Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

casal mistério

Ele cozinha, ela viaja. Quando estão fora, testam e avaliam restaurantes, bares e hotéis. Quando se juntam em casa, escrevem sobre o que viram: o bom, o mau e o péssimo.

casal mistério

Ele cozinha, ela viaja. Quando estão fora, testam e avaliam restaurantes, bares e hotéis. Quando se juntam em casa, escrevem sobre o que viram: o bom, o mau e o péssimo.

sabia que agora as mulheres podem pagar a um homem bonito para as fazer chorar e limpar-lhes as lágrimas?

4.png

Não resisto. É bom demais para ficar perdido nos confins da Internet. Uma empresa que ajuda as mulheres a chorarem já seria bom. Se essa ajuda é dada por um homem bonito, melhor ainda. E se, no fim, o homem ainda lhes vai limpar as lágrimas, então temos de reconhecer que encontraram o negócio perfeito.

A ideia surgiu há pouco mais de dois anos – onde haveria de ser? – no Japão. E tem vindo a crescer desde então. Esta semana, o serviço inovador teve direito a um mini-documentário no National Geographic. A partir daqui, a coisa só podia melhorar.

Em primeiro lugar, o serviço não é prestado solitariamente. Ou seja, não comece já a pensar que, depois de lhes limpar as lágrimas, o homem fará outro tipo de serviços. Nada disso. O serviço é prestado a várias mulheres em conjunto e normalmente contratado por empresas que identificam algumas funcionárias com mais elevados níveis de stress.

 

2 (2).png

Depois de vários anos a estudar o efeito das lágrimas (sim, é possível!), o fundador desta startup defende que uma lágrima derramada alivia o stress durante uma semana inteira. E o Japão é o país onde as pessoas menos choram, segundo um estudo feito pela International Study on Adult Crying e citado pela National Geographic.

Com toda esta conjuntura, Hiroki Terai achou que estava aqui a oportunidade de negócio ideal. Escolhe sempre um homem bonito para comandar as terapias porque acredita que as pessoas ficam mais vulneráveis quando estão ao lado de alguém por quem se sentem atraídas. 

3.png

Depois, o homem bonito passa um filme triste, que vê ao lado das mulheres, sempre com um ar pesaroso. Mal as mulheres começam a chorar, o homem bonito levanta-se, com um lenço na mão, e vai limpar-lhes delicadamente as lágrimas. 

Acha que as mulheres se desmancham às gargalhadas com tudo isto? Nada disso. No final da terapia, o autor do documentário garante que as mulheres ficaram claramente aliviadas, conversadoras e até entusiásticas.

Se tivesse o cabelo despenteado como o homem bonito aqui de cima, se calhar até experimentava esta carreira alternativa. Só não consegui perceber bem porque é que o serviço só se dirige às mulheres. Os homens japoneses não são stressados? Não precisam de chorar? 

 

Um óptimo choro para si onde quer que o homem bonito esteja,

Ele

 

fotos: national geographic