Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

casal mistério

Ele cozinha, ela viaja. Quando estão fora, testam e avaliam restaurantes, bares e hotéis. Quando se juntam em casa, escrevem sobre o que viram: o bom, o mau e o péssimo.

casal mistério

Ele cozinha, ela viaja. Quando estão fora, testam e avaliam restaurantes, bares e hotéis. Quando se juntam em casa, escrevem sobre o que viram: o bom, o mau e o péssimo.

9 alimentos que tem de ter em casa para fazer uma dieta sem glúten

Não há volta a dar. Não preciso de estudos científicos. Não preciso de saber que a Victoria Beckham e a Gwyneth Paltrow seguem uma dieta sem glúten. Sempre foram escanzeladas, cá para mim cortam no glúten e em todos os alimentos. Mas a verdade é que a proteína que encontra no trigo e no centeio transformou-se no inimigo público número 1 de quem, como eu, quer emagrecer. Dizia eu que não preciso de estudos científicos porque vi com os meus próprios olhos. Tenho vários amigos meus que cortaram o glúten da alimentação e os resultados são de facto impressionantes. Alguns estão metade do que eram. Que inveja!

Vai-me custar horrores, porque adoro pão, por exemplo, mas o que tem de ser tem muita força e eu vou conseguir.

Para compensar o glúten, há alimentos fundamentais, com todos os nutrientes e vitaminas necessários, para garantir o bom funcionamento do seu organismo. A Marie Claire britânica consultou vários nutricionistas e fez uma lista essencial do que deve ter em casa se quiser iniciar uma dieta sem glúten.

alimentos_2.jpg

 

 

os alimentos ideais para comer antes e depois do ginásio

Não é que este post seja para mim, já que gosto tanto de ginásios como do Bruno de Carvalho mas, enfim, sou magnânima e gosto de ajudar as minhas amigas e os meus amigos magros e que se esfalfam no ginásio. Por isso, meus amigos, imprimam este post e levem-no para todo o lado, porque está ao nível dos 10 Mandamentos.

E estou a falar obviamente de alimentos reais, comida propriamente dita, não são cá batidos de proteínas e ingredientes em pó, porque francamente ninguém merece.

smoothie-1427436_1280.jpg

 

 

os 5 melhores alimentos para combater a gripe

muesli-3091299_960_720.jpg

Sim, estamos doentes. A gripe começou num Mini-Misterioso não identificado, propagou-se pela nova geração, apanhou a minha querida Mulher Mistério e chegou a mim, o garante da alimentação familiar. Basicamente, o que eu quero explicar é que, quando eu estou doente, a Família Mistério não come. É assim. O mundo tem destas coisas.

No primeiro dia, o nosso querido Mini-Misterioso com pretensões a chef ainda fez o jantar. No dia seguinte, a minha querida Mulher Mistério tentou desesperadamente cozinhar um bife grelhado que acabou cozido porque Ela ainda não percebeu que não se pode grelhar a carne em lume brando. No terceiro dia, entrámos em jejum. Geral. Sem intermitências.

É para acabar com situações calamitosas como esta que resolvi compilar os melhores alimentos para prevenir e combater a gripe. Isto é tudo o que deve comer entre Novembro e Março. E que eu tenho de comer já. E muito.

 

quanto tempo deve manter a comida no seu congelador? descubra aqui o prazo de validade de todos os alimentos

Tenho boas e más notícias. Qual é que quer ler primeiro?

Então vou começar pelas más: o mais provável é que metade dos alimentos que tem no congelador pode já estar estragada. A boa notícia é que está na hora de limpar o seu congelador para ter espaço para o Natal (OK, estou a exagerar. Ainda faltam dois meses para o Natal, mas não tenho culpa, ainda hoje vi lojas já com montras de Natal! Está tudo maluco?).

Todos nós deixamos comida tempo demais no congelador. Eu falo por mim, mas sei que acontece em muitas casas… Quantas vezes, desesperamos e rogamos pragas quando descobrimos que o nosso redon (palavra chique que a minha mãe usa para se referir aos “restos de ontem”) apodreceu no congelador?

feature-header11.jpg

 

 

5 alimentos que afinal não são assim tão saudáveis

20517631_Ez0r9.jpg

O meu mundo vai desabar. Estou à beira de uma apoplexia. Uma pessoa já não sabe o que fazer nem para onde se virar. Mudamos (ou tentamos mudar) a alimentação porque somos bombardeados com a palavra “saudável” em todo o lado. Deve ser a palavra mais usada em marketing hoje em dia. Estamos nós profundamente convencidos de que estamos a comer coisas hiper saudáveis e, afinal, não é bem assim.

Daily Mail divulgou um estudo feito pela plataforma LiveLighter em parceria com várias entidades de saúde australianas, como o Cancer Council Victoria e a Heart Foundation e os resultados são surpreendentes. Participaram mais de mil adultos entre os 18 e os 64 anos e mais de 130 nutricionistas. Foi-lhes pedido para identificar 57 bebidas e comidas como mais “saudáveis” e “menos saudáveis”. E prepare-se para o choque:

 

Bolos sem Glúten

20517631_Ez0r9.jpeg

Toda a gente sabe que os bolos são deliciosos mas não fazem bem a ninguém. 44% das pessoas interrogadas neste estudo estavam convencidas de que os bolos sem glúten eram uma boa alternativa. Eu estaria incluída nessa percentagem…mas, parece que estamos todos enganados: 94% dos peritos em nutrição afirmaram que não eram saudáveis. São, claro, a opção ideal para celíacos mas, não tenhamos ilusões, afinal não são tudo aquilo que imaginámos.

 

 

os 7 alimentos que ajudam a melhorar a memória e ter boas notas nos exames

Dois dos nossos filhos têm exames este ano. Eu, para variar, estou muito mais preocupada do que eles. Passo o dia a mandá-los estudar e eles a revirar os olhos.

- Oh mãe, já sei tudo!

- Ai é? Então vou fazer umas perguntinhas! Onde está o livro?

- OK, vou voltar para o quarto.

E lá voltam para o quarto para olhar para a janela, para as paredes, para os brinquedos antigos, para todo o lado menos para os livros. Por isso, quando descobri este artigo no jornal britânico Daily Mail sobre um estudo da Universidade de Boston que analisou os melhores alimentos para o cérebro, fui a correr para o supermercado, comprar tudo. E o mais extraordinário, a melhor notícia para os miúdos, é que algumas refeições take-away, como pizzas e sushi, podem ajudar a melhorar a memória. Os nossos filhos vão enlouquecer quando lerem este post. Dia sim dia sim, pedem-nos para encomendarmos o jantar (o meu pobre Marido Mistério até fica ligeiramente ofendido, coitado). O estudo analisou os hábitos alimentares de 1400 adultos durante 10 anos.

 

Ovos 

40579F7B00000578-4506348-image-a-5_1494834878270.j

Os ovos, tal como os cereais integrais ou o fígado de galinha e a mostarda, por exemplo, são ricos em colina, um nutriente essencial que faz parte do complexo B de vitaminas. Esta substância, que ajuda a manter o cérebro jovem e ativo, está presente em todas as receitas que incluam ovos, como arroz frito com ovo ou a pizza Fiorentina, por exemplo.

 

Veja aqui algumas receitas com ovos:

 

os 6 alimentos que anthony bourdain tem sempre na cozinha

5811483337_02ba35e182_o.jpg

É um verdadeiro choque. Se achava que a cozinha de Anthony Bourdain era feita só de trufas, caviares, reduções de Vinho do Porto e outros alimentos especialíssimos, prepare-se para a desilusão. Numa entrevista à revista Adweek, depois de ter sido considerado um dos 30 nomes mais influentes do mundo na área da comida, o chef e apresentador de televisão confessou quais são os alimentos que tem de ter sempre na sua cozinha e...

...pausa...

...suspense...

...não há cá trufas – há massa de cotovelinhos. Eu sei o que é que está a sentir neste momento, eu já passei por isso mesmo. Mas o melhor é ler as justificações do chef.

 

 

4 alimentos que não sabia que tinham glúten (um deles não é bem um alimento)

Não é que o glúten seja propriamente o inimigo público número 1. Mas há muita gente que, de facto, não o tolera e, por isso, aqui estamos nós para ajudar a evitar muitos pesadelos porque, minhas senhoras e meu senhores, o glúten pode estar escondido em alimentos que nós nem suspeitávamos. Muitas vezes nem sequer está incluído na lista de ingredientes de alguns alimentos. Para evitar problemas, espreite esta lista onde o glúten está mais presente do que imagina.

 

1. Ovos e Omeletes de Cafés e Restaurantes

3 5 Foods to Exclude from a Gluten-Free Diet Eggs

Porque será que as omeletes dos cafés e dos restaurantes são tão fofinhas? Porque, em muitos casos, os cozinheiros juntam-lhes massa de panqueca. Sempre que pedir pratos com ovos incluídos, não se esqueça de perguntar como são preparados.

 

8 alimentos que deve evitar antes de ir para a cama

0103-cheerios-630x354.jpg

Se gosta de petiscar alguma coisa antes de ir dormir, por favor, pela sua rica saúde, não se agarre à primeira coisa que lhe aparecer à frente na cozinha. Enquanto alguns alimentos são fantásticos para o ajudar a ter uma noite descansada, como uma maçã ou uma bolacha de água e sal (tinha de ser algo profundamente maçador, evidentemente), há determinados alimentos que são praticamente assassinos de uma boa noite de sono, chegando a provocar pesadelos, dores de barriga, insónias e constantes idas noturnas à casa-de-banho. O site Food Network reuniu a lista dos alimentos proibidos antes de ir para a cama. Espreite e veja se costuma desgraçar-se com alguns destes “privadores de sono”.

 

os 8 melhores alimentos para comer ao pequeno-almoço

O site health.com consultou vários especialistas e nutricionistas para elaborar esta lista fundamental para quem quer começar o dia de forma saudável. Toda a gente sabe que o pequeno-almoço é a refeição mais importante do dia, por isso, deve juntar logo de manhã na mesma refeição “bons” hidratos de carbono, fibras e alguma proteína. E quais são os milagrosos alimentos que devemos comer ao pequeno-almoço? O health.com escolheu 20 alimentos, eu destaco oito:

 

Iogurte Grego

iogurtes.jpg

Este delicioso e cremoso iogurte está carregado de cálcio e proteínas (praticamente o dobro das que existem num iogurte normal), o que o vai manter cheio durante toda a manhã. O ideal é escolher um iogurte grego natural e light, claro, e junte-lhe fruta fresca. Veja aqui sete receitas diferentes para fazer com o seu iogurte grego.

 

 

20 alimentos que ajudam a tirar a fome (sim, se tiram a fome... emagrecem, claro!)

Quem, como eu, está na guerra do costume ponha o dedo no ar! Olá, o meu nome é Ela e estou em dieta há 24 horas! Firme e hirta. Sem fazer asneiras. Mas um bocadinho obcecada. Deve ser da falta de doces… e de pão… e de arroz… e de massa… e de pizza… e de um copo de vinho branco… e estou a ter uma recaída… Não estou nada. Mas estou numa busca insana por receita boas e que não engordem, claro. Foi assim que encontrei no site popsugar esta útil lista dos 20 alimentos que ajudam a emagrecer, porque… tiram a fome, claro. Já tínhamos publicado aqui uma lista de 7 alimentos que ajudam a emagrecer mas esta é bem mais completa e surpreendente! Uns são senso comum, outros... não sabia mesmo. Aqui fica a comida que me vai manter a mim e a todas as pessoas que, como eu, declararam guerra à balança bem longe do frigorífico.

 

Papas de Aveia

Oatmeal.jpg

Uma taça de papas de aveia vai mantê-lo satisfeito durante várias horas e é rica em fibras. Além disso, a aveia ajuda a aumentar os níveis de uma hormona impronunciável (colecistocinina) que regula o apetite do nosso organismo, por isso é uma ótima aliada para controlar a fome.