Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

casal mistério

Ele cozinha, ela viaja. Quando estão fora, testam e avaliam restaurantes, bares e hotéis. Quando se juntam em casa, escrevem sobre o que viram: o bom, o mau e o péssimo.

casal mistério

Ele cozinha, ela viaja. Quando estão fora, testam e avaliam restaurantes, bares e hotéis. Quando se juntam em casa, escrevem sobre o que viram: o bom, o mau e o péssimo.

os maravilhosos gelados de iogurte natural com leite magro da weeel (acho que a minha primavera vai ser passada aqui)

1560614_717153235037088_3750067343912458323_n.png

Há coisa mais azucrinante do que um ser humano que se passeia por um centro comercial aos "esses"? Não, não estou a falar de criaturas alcoolizadas. Nem abananadas por terem visto o eclipse solar sem óculos. Não. Estou a falar de pessoas no seu estado de sobriedade absoluta, porém absorvidas por uma magia provocada pelo contacto de um telemóvel com a sua orelha. Quando estão sem telefone, estas pessoas comportam-se com normalidade. Mal encostam o aparelho ao ouvido, parece que começam a planar acima de todos. Focam o olhar no infinito e vão tocando as montras dos dois lados do corredor como se estivessem a fazer um slalom de ski. 

Ontem, andava eu com alguma pressa a passar pelo El Corte Inglès, quando me aparece à frente um destes espécimes. Mal o identifiquei, abrandei o passo para o tentar passar na altura certa. Logo que o vi virar para a direita enquanto sorria com uma piada que ouvia do outro lado da linha, acelerei pela esquerda. Mas parece que estas pessoas fazem de propósito para não serem ultrapassadas. No momento em que eu ia a passar por ele, mudou bruscamente de sentido e chocou comigo.

 

10980722_769272003158544_6874633885133148715_n.png

É claro que, com este meu jeitinho de Mr. Bean de Pirescoxe, consegui estatelar o gelado que trazia na mão contra os meus abdominais six pack. E por alma de quem é que eu estou aqui com esta conversa absurda? Para falar do gelado pelo qual ainda hoje choro. Não parece evidente a ligação?

10494546_769788859773525_3203011364958240589_n.png

Esse gelado é o delicioso Weeel. Não comece já a olhar de lado para mim por causa da dieta da minha querida Ela. Em primeiro lugar, eu estava sozinho, por isso posso transgredir. Em segundo lugar, esta pequena maravilha da natureza é feita com iogurte natural e leite magro, tem poucas calorias e zero de glúten. Por cima pode colocar apenas fruta fresca do dia ou uns toppings ligeiramente mais calóricos. Mas isso já é consigo – desde que não ultrapasse os três ingredientes.

10801888_728741427211602_8629133759558064389_n.png

A marca nasceu no Verão passado, mas só agora é que eu consegui provar. E é tudo delicioso. A base de iogurte natural e leite magro é muito pouco doce e ultra-cremosa: desfaz-se mal entra na boca. E os topings são uma perdição. Esqueça lá a fruta fresca! Eu embarquei numa mistura de bolachas Oreo e amêndoa crocante com chocolate líquido por cima.

10635991_692666457485766_3546965781078074945_n.png

O problema foi que, depois do choque com a mulher-telemóvel, perdi metade do gelado. E tive de a recuperar. Voltei ao quiosque e pedi mais um gelado – desta vez o pequenino, ok? – com sementes caramelizadas. É outra verdadeira descoberta. As sementes levam um banho de açúcar caramelizado por cima, o que as torna doces e crocantes. É imperdível!

11060103_780811642004580_3764876067466114132_n.png

Para a próxima experimento o muesli e o Toblerone, que deve ser delirante. Isto se estiver sozinho. Se for com Ela, já sei que sou recambiado a fruta.

 

Um bom gelado de iogurte para si onde quer que esteja,

Ele

 

fotos: weeel

1 comentário

Comentar post