Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

casal mistério

Ele cozinha, ela viaja. Quando estão fora, testam e avaliam restaurantes, bares e hotéis. Quando se juntam em casa, escrevem sobre o que viram: o bom, o mau e o péssimo.

casal mistério

Ele cozinha, ela viaja. Quando estão fora, testam e avaliam restaurantes, bares e hotéis. Quando se juntam em casa, escrevem sobre o que viram: o bom, o mau e o péssimo.

camembert no forno com compota e nozes pecan caramelizadas, o aperitivo que vai derreter na sua boca

Este fim de semana com um ligeiro sabor a inverno fez-me sonhar com um aperitivo delicioso, quentinho e, claro, calórico. Se eu sonhasse com coisas saudáveis é que seria de estranhar, não é? Hoje tudo o que me apetece é ficar à noite em casa a devorar séries à frente desta incrível receita do blog Foolproof Living. Isto sim, é um programa de luxo. Também seria um ótimo aperitivo em qualquer jantar. Se tiver convidados hoje em casa, faça-lhes esta receita. Vai ver que eles não vão querer comer mais nada!

Só precisa de nozes pecan, manteiga sem sal derretida e já arrefecida, açúcar mascavado, xarope de ácer, canela em pó, sal, pimenta caiena, amoras, sumo de limão fresco, mel, extrato de baunilha, um camembert, sementes de romã, folhas de tomilho e umas tostinhas para servir.

Se quiser saber as quantidades certas de cada ingrediente, para 4 a 8 pessoas, espreite aqui a receita original.

Blackberry-Compote-Spicy-Pecan-Baked-Brie-Recipe-2

 

 

crostini de batata doce com queijo de cabra, pera e nozes, o meu guilty pleasure depois da provação por que passei

Nunca me deu tanto gozo mastigar como no dia seguinte à minha fatídica dieta dos anjos da Victoria’s Secret. A sério. Uma pessoa dá cada vez mais valor aos pequenos prazeres da vida, como o simples ato de trincar… E ontem, para me desforrar, fiz sozinha (estou cada vez melhor na cozinha, qualquer dia posso despedir o meu querido Marido Mistério) esta facílima receita do blog Tuulia que inclui dois dos meus ingredientes preferidos: batata doce e queijo.

Só precisei de uma batata doce, azeite, queijo de cabra, uma pera lavada, tomilho fresco e nozes. Se quiser saber as quantidades certas de cada ingrediente, para 12 crostini, espreite aqui a receita original.

sweet-potato-crostini-4.jpg

 

 

mozzarella fumada no forno, o aperitivo ideal para apoiar o salvador sobral nesta noite histórica

Que dia recheado de emoções: o Papa Francisco em Fátima, o jogo decisivo do Benfica e o Salvador Sobral pode fazer história na Eurovisão! O momento com que Salazar sempre sonhou. Nem por encomenda, ele conseguiria juntar num só dia os seus três “F” preferidos: Fátima, Futebol e, neste caso, não é o Fado, mas é o Festival.

Com tanto evento a acontecer, resta-nos preparar um aperitivo à altura e sentarmo-nos à frente da televisão: e vai ser esta mozzarella fumada a derreter em cima de umas tostinhas, do blog Love Grows Wild, que é irresistível e, claro, vai desgraçar-me mais uma vez. Mas hoje vai ser dia de festa! Não tenho uma dúvida! Salvador Sobral vai “Amar pelos Dois” e por Portugal inteiro, porque a música e a sua forma de a interpretar são bonitas demais para ser verdade e, só por isso, vamos ganhar!

Mas vamos à receita. Só precisa de quatro queijos: mozzarella fumada (pode comprar aqui), provolone e parmesão ralados e queijo creme à temperatura ambiente. Depois, junte uma mistura de ervas aromáticas secas (orégãos, manjericão, alecrim e tomilho), piripíri e tostinhas de pão alentejano para acompanhar. Para decorar, um tomate maduro cortado em pequenos cubos e salsa picada.

Se quiser saber as quantidades certas de cada ingrediente, para 8 a 10 pessoas, espreite aqui a receita original.

Smoked-Mozzarella-Dip-2.jpg

 

camembert no forno com tomate seco e alho, uma entrada especial para o dia da mãe

Hoje é Dia da Mãe, tem a sua dileta progenitora e sogra (ui, que dupla!) a almoçar em sua casa e não sabe o que lhes vai dar? Não desespere. Tenho aqui a solução para um aperitivo delicioso e que as vai encher de tal maneira que pode fazer qualquer coisa a seguir que nem vão conseguir experimentar!

Esta receita, do blog Taste and Tell, demora menos de 15 minutos a preparar e é sucesso garantido em qualquer mesa ou evento.

Só precisa de tomate seco e alho picados, um queijo camembert, salsa picada e tostinhas ou crackers para servir. Se quiser saber as quantidades certas de cada ingrediente, para 12 pessoas, espreite aqui a receita original.

Baked-Brie-Recipe-with-Sun-Dried-Tomatoes-tasteand

 

 

gin de ruibarbo... de quê? ah, ruibarbo. santa ignorância a minha!

Confesso que foi a cor que me fascinou. Quando vi este gin pela primeira vez, disse logo: "Tenho de fazer isto". Ok, admito, antes disse: "Tenho de beber isto". Só depois caí em mim e percebi que, à falta de um Ambrósio cá em casa, tinha de o fazer primeiro. Ou melhor, tinha de aprender a fazer primeiro. Pesquisei, pesquisei, pesquisei e encontrei a receita no blog The Boys Club. E foi aqui que me dei conta da minha ignorância: nunca tinha ouvido falar de ruibarbo. Claro que Ele, o mestre da culinária, estava farto de saber o que era: "Nunca viste? Parece um alho francês, só que os talos são cor-de-rosa!". Ahhh! Não faço ideia. Depois de muito me ofender, resolvi o assunto com um: "Então vai comprar porque preciso disso para fazer um gin." Palavra mágica. Deu meia volta e lá voltou Ele com um molho de ruibarbo. Depois recompensei-o com esta maravilha de receita.

rhubarb-3-straight-on-600x855.jpg

 

 

pistácios de caril tostados, um aperitivo com um leve toque indiano para esta páscoa

Sou fanática por pistácios. Adoro. Mas confesso que me irrita solenemente o vício em que se tornam. Porque é que, depois de uma pessoa meter o primeiro à boca, só consegue parar quando a taça fica vazia? É completamente irracional. Bem, eu sou totalmente irracional no que toca a comida. E esta receita, que descobri no ótimo site The Kitchn enquanto procurava aperitivos originais para a Páscoa, prevê-se ser mais uma desgraça para a minha malfadada dieta.

Tudo o que vai precisar é de geleia de agave, óleo de coco, sumo de lima, caril em pó, pimenta caiena, raspas de uma lima, pistácios com casca e uma colher de sopa de açúcar. Para saber as quantidades certas de cada ingrediente, consulte a receita original aqui.

53250cf6dbfa3f3a10002336._w.540_s.fit_.jpg

 

 

pesto de beterraba, o meu mais recente e saudável vício

Estou esmagada. A minha querida e adorável sogra recebeu-me com um aperitivo que acabou comigo. Há muito tempo que não comia nada tão bom. Que maravilha e que receita moderna ao mesmo tempo. Tenho de admitir que tenho uma sogra muito à frente. Fomos lá jantar no fim-de-semana e, para abrir as hostilidades, vejo uma taça cor-de-rosa com um aspeto divinal cercada por umas tostinhas apetitosas:

- É pesto de beterraba, uma receita que descobri num blog - esclarece-me prontamente a dileta progenitora do meu querido Marido Mistério.

Sem cerimónias atirei-me à taça como um bêbedo se atira a uma garrafa de vinho. Resultado: Sogra 1 – Nora 0.

Por isso, não descansei enquanto não pedi ao meu querido Marido Mistério para fazer esta receita do The Roasted Root. Ele só vai precisar de uma beterraba, três dentes de alho picados, nozes tostadas, queijo parmesão ralado, azeite, sumo de limão e sal. Se quiser saber as quantidades certas de cada ingrediente espreite aqui a receita original.

Beet-Pesto.jpg

 

 

aprenda a fazer o aperitivo mais famoso do menu dos óscares

Já é um clássico no menu elaborado por Wolfgang Puck para o jantar do Baile do Governador: o Salmão Fumado sobre Brioche em forma de Óscar com Caviar Iraniano é um sucesso e é facílimo de fazer. O chef austríaco mais famoso de Hollywood disponibilizou a receita em grande exclusivo para o Casal Mistério (OK, e para o resto do mundo também) e está decidido: hoje vamos fazer na Mansão Mistério e vamos petiscando esta maravilha enquanto vemos a cerimónia dos Óscares.

oscar-party-governors-ball-recipes-001.jpg

 

 

o aperitivo mais popular de 2016: pão no forno recheado com queijo e corações de alcachofras

Acabou. Ao sexto dia consecutivo de chuva, tenho de tomar uma atitude drástica para me proteger do mau tempo. Das duas uma: ou compro um guarda-chuva ou faço este divinal aperitivo de queijo para o jantar. Confesso que ainda ponderei muito bem entre as duas hipóteses. Reconheço até que estive com um guarda-chuva na mão. Mas optei pelo queijo. Entre uma cabeça seca e um estômago cheio, privilegio sempre o estômago – até porque a cabeça encharcada seca rapidamente.

E foi assim que hoje caí nos braços desta divinal receita do blog Tastes Better From Scratch. Ainda por cima, foi o aperitivo para molhar (uns chips de batata doce ou umas tostas) mais popular do Pinterest no ano passado, com um total de 232 mil partilhas.

Tudo o que vou precisar é de um pão, sour cream (natas azedas), maionese (eu vou substituir por iogurte grego), queijo creme, parmesão ralado, alho picado, corações de alcachofras de lata ou de frasco e endro fresco. Para saber as quantidades certas de cada ingrediente, consulte aqui a receita original.

2c9a9d9dd5372602144cba8542b101ad871699e3.jpeg

 

 

mini tarteletes caprese, um aperitivo fácil e saudável para arrasar no seu natal

Não há maior alegria para uma dona de casa desesperada do que encontrar uma receita fácil, saudável e deliciosa para um jantar especial ou uma festa. E hoje até fiz um flick flack tal foi a felicidade quando descobri esta maravilha em forma de simplicidade no blog Recipe Runner. A receita original usa mini tacinhas de massa filo mas eu sugiro estas espetaculares e deliciosas mini tarteletes que encontra à venda no Ikea. Depois é só fazer uma mini salada caprese em cada tartelete. Vai ver que não demora mais do que 15 minutos a preparar esta receita.

Só precisa das mini tarteletes (que encontra no Ikea), se descobrir à venda tacinhas de massa filo já feitas melhor ainda, tomates cherry cortados ao meio, bolinhas de mozzarella também cortadas ao meio, folhas de manjericão, sal, pimenta preta moída e molho balsâmico. Se quiser saber as quantidades certas de cada ingrediente, para 15 tacinhas, espreite aqui a receita original.

MiniCapreseCups.jpg

 

 

queijo gouda com massa folhada no forno: adoro o advento!

Bendita seja esta época de partilha, de família, de solidariedade, de generosidade e de muito alimento. Já estamos em contagem decrescente para o Natal e aqui em casa já se experimentam receitas para a consoada. Digamos que inaugurámos uma espécie de Advento Gastronómico. Em vez de abrirmos uma janelinha de um calendário, todos os dias, ensaiamos um novo prato para o Natal, de preferência fácil e original. Ontem, experimentámos esta maravilha que encontrei no blog Savory Simple. Demora meia hora a fazer e é facílima, até para mim. Só precisa de massa folhada, farinha, dois queijos Gouda e um ovo ligeiramente batido. Depois, para servir, tenha à mão fatias de maçã e amêndoas laminadas e tostadas. Se quiser saber as quantidades certas de cada ingrediente espreite aqui a receita original.

Savory-Simple-Recipe-Baked-Gouda-27.jpg

 

 

chips de batata doce com caril, nozes caramelizadas e blue cheese, um aperitivo delicioso para o jantar de natal

Não resisto. Isto é demais para mim. Batata doce já seria delicioso. Chips de batata doce seria magnífico. Agora chips de batata doce com uma mistura de caril, gengibre, queijo blue cheese e nozes caramelizadas em mel é o petisco com que eu sonhava em silêncio desde que tomei o meu primeiro biberão. Ainda por cima, esta divinal receita do blog Half Baked Harvest arrisca-se a entrar directamente para o top dos petiscos mais fáceis de fazer do planeta.

Tudo o que vou precisar é de batata doce cortada às rodelas com menos de meio centímetro de espessura, óleo de coco derretido, pasta de caril vermelho tailandês, caril em pó, cominhos, gengibre ralado, piripíri, flor de sal, pimenta preta moída no momento, nozes, mel, arandos secos, queijo blue cheese desfeito em pedaços e folhas de sálvia. Para saber as quantidades certas de cada ingrediente, consulte a receita original aqui.

Curried-Sweet-Potato-Rounds-with-Honeyed-Walnuts-C

 

 

pasta de ricotta com trufa branca: quem já está a pensar nos aperitivos para o natal?

"Ai e tal, lá está Ela com a mania das grandezas. As trufas são caríssimas. Este aperitivo custa uma fortuna".

Pois está redondamente enganado/a! O segredo desta receita facílima e deliciosa, do blog Honest Cooking, está precisamente no nome chiquérrimo da propriamente dita. Qualquer receita com a palavra "trufas" no seu nome eleva-a para outro nível, mas, cá entre nós, ninguém precisa de saber que, neste caso, as trufas estão no azeite, o que coloca esta receita no patamar do "delicioso a um preço bastante aceitável".

Em menos de meia-hora, prepare este ótimo aperitivo para servir na sua consoada. Só precisa de queijo ricotta, raspas de limão, azeite de trufa branca, flocos de pimenta vermelha, pimenta preta moída, sal e, claro, tostinhas ou pão alentejano para acompanhar! Se quiser saber as quantidades certas de cada ingrediente espreite aqui a receita original.

IMG_2552.JPG

 

 

queijo brie no forno com nozes caramelizadas e framboesas, uma sobremesa absolutamente irresistível e original

Sobremesa? Agora assim, de repente, fiquei na dúvida. Porque não um aperitivo? Ou mesmo uma entrada? Bom, e se eu acabasse este diálogo esquizofrénico comigo mesma? Esta maravilha que descobri no blog Homemade Hooplah pode ser o que vossa excelência quiser. Até mesmo um delicioso brunch. Sim, é verdade, não se pode dizer que seja uma receita muuuito amiga da dieta, mas, bolas, é domingo, Dia do Senhor e das Facadinhas nas Dietas.

E eu vou fazer o pleno: vou fazer esta receita e depois vou rezar para não engordar.

Só preciso de nozes, açúcar, manteiga sem sal derretida, um queijo Brie, açúcar mascavado, mel, vinagre balsâmico e framboesas.

Se quiser saber as quantidades certas de cada ingrediente, espreite aqui a receita original.

Raspberry-and-Walnut-Baked-Brie-3-600x900.jpg

 

 

tem de ver este vídeo: palitos de pão com queijo derretido, um petisco estupidamente simples e incrivelmente delicoso

Pao07.jpg

Dia de futebol no estádio é dia de petiscos cá em casa. Mas não se prenda com a questão da bola. Esta maravilhosa e ultra-simples receita para picar também serve para acompanhar a novela, o The Voice ou as Tardes da Júlia. É indiferente. Só precisa de ter uma desculpa para juntar uns amigos em casa, à volta de uns copos de gin, de umas cervejas e de um pão destes.

O meu pretexto ontem foi o futebol. Já há uns anos que me apercebi de que Ela é ligeiramente mais hooligan do que eu no que toca à bola. Salta, grita, gesticula, ofende, mas, acima de tudo, come sempre que tem a televisão pintada de verde (é a cor da relva, não do clube...) à sua frente. Quando ontem me apercebi de que um pequeno grupo munido de cachecóis e bandeiras iria invadir a minha sala, para ver um jogo da Primeira Liga (vamos manter o mistério à volta do nome da equipa portuguesa...) tive de arranjar uma solução de recurso para alimentar esta mini-claque. E foi aí que me lembrei dos palitos de pão de queijo que vi, pela primeira vez, no blog Beantown Baker. Só fiz uma alteração: retirei os cogumelos para simplificar.

A receita é estupidamente fácil, parvamente deliciosa e idioticamente viciante. Não acredita? Então veja lá este vídeo de 30 segundos.