Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

casal mistério

Ele cozinha, ela viaja. Quando estão fora, testam e avaliam restaurantes, bares e hotéis. Quando se juntam em casa, escrevem sobre o que viram: o bom, o mau e o péssimo.

casal mistério

Ele cozinha, ela viaja. Quando estão fora, testam e avaliam restaurantes, bares e hotéis. Quando se juntam em casa, escrevem sobre o que viram: o bom, o mau e o péssimo.

o almoço mais fresco e rápido para um dia de calor na praia

Entrámos naquela fase do ano em que parece que a Amareleja se mudou para Lisboa. E para o Porto. E para o resto do país. Temperaturas de 40 graus podem ser um sonho para quem está na praia, mas são um pesadelo para quem está a trabalhar. E eu estou naquela época em que vou alternando entre os dois estados de espírito: ontem sofri à secretária, hoje vingo-me no mar. 

É por tudo isto que ando louco e desesperado à procura de receitas leves, fáceis e frescas para o almoço. E hoje descobri uma fantástica receita que, tanto dá para levar para o escritório como para a praia. Além disso, é fácil de fazer e come-se fria (ou gelada), o que nestes dias é uma bênção. A invenção é do fantástico site The Kitchn e mistura uma deliciosa manteiga de amendoim com uma fabulosa fruta.

Tudo o que vou precisar é de wraps/tortillas, manteiga de amendoim natural (nada de açúcares adicionados), granola (de preferência, caseira como esta aqui), banana (ou outra fruta de que goste mais) e um fio de mel. Para saber as quantidades certas de cada ingrediente, consulte a receita original aqui.

1c9d70e3347824b3bdbbb86590bd1c43f3a3eef1.jpeg

 

o almoço perfeito para o verão: batata doce com salada de atum e queijo derretido

Estou de boca escancarada desde que vi, há uns minutos, esta absoluta maravilha à minha frente. Ainda não consegui fazer mais nada que não fosse correr para o computador e começar a escrever para lhe mostrar rapidamente este fenómeno da natureza. Juntar batata doce, salada e atum e queijo derretido, tudo no mesmo prato, é o mesmo que comprar-me um voo directo para o paraíso. 

Acho que não vou aguentar nem mais um minuto. Vou fazer hoje esta ideia incrível do blog Lexi's Clean Kitchen. E vou fazer já. Antes de mais nada, é correr furiosamente para o supermercado para comprar batata doce, atum em lata conservado em azeite, cebola roxa picada, aipo picado, maionese, sumo de limão espremido no momento, salsa e paprika. Para o topping, vou precisar de tomate, abacate e queijo cheddar. Para saber as quantidades certas de cada ingrediente, consulte a receita original aqui.

Tuna-Melts7-683x1024.jpg

 

salada de camarão com abacate, um almoço fácil e saudável para quem não quer ter trabalho na cozinha

É o fundo do poço. Estou completamente ultrapassado nesta Mansão Mistério. Ontem, o meu querido Mini-Misterioso com pretensões a Mini-Chef resolveu fazer o almoço. E, quando tudo fazia prever uns ovos estrelados... ou um hambúrguer... ou uma massa com atum... eis que vem isto para a mesa.

20170429_153901 2.jpg

Assim mesmo. Preparado com todo o requinte de um verdadeiro Ratatouille. Do alto dos seus 14 anos, ele inventou sozinho esta fabulosa salada de camarão com abacate. Como eu tinha ido à praça de manhã comprar abacate e um tomate cherry delicioso – ainda não há o meu preferido que é o tomate cherry cor-de-laranja, mas este não era nada mau –, ele resolveu aproveitar um saco de camarão que estava no congelador para fazer esta delícia. 

Mais grave ainda: em vez de cozer o camarão, cozinhou-o ao vapor no cesto do nosso robô de cozinha, o que lhe deu uma textura e uma frescura únicas. É inacreditável, mas acho que criei um monstro – da cozinha, claro.

 

salada de ovo e abacate só com 5 ingredientes, o almoço perfeito para este fim-de-semana

Fim-de-semana alargado sem ovos é como o Kim Jong-un sem risca ao meio. Eu, pelo menos, recuso-me a admitir essa hipótese ultrajante. E então, depois de ter encontrado esta incrível receita, que consegue juntar um fantástico ovo cozido picado com um cremoso abacate esmagado, tudo na mesma salada, não admito qualquer outra hipótese para o nosso almoço de amanhã.

A receita é do indispensável blog Cooking LSL e é tão fácil de fazer que até me deixa arrepiado. Tudo o que vou precisar é de ovos cozidos (veja aqui como fazer um ovo cozido perfeito), abacate, cebola roxa, sumo de limão ou de lima e pão integral (que as dietas Dela não permitem mais). Para saber as quantidades certas de cada ingrediente, consulte a receita original aqui.

avocado-egg-salad-sandwich-4-1.jpg

 

como fazer os ovos cozidos perfeitos

Captura de ecrã 2017-04-27, às 12.46.51.jpg

Mal chega o calor, os ovos cozidos inundam a Mansão Mistério ao mesmo ritmo a que os prédios em obras inundam o centro de Lisboa. Temos de reconhecer que há poucos alimentos mais práticos e mais frescos. E, ainda por cima, podem ser comidos em qualquer lado e alimentam facilmente uma família durante uma tarde inteira.

A minha querida Mulher Mistério leva-os para o almoço no escritório dia-sim-dia-não e os Mini Misteriosos não concebem um almoço na praia sem ovos cozidos. Se não fossem tão calóricos e não fizessem disparar o meu colesterol à velocidade a que dispara a dívida pública portuguesa, acho que seria capaz de comer ovos cozidos todos os dias.

Mas, antes de qualquer outra consideração, é preciso saber fazer uns ovos cozidos decentes. Um ovo cozido não tem de ser sinónimo de clara plastificada e gema farinhenta. Eu, por exemplo, gosto da clara tipo gelatina e da gema quase líquida. Já a minha querida Mulher Mistério prefere a clara bem firme e a gema cremosa. E tudo isto é controlável se seguir estas dicas fáceis e fabulosas do Tasty que são a minha Bíblia no momento em que entro na cozinha.

 

 

o lanche perfeito para levar para a praia: espetadinhas de melancia e meloa caprese

São as temperaturas a subir e a comida a reduzir. Para um fim-de-semana de calor como este, só mesmo um lanche light e fresco para a praia. Não se aguenta pão, massas e saladas muito pesadas. Para mim, chega fruta, queijo fresco e uma fatia de carne fria. E por isso é que esta fabulosa e ultra-simples receita do blog What's Gaby Cooking caiu no meu colo como a Fiona caiu no colo do Shrek. Ainda por cima, é para ser preparada em mini-espetadas, o que é provavelmente a melhor maneira de servir comida em pleno areal.

Tudo o que vai precisar é de meloa, meloa cantaloupe, melancia, bolinhas de mozzarella, presunto fininho e manjericão. Para temperar, use flor de sal e pimenta preta moída no momento. Se gostar, um molho vinagrete de manjericão também fica óptimo. Para saber as quantidades certas de cada ingrediente e para aprender a fazer o molho vinagrete, veja a receita completa aqui.

WGC-Melon-Caprese-Skewers-3-copy.jpg

 

 

2 almoços irresistíveis e saudáveis com abacate para levar para a praia

Sou uma acérrima defensora da "Teoria das Compensações". Nunca ouviu falar? É possível, porque acabei de a inventar. É muito simples: se vou comer um ingrediente saudável, automaticamente posso compensar com um alimento menos saudável.

Vejamos o abacate: excelente, nutritivo, super light, idolatrado por todos os nutricionistas. Se vou almoçar um abacate posso compensar com uma fatia de pão... ou de bagel. OK. Não é uma teoria puramente científica mas o futuro e a experiência hão-de dar-me razão. E nada como começar a testar a minha teoria, precisamente com duas receitas de abacate: uma com pão integral e outra com um... bagel.

 

Tosta de Bagel com Abacate, Queijo Creme e Endro

image.jpeg

 

bruschetta de morango, blue cheese e ricotta, a minha fast diet de verão

A minhas dietas são claramente sui generis, eu sei. Mas quando descubro uma receita que tem pão escuro em vez de pão claro, fruta em vez de bacon, e queijo em vez de batatas fritas, acho logo que estou perante o prato mais saudável do mundo. Por isso, apresento-vos esta tentação mais ou menos light que descobri no fantástico blog Reluctant Entertainer.

OK, talvez mais menos do que mais, mas, de qualquer maneira, é melhor do que um hambúrguer do MacDonald's ou qualquer outra obra do demo da fast food. É a fast diet a levar a melhor sobre a fast food.

 

tostas de queijo de cabra com rabanetes, um almoço saudável e prático para levar para a praia

Chegou o dia que tanto temi. Adiei, adiei. Tentei arranjar desculpas, mas este fim-de-semana não tive hipóteses. Fui mesmo para a praia. De burka, mas fui. Ele e os miúdos estavam irredutíveis. Não consegui mesmo fugir. E agora? E agora, lá teve de ser. Mas pior do que ter de enfrentar o chamado teste da areia, foi ter de pensar no almoço que levámos para a praia. Previa-se um domingo de autêntico terror até que fui salva pelo blog Sassy Kitchen onde descobri esta apetitosa e saudável receita. 

transferir.jpeg

 

carpaccio de tomate com burrata e framboesas: uma receita espetacular e light (viva a dieta!)

Ainda na minha obsessão desenfreada de fechar a boca até ao verão (que entretanto já começou, socorro!), descobri uma receita simples e rápida que tem apenas 175 calorias, ideal para a minha fast diet para atingir o meu objetivo: enfiar-me num biquíni sem me transformar num ponto de referência (do género "Estás a ver aquela senhora avantajda ali ao fundo? O nosso chapéu-de-sol está à direita").

E a receita que encontrei e que me fez ganhar o dia é um extraordinário carpaccio de tomate, com burrata e framboesas. Só o aspeto já nos alimenta a alma e é um ótimo jantar: saudável e muito fácil de se fazer. A receita tem a assinatura de Jamie Oliver.

1188_6_1403087382_lrg.jpg

 

salada de atum, couve, ovo cozido e aipo: como fazer um almoço para a praia que enche mas não engorda

Se gosta de saladas um bocadinho mais consistentes, não tem de juntar sempre massa, arroz e outros alimentos que têm mais calorias do que alguma vez vai conseguir queimar num dia de praia a olhar para o sol. Há outras soluções muito menos calóricas. Esta receita do Joy The Baker, um dos meus blogs preferidos de comida, é só uma delas. Leva atum, ovo cozido e depois couve para ajudar a encher.

 

salada de melancia, queijo feta, mirtilos e hortelã: um almoço saudável e irresistível

Estou totalmente rendida a esta receita do blog She Wears Many Hats. Além de ser deliciosa, é saudável. E tanto posso levar hoje para o escritório para um almoço light (e sem cheiro a refogado, que ninguém merece!) como posso preparar este fim-de-semana para a praia. É fresca e prática e faz-se em menos de 20 minutos.

blueberry-watermelon-feta-mint-salad-recipe-1.jpg