Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

casal mistério

Ele cozinha, ela viaja. Quando estão fora, testam e avaliam restaurantes, bares e hotéis. Quando se juntam em casa, escrevem sobre o que viram: o bom, o mau e o péssimo.

casal mistério

Ele cozinha, ela viaja. Quando estão fora, testam e avaliam restaurantes, bares e hotéis. Quando se juntam em casa, escrevem sobre o que viram: o bom, o mau e o péssimo.

salada de camarão com abacate, um almoço fácil e saudável para quem não quer ter trabalho na cozinha

É o fundo do poço. Estou completamente ultrapassado nesta Mansão Mistério. Ontem, o meu querido Mini-Misterioso com pretensões a Mini-Chef resolveu fazer o almoço. E, quando tudo fazia prever uns ovos estrelados... ou um hambúrguer... ou uma massa com atum... eis que vem isto para a mesa.

20170429_153901 2.jpg

Assim mesmo. Preparado com todo o requinte de um verdadeiro Ratatouille. Do alto dos seus 14 anos, ele inventou sozinho esta fabulosa salada de camarão com abacate. Como eu tinha ido à praça de manhã comprar abacate e um tomate cherry delicioso – ainda não há o meu preferido que é o tomate cherry cor-de-laranja, mas este não era nada mau –, ele resolveu aproveitar um saco de camarão que estava no congelador para fazer esta delícia. 

Mais grave ainda: em vez de cozer o camarão, cozinhou-o ao vapor no cesto do nosso robô de cozinha, o que lhe deu uma textura e uma frescura únicas. É inacreditável, mas acho que criei um monstro – da cozinha, claro.

 

Ingredientes

  • 500 g de camarão 44/66 cru congelado e descascado 
  • 1 abacate cortado em cubos 
  • 350 g de tomate cherry cortado em quatro
  • 1 talo de aipo picado
  • Meia cebola roxa picada
  • Meia endívia laminada
  • Cebolinho picado a gosto 

Para o molho

  • 2 colheres de sopa de azeite
  • Sumo de meia lima espremida no momento
  • Um fio de creme balsâmico agridoce

 

O mais incrível de tudo isto é que ele conseguiu fazer um almoço que deixou toda a família de queixo caído: a minha querida Mulher Mistério adorou porque este prato é mais light do que a Sara Sampaio em jejum; eu adorei porque é mais fácil do que uma omelete. O que demora mais tempo é cozinhar o camarão ao vapor: coloque água fria no seu robô de cozinha sem a deixar tocar no cesto. Deite o camarão, ainda congelado, para dentro do cesto com sal grosso. Ligue a temperatura no máximo e deixe cozinhar durante cerca de 20 minutos (o tempo depende do robô de cozinha). Eu gosto do camarão mal cozido, carnudo e suculento.

20170429_153523 2.jpg

Assim que os camarões estiverem prontos, divida-os em dois grupos: metade vai inteira para o centro do prato; a outra metade é para cortar ao meio e misturar, numa taça, com os restantes ingredientes. Tempere com a mistura de azeite e lima e um pouco de flor de sal. Coloque a salada à volta do camarão e finalize com um fio de creme balsâmico agridoce e mais cebolinho picado por cima.

Depois disto, eu até tenho medo de imaginar qual será o próximo prato do Mini-Chef. Qualquer dia, começa ele a escrever o blog.

 

Uma óptima salada para si onde quer que o camarão esteja,

Ele

 

receita e fotos: casal mistério

1 comentário

Comentar post