Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

casal mistério

Ele cozinha, ela viaja. Quando estão fora, testam e avaliam restaurantes, bares e hotéis. Quando se juntam em casa, escrevem sobre o que viram: o bom, o mau e o péssimo.

casal mistério

Ele cozinha, ela viaja. Quando estão fora, testam e avaliam restaurantes, bares e hotéis. Quando se juntam em casa, escrevem sobre o que viram: o bom, o mau e o péssimo.

salada de couves de bruxelas com cebola roxa e queijo pecorino, um jantar light para começar a semana motivado

Segunda-feira é sinónimo de regresso ao trabalho e de neura, porque ainda faltam mais quatro dias até ao próximo fim-de-semana, o que significa que, para a minha mui prezada Mulher Mistério, faltam quatro dias para voltar a ter direito ao seu Dia da Asneira! Para variar, Ela implorou-me por mais um petisco light (diz que até às férias do ano que vem não ingere mais do que 100 calorias por dia...). Eu fui procurar uma ideia nova para lhe fazer a vontade e descobri esta óptima e rápida receita do site Not Without Salt. Só preciso de três canecas de couves de Bruxelas, meia cebola roxa, sumo de 1 limão, uma colher de chá de mel, uma colher de chá de mostarda whole grain, uma colher de chá de azeite e queijo pecorino ralado grosso.

slaw2 (1).jpg

 

É uma salada especial e muuuuuuuuito simples de preparar. Basta pegar nas couves de Bruxelas, aparar a raiz, cortá-las às fatias e depois separar as folhas com as mãos. Junte a cebola roxa cortada muito fininha.

Numa taça ao lado faça o molho. Bata o sumo de limão, o mel, a mostarda e um pouco de sal e pimenta. Junte o azeite e bata mais um pouco. Deite o molho por cima das couves e da cebola e rale o queijo pecorino.

É bom e não é nada indigesto – o que, para nós portugueses, é essencial quando tentamos decorar os nomes de todos os membros da administração da Caixa Geral de Depósitos.

 

Um abraço para si mesmo que não esteja em Bruxelas,

Ele

 

receita e foto: not without salt