Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

casal mistério

Ele cozinha, ela viaja. Quando estão fora, testam e avaliam restaurantes, bares e hotéis. Quando se juntam em casa, escrevem sobre o que viram: o bom, o mau e o péssimo.

casal mistério

Ele cozinha, ela viaja. Quando estão fora, testam e avaliam restaurantes, bares e hotéis. Quando se juntam em casa, escrevem sobre o que viram: o bom, o mau e o péssimo.

sumo de pêssego anão com manjericão e limão

Não se cansa de beber sempre a mesma coisa ao pequeno-almoço? Café, leite, chá, galão ou sumo de laranja natural foram deportados cá de casa durante uma semana. Agora está nas mãos de toda a numerosa Família Mistério descobrir alternativas. Eles sugerem, eu produzo. É justo e saboroso.

O primeiro contributo veio do Misterioso mais velho. Como já é adolescente, tem preocupações ambientais e sociais. Ontem lembrou-se:

- Estão ali uns pêssegos anões a estragar-se no frigorífico.

 

Quem diz pêssego anão, diz pêssego paraguaio – se bem que nunca consegui perceber porquê. Afinal, este tipo de pêssego atarracado nasceu na China e hoje em dia chega a Portugal importado de Espanha. Com o Paraguai tem muito pouco a ver.

Seja como for, peguei nos últimos sobreviventes que ainda restavam no frigorífico sem estarem podres, lavei-os e cortei-os aos bocados sem descascar. Eu sei que assim o sumo fica mais escuro e menos doce, mas também fica com mais vitaminas. Coloquei-os no liquidificador com um pouco de gelo, duas folhas grandes de manjericão e meio limão espremido. Bati tudo até ficar líquido. Juntei mais gelo e servi.

O resultado foi aprovado com distinção. Só uma das crianças é que quis juntar um pouco de açúcar. Se gostar do sumo mais doce, tire a pele. E mais líquido acrescente água.

Ingredientes 

  • 5 pêssegos paraguaios
  • 2 folhas de manjericão
  • Meio limão espremido
  • Gelo

 

Bons sumos para si onde quer que esteja,

Ele