manga tem de ser apalpada. Cheire também o pedúnculo: deve ter um aroma a fruta.

slide_359469_4008264_free.jpg

6. Morangos 

Nunca viu ninguém a apalpar morangos, pois não? É evidente... Os morangos estão maduros se estiverem bem encarnados e sem quaisquer manchas. Avalie também o cheiro: diz-se que os morangos cheiram tão bem quanto sabem. Se não cheirarem a nada...

slide_359469_4008259_free.jpg

7. Beringela 

Lembra-se daquela ideia feita "se estiver mole está bom"? Esqueça. Com as beringelas, é ao contrário. Elas devem estar com a pele bem esticada e elástica. Se, ao apalpar, as marcas dos seus dedos ficarem lá, é sinal de que ainda não está pronta para comer. Outra forma de avaliar uma beringela é pela cor do seu chapelinho (o da beringela, não o seu): se o encontrar verde, passou no teste; se começar a ficar castanho ou amarelo, já está passada.

slide_359469_4008266_free.jpg

8. Abacate 

A cor dos abacates varia consoante os diferentes tipos. Por isso, apalpe-o. Mas não lhe toque com os dedos se não o quer deixar todo amassado. Faça o teste suavemente com a palma da mão. Se ceder, é porque está bom.

slide_359469_4008267_free.jpg

9. Pêssego 

A cor do pêssego muda com o amadurecimento: a parte da fruta que esteve em contacto com o sol vira encarnada, a que esteve à sombra fica amarela. São estas duas cores que tem de procurar num pêssego maduro. Se tiver dúvidas, confirme junto ao pedúnculo: não pode haver vestígios de esverdeado.

slide_359469_4008268_free.jpg

10. Ameixas 

Neste caso, a cor não interessa. O importante é a textura. A pele tem de estar suave e macia. Não compre as peças que estiverem enrugadas, duras ou moles. 

slide_359469_4008261_free.jpg

11. Tomate 

Tomate encarnadinho não é sinal de tomate madurinho. Pelo menos, nem sempre. Dizem os especialistas que a prova definitiva é a apalpadela: se estiver ligeiramente mole, está bom; se estiver muito mole, está podre. Duro, é sinal de verde.

 

Agora sinto-me capaz de plantar um pomar e mudar-me de vez para o Alentejo. Ou então, ficar definitivamente encarregue de fazer sempre as compras de supermercado. Desconfio que seja isso que Ela quer.

 

Boas saladas de frutas para si onde quer que esteja,

Ele

 

fotos: huffington post

 

7 comentários

Comentar post