Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

casal mistério

Ele cozinha, ela viaja. Quando estão fora, testam e avaliam restaurantes, bares e hotéis. Quando se juntam em casa, escrevem sobre o que viram: o bom, o mau e o péssimo.

casal mistério

Ele cozinha, ela viaja. Quando estão fora, testam e avaliam restaurantes, bares e hotéis. Quando se juntam em casa, escrevem sobre o que viram: o bom, o mau e o péssimo.

quais os ingredientes que melhor combinam entre si para fazer uma salada perfeita

Chego a um restaurante de saladas, olho para a frente e vejo um interminável balcão com ingredientes à escolha. Enquanto ainda estou a tentar perceber qual é aquele primeiro ingrediente ali, já tenho a empregada a perguntar:

- O que é que vai querer?

Stress. Olho mais uma vez para o balcão à pressa e nova pressão:

- Então já escolheu?

Não, caramba, ainda nem sequer consegui perceber os ingredientes que ali estão. Atrás de mim, uma senhora olha impacientemente para a minha indecisão enquanto suspira alto para me pressionar. A empregada revira os olhos. O homem no início da fila diz em voz alta:

- Mas aquele gajo nunca mais se despacha?

NÃAAAAAAOOOOOOOO!!! HORROR!!! STRESS!!!

Odeio restaurantes de saladas à escolha. Acabo sempre por pedir os quatro primeiros ingredientes que vejo à frente para evitar esta pressão desumana sobre um homem indeciso. 

Mas agora acabou a minha indecisão crónica, graças ao livro The Flavor Bible que estuda as melhores combinações de alimentos. Basicamente todos os ingredientes se dividem em quatro categorias: doce, salgado, amargo e azedo. E é a partir desta primeira divisão que os autores do livro concluem quais ligam melhor com quais. 

Para não ter de ler o livro de uma ponta à outra, o sempre útil Huffington Post preparou uma infografia simples para nos guiar na escolha dos alimentos para uma salada perfeita – nestes restaurantes stressantes ou no recato do seu lar.

saladmerged3.jpgComece por ir à coluna da esquerda e escolha o alimento principal que lhe está a apetecer mais. Na coluna do meio, tem os três alimentos que melhor ligam com ele. E, no fim, o molho perfeito para colocar por cima. E é assim que descobrimos que o abacate liga melhor com nozes, bacon, cebola e vinagrete de limão. Ou que a mozzarella fica bem é com tomate, azeitonas, salame e vinagrete de balsâmico.

Meus caros, acabou o pesadelo, a pressão, o stress, a indefinição. Isto é ciência culinária. Basta olhar para esta tabela e escolher só um ingrediente. Quanto aos outros, já não tem que se preocupar.

 

Boas saladas para todos, onde quer que elas estejam,

Ele

 

infografia: huffington post