Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

casal mistério

Ele cozinha, ela viaja. Quando estão fora, testam e avaliam restaurantes, bares e hotéis. Quando se juntam em casa, escrevem sobre o que viram: o bom, o mau e o péssimo.

casal mistério

Ele cozinha, ela viaja. Quando estão fora, testam e avaliam restaurantes, bares e hotéis. Quando se juntam em casa, escrevem sobre o que viram: o bom, o mau e o péssimo.

precisa de uma inspiração para votar no domingo? gin sharish com infusão de maçã e canela

Hoje estamos em profundíssima reflexão. Não podemos pensar em política, não podemos falar de política, não podemos suspirar por causa da política – e o que isso me deixa tão arrasado. Logo um tema tão interessante como a política e temos de ficar em silêncio! É exactamente por isso que resolvi reflectir sobre temas realmente relevantes para o nosso futuro, como por exemplo qual o melhor gin para beber amanhã antes de me dirigir conscientemente até à urna de voto. E, depois de muito pensar, cheguei a uma conclusão: num dia de eleições temos de ser patrióticos. E o patriotismo levou-me àquele que é hoje um dos meus gins portugueses preferidos (a par do também magnífico gin NAO), o gin Sharish

Produzido no Alentejo, perto da magnífica vila de Monsaraz, é feito apenas com ingredientes nacionais: zimbro, sementes de coentros, laranja, limão, lúcia-lima fresca e a deliciosa maçã bravo de esmolfe. O resultado é um gin frutado e com um agradável aroma que se torna muito suave e tão agradável que pode ser bebido quase só com uma tónica Fever Tree e umas pedras de gelo.

O perfect serve (a receita aconselhada pela marca) é com cinco fatias fininhas de maçã bravo de esmolfe e com água tónica Fever Tree Mediterranean, mas eu fiquei rendido a esta receita do barman Daniel Carvalho, um dos fundadores da Gin Lovers.

11825632_849231101839932_2237485285352449181_n.jpg

 

Ingredientes

  • 5 cl de gin Sharish
  • 20 cl de Schweppes Premium (eu troco pela Fever Tree)
  • 1 pau de canela
  • 1 fatia de maçã Granny Smith
  • Açúcar mascavado

 

Encha o copo com pedras de gelo grandes. Coloque o passador e, por cima, a fatia de maçã, o açúcar e a canela. Queime o açúcar e a canela com um isqueiro para libertar os aromas para dentro do copo. Deixe estar assim durante um pouco. Depois, rode o copo com o gelo lá dentro. Sirva o gin, misture um pouco e deite a água tónica com cuidado através das costas da colher para não perder o gás. Dê uma volta devagar com a colher e beba. Se quiser, acrescente um pouco de zimbro ou uma fatia de maçã. Também fica óptimo.

10171856_377775789026801_1609974258825636518_n.jpg

Vai ver que, depois de um gin destes, qualquer resultado eleitoral amanhã lhe vai parecer bem.

 

Um bom dia de reflexão para si onde quer que o gin esteja,

Ele

 

receita: daniel carvalho; foto: tips & tricks cocktails

 

 

2 comentários

Comentar post