Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

casal mistério

Ele cozinha, ela viaja. Quando estão fora, testam e avaliam restaurantes, bares e hotéis. Quando se juntam em casa, escrevem sobre o que viram: o bom, o mau e o péssimo.

casal mistério

Ele cozinha, ela viaja. Quando estão fora, testam e avaliam restaurantes, bares e hotéis. Quando se juntam em casa, escrevem sobre o que viram: o bom, o mau e o péssimo.

pode parecer estranho, mas é uma combinação deliciosa: ovos com iogurte grego

Senhoras e senhores, cidadãs e cidadãos, leitoras e leitores, amigas e amigos... ok, eu paro com esta lenga-lenga.

Pessoas (assim é mais fácil), apresento-vos o Chitãozinho e Xororó da culinária. É a dupla mais perfeita, divertida e inesperada com que podíamos sonhar: ovos com iogurte grego. Antes de começar a protestar, tenho de lhe lembrar que ovos mexidos com um pouco de leite sempre fez a alegria de qualquer um. Agora imagine se, em vez de leite, juntar o muito mais cremoso e delicioso iogurte grego. Além da textura suave, o iogurte vai dar aos ovos uma consistência mais uniforme e o gosto inigualável meio azedo.

O fantástico site Food52 chama-lhe uma ligação maravilhosa e até sugere vários pratos em que pode – e deve – juntar iogurte: omeletes, ovos mexidos, ovos benedict, ovos verdes ou, a minha preferida, ovos cocotte.

199aa92e-3cbb-4904-bb74-f75212741e54--2013-0611_no

 

Tudo o que precisa para fazer estes ovos cocotte é de ovos, vegetais à sua escolha (espinafres, courgette ou quaisquer outros), manteiga, salmão fumado (se não estiver de dieta), iogurte grego e queijo ralado.

Comece por cortar os vegetais em cubos pequeninos e depois salteie-os com um fio de azeite, flor de sal e pimenta preta moída no momento. A seguir, unte um ramequim com a manteiga, coloque os vegetais lá dentro, o salmão fumado por cima, depois o iogurte grego e dois ovos no topo. Salpique os ovos apenas com um pouco de queijo ralado e tempere com flor de sal e pimenta moída a gosto. Leve ao forno, pré-aquecido a 200º C, durante 12 minutos ou até as claras estarem cozinhadas e as gemas líquidas. Sirva com umas folhas de rúcula por cima e uns tomatinhos cherry crus.

Agora, só precisa de se deliciar. Vai ver como o iogurte grego lhe vai dar um recheio cremoso único. 

 

Uns óptimos ovos para si onde quer que o iogurte grego esteja,

Ele

 

receita e foto: food52

 

2 comentários

Comentar post