Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

casal mistério

Ele cozinha, ela viaja. Quando estão fora, testam e avaliam restaurantes, bares e hotéis. Quando se juntam em casa, escrevem sobre o que viram: o bom, o mau e o péssimo.

casal mistério

Ele cozinha, ela viaja. Quando estão fora, testam e avaliam restaurantes, bares e hotéis. Quando se juntam em casa, escrevem sobre o que viram: o bom, o mau e o péssimo.

sheraton cascais, o brunch com o ambiente mais espectacular para um dia de sol

Sheraton_Cascais_Brunch_7.jpg

Um brunch servido num jardim, em cima de um relvado, à sombra de uns pinheiros, e com um carrinho de pipocas a saltitarem ao lado já me faria subir aos Himalaias duas vezes seguidas sem respirar. Agora se juntar a tudo isto um carrinho de gelados da Artisani, então, meus amigos, estou disponível para atravessar o Triângulo das Bermudas a nado só para poder lá estar. O mais incrível é que não precisei de nenhum sacrifício físico para conseguir ter tudo isto no recentemente remodelado Hotel Sheraton, em Cascais. Mas antes de falarmos das pipocas, dos gelados, dos croissants, dos bolos, dos ovos mexidos, das panquecas, das gomas, das saladinhas de tomate cherry e mozzarella e do gigantesco buffet, temos mesmo de falar do jardim.

 

novidade! novidade! o páteo do petisco vai abrir um novo restaurante junto à praia do guincho, em cascais

image.jpeg

Começou com um pequeno pátio no bairro da Torre, em Cascais, depois expandiu-se para o Mercado de Cascais, logo a seguir para o Palácio do Chiado, em Lisboa e, agora, vai chegar à Areia, perto da praia do Guincho.

O quarto espaço do Páteo do Petisco vai ocupar o lugar do antigo Rola na Areia, no Clube D. Carlos, ao lado do Parque de Campismo, perto do Guincho. Com uma simpática esplanada e um espaço agradável, ideal para as crianças correrem e brincarem, o novo restaurante vai chamar-se Páteo do Guincho e tem tudo para ser mais um sucesso.

 

o gin mais caro (e mais surreal) do ano

– Boa noite.

– Boa noite, eu vou querer um gin. Tem meias doses?

– Ha, ha... como nós costumamos dizer, nesta área meias só nos pés.

Bem-vindo ao Hotel Grande Real Villa Itália, em Cascais. Tal como o nome pomposo indica, estamos perante um hotel de luxo, com uma piscina fantástica e uma vista deslumbrante para o mar. O terraço tem serviço de bar e a carta de gins é prometedora com uma oferta de águas tónicas que vai da Fever Tree Premium Indian à 1724. A própria ementa sugere as melhores combinações entre as marcas de gin e as marcas de tónica. E propõe uma requintada selecção de botânicos para cada gin. Tudo aqui é do mais profissional e exclusivo que existe. Até que...

Belvedere-Ristorante-Grande-Real-Villa-Italia-Hote

 

uma esplanada em cima do mar, com óptimo sushi, um fantástico prego de atum e uma televisão para ver o euro

IMG_6144 (1).jpg

Caros concidadãos, tenho um importante anúncio a fazer à Nação.

Pausa...

Silêncio...

Suspense...

Bocejo...

Ups, é melhor acabar com a expectativa senão corro o risco de chegar à sétima linha de texto com a concidadania a dormir profundamente.

 

 

a nova zona de restauração do cascaishopping é um dos espaços mais originais para almoçar (até tem carrinhas de street food nos corredores)

Cascais-Kitchen-2.jpg

Foi um autêntico tsunami aquilo que passou pela zona de restauração do CascaiShopping. No lugar de sítios como o antigo Mesón Andaluz nasceram roulottes de street food, bicicletas penduradas no tecto, caixotes de fruta empilhados no chão, balcões cheios de presuntos, plantas a saírem de todo o lado...  Aqui parece que está num mercado de rua, numa feira ou num espaço de tapas... o que quiser... mas nunca na zona de restauração de um centro comercial.

O novo espaço do CascaiShopping chama-se Cascais Kitchen e é provavelmente o espaço mais criativo e agradável que já vi por cá. Abriu na semana passada e eu não consegui esperar muito até me meter no carro e ir até Cascais para almoçar. Infelizmente, a minha querida e prezada Mulher Mistério estava atolada com a sua agenda de compromissos inadiáveis e preferiu ir comprar o 11.º biquíni deste Verão em vez de acompanhar o seu dilecto marido – por isso, levei a minha Mãe Mistério nesta viagem de reconhecimento.

 

 

novidade! novidade! o restaurante rubro acabou de abrir no mercado de cascais

10406948_1605933722958577_5386330461217443135_n (1

Tem três tenrinhos dias de vida e é o mais novo restaurante de Cascais. O conhecido Rubro, que já existia no Campo Pequeno e na Rua Rodrigues Sampaio, em Lisboa, abriu este sábado, no Mercado da Vila, ao lado do Marisco na Praça, do Páteo do Petisco e do italiano Gulli, entre outros.

Especializado em petiscos típicos espanhóis, que vão dos ovos rotos com presunto às irresistíveis puntillitas, o restaurante tem um espaço arejado com mesas compridas com os típicos bancos corridos, o que para alguém em idade de se tornar um sério candidato a problemas com ciática, como eu, começa a ser uma preocupação.

 

novidade! novidade! os donos da confraria abriram uma cevicheria "japonesa" na rua com mais charme de cascais

1625791_955859167832396_266736824947051772_n.jpg

É uma pequena rua com uma bicicleta pendurada na parede de um dos edifícios e está a tornar-se o epicentro da movida de Cascais. É claro que a palavra movida tem de ser reinterpretada quando falamos de Cascais: no Verão, a rua é fechada ao trânsito, a estrada transforma-se numa enorme esplanada e até há DJs a pôr música; no Inverno, é uma sorte conseguir encontrar meia dúzia de pessoas de cachecol à volta do pescoço.

11952720_1632529820348674_1794050103370792421_o.jp

De qualquer forma, é nesta rua e na do lado que encontra a Hamburgueria do Bairro, o Moules & Gin, a carpaccio house La Contessa, o bar de tapas Dom Diniz, o restaurante japonês Sushíssimo e agora a novíssima cevicheria Waka, acabada de abrir no início deste ano. Quem diz cevicheria diz também sushi cevichado, porque este é um restaurante que mistura duas das melhores coisas que existem no mundo da gastronomia: os ingredientes e os sabores cítricos fortes típicos do Peru com os paladares exóticos da cozinha japonesa.

 

o meu sítio preferido para comer pizzas não é bem um restaurante, é quase uma casa de família

10188_564096093625370_1589443485_n.jpg

Encontrar este restaurante no centro de Cascais pode ser tão difícil como descobrir um cabelo na cabeça do novo presidente da FIFA. O Lambrettazzurra tem cerca de 20 lugares sentados no interior e mais duas mini-mesas acolhedoras na esplanada para quem quiser fumar. 

 

10 óptimos restaurantes para almoçar se estiver de dieta

IMG_0849.JPG

Estou definitivamente contrariado. Falar de restaurantes a quem está de dieta é como contar uma anedota a Cavaco Silva. Não vai resultar. No entanto, a minha prezada Mulher Mistério insistiu, voltou a insistir e finalmente ameaçou-me com o prolongamento da sua dieta durante mais seis meses, o que me levou a ceder imediatamente a fazer esta lista. Pensando bem, e se forem restaurantes para almoçar num dia de trabalho, até há óptimas e saborosas opções em Lisboa. E, ao fim-de-semana, também.

Afinal de contas, a dieta não é assim tão dolorosa, especialmente se almoçarmos num destes sítios. 

 

onde é que pode comer um almoço de ovos perfeito para a sua dieta? na última novidade do cascaishopping

5dfe40_90d9f157ba19488c81e9537515f6b83e.jpg

Janeiro é sempre um mês difícil para quem gosta de comida. Por um lado, esgotámos a nossa quota anual de calorias nos últimos sete dias de 2015. Por outro, fizemos promessas precipitadas de contenção alimentar a partir do terceiro copo de champanhe na Passagem de Ano – e isso ainda vai demorar uns dias a esquecer. 

A sua única salvação é que há duas maneiras de encarar esta austeridade calórica: fazendo como a minha querida Mulher Mistério e mergulhando 30 dias numa imensa piscina de saladas, smoothies, sumos detox e outras variações de verde; ou transformando-se num Indiana Jones alimentar e partindo à descoberta de novas e deliciosas soluções gastronómicas que sejam bem vistas pela sua sempre exigente balança.

Escusado será dizer que eu assento que nem uma luva no papel de Indiana Jones. E foi quase de chapéu na cabeça e chicote na mão que descobri o Eggcelent, um restaurante exclusivamente de ovos que começou no Amoreiras Plaza e que recentemente se expandiu até ao Cascaishopping. 

 

bolas de berlim com doce de leite: os bolos preferidos das crianças estão nesta pastelaria (e de alguns adultos também...)

cascais-4.jpg

Pergunta prévia: tem mais de 18 anos? Então este texto não é para si. Quer dizer, até aos 30 ainda o pode ler assim meio a correr, desde que a seguir vá fazer a maratona de Nova Iorque para abater calorias. Se tiver mais de 30, não vale a pena perder-se por aqui. E porquê? Porque hoje vamos falar dos doces preferidos da nossa pequena equipa de futsal, os quatro Mini-Misteriosos cujos olhos saltam das órbitas cada vez que se cruzam com as bolas de Berlim de doce de leite da Sacolinha.

Mas antes vamos ao...

 

novidade! novidade! abriu em cascais um dos meus restaurantes de fast food preferidos

10847866_1409733652651524_3256115760080202079_n.jp

Entrar num centro comercial, ir a um restaurante de fast food e poder comer um saudável tártaro de salmão é qualquer coisa como ver um deputado do PAN sentado na Assembleia da República. Não estava à espera, pois não? Então, se esse tártaro levar ainda cebola roxa, manga, molho de soja, sumo de limão, wasabi e cebolinho e for uma verdadeira delícia, a fasquia sobe em flecha. 

 

o mais arrebatador tártaro de salmão dos últimos tempos (com gema de ovo por cima!)

IMG_1719.jpg

Estava eu aqui profundamente dividido entre publicar um longo texto sobre a vida e obra de Pedro Passos Coelho ou a obra e vida de António Costa, quando de repente se me fez luz: e se escrevesse antes sobre o novo restaurante do Mercado da Villa, em Cascais? Não será ligeiríssimamente mais interessante? Modestamente mais útil para quem está prestes a começar mais uma dura semana de trabalho e vai precisar de um sítio para almoçar? Sensivelmente mais apelativo para dar aqui um saltinho no próximo fim-de-semana?

Hmm... deixe cá pensar... se calhar... ok, não vale a pena responder.

O novo restaurante do Mercado de Cascais chama-se Stockholm Market e é um oásis de comida fresca e saudável no meio de um deserto de calorias. 

12032084_482006628646875_8319703141103037766_n.jpg

 

novidade! novidade! já fomos à incrível varanda do novo hotel intercontinental no estoril

11728907_913792852027210_6940102224708694156_o.jpg

“Eu ainda sou do tempo do Hotel Atlântico”. São frases como esta que me deprimem. Fazem-me sentir antiga. Mas é um facto. E contra factos não há argumentos. Lembro-me perfeitamente de ir para lá com os meus avós quando era criança. Por isso, foi com muita curiosidade que acompanhei a demolição do velhinho e abandonado Atlântico e o nascimento do moderno e luxuoso Intercontinental Estoril.

 

o bar com uma das mais simpáticas vistas de mar (mas com um dos mais antipáticos serviços de cascais)

10010285_1028252880518274_4822256609413840338_o.jp

O serviço

O que é que será melhor: uma empregada que não sorri ou uma empregada que não lhe responde quando diz boa tarde? Hmmm... Deixe cá ver... 

O que é que será melhor: uma empregada que se queixa à colega de outra pessoa à sua frente ou uma empregada que continua a falar com a colega, de costas para si, enquanto espera ao balcão. Hmmm...

O que é que será melhor: uma empregada que tem uma enorme dificuldade em dizer "obrigado" ou uma empregada que tem uma manifesta incapacidade de dizer "se faz favor"? Hmmm...

São, de facto, dilemas difíceis de resolver, mas na Duna da Cresmina, em Cascais, não existe essa dúvida – até porque as empregadas conseguem reunir todas estas características numa equipa una e indivisível. Ali não há sorrisos, não há disponibilidades, não há boas vontades. Ali não há simpáticas e antipáticas. Ali faz-se aquilo que tem de se fazer. E nada mais. É preciso responder aos clientes? Responde-se – mas sem simpatias. É preciso levantar os pratos da mesa? Levanta-se – mas não se limpa a mesa. É preciso receber o dinheiro dos clientes? Recebe-se – mas não se agradece. Ou seja, o serviço cumpre – mas não agrada.

É pena, porque, no que diz respeito à vista, o sítio é imbatível.