Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

casal mistério

Ele cozinha, ela viaja. Quando estão fora, testam e avaliam restaurantes, bares e hotéis. Quando se juntam em casa, escrevem sobre o que viram: o bom, o mau e o péssimo.

casal mistério

Ele cozinha, ela viaja. Quando estão fora, testam e avaliam restaurantes, bares e hotéis. Quando se juntam em casa, escrevem sobre o que viram: o bom, o mau e o péssimo.

salada de cenoura e abacate com nabo cru, uma receita milagrosa

A minha querida e estimada Mulher Mistério vive a dizer que eu sou hipocondríaco. Uma acusação que considero de uma tremenda injustiça. Digamos que sou... cuidadoso, um tanto ou quanto preocupado. E acreditem ou não, acordei hoje com uma carraspana monumental. Ela revira os olhos, eu vou para a cozinha, porque não há nada melhor do que uma terrível constipação para nos fazer descobrir receitas diferentes. E, ainda por cima, que fazem bem à saúde. E, melhor ainda, que ajudam a curar a gripe. Nabo. É supostamente outro legume maravilhoso contra as doenças respiratórias. Os mais ousados comem-no em xarope com açúcar. Os mais previsíveis comem-no na sopa com outros legumes. Eu como-o na salada, sem mais.

 

Para esta salada milagrosa, só precisei de agrião ou canónigos, nabo, cenoura, abacate, romã, azeite e vinagre balsâmico. 

Depois de preparados o agrião ou os canónigos (tanto faz) e a cenoura (vale a pena dizer outra vez que são biológicos, comprados directamente a uma quinta?), corto o nabo cru laminado e misturo com o abacate e o romã (que também é anti-inflamatório). O nabo parece rabanete e dá um sabor ligeiramente picante à salada, o que joga lindamente com o adocicado do vinagre balsâmico. É fácil, é barato e dá saúde. Espero eu...

 

Um bom dia para si, onde quer que esteja... e já agora, as melhoras também para mim,

Ele

 

foto: d.r.