Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

casal mistério

Ele cozinha, ela viaja. Quando estão fora, testam e avaliam restaurantes, bares e hotéis. Quando se juntam em casa, escrevem sobre o que viram: o bom, o mau e o péssimo.

casal mistério

Ele cozinha, ela viaja. Quando estão fora, testam e avaliam restaurantes, bares e hotéis. Quando se juntam em casa, escrevem sobre o que viram: o bom, o mau e o péssimo.

o chá milagroso que vai acabar com a minha tosse e salvar a família mistério da ameaça da fome

Sou a única que estou com uma tosse cavernosa há semanas, correndo o risco de ser expulsa do nosso "leito matrimonial" por um desesperado Marido Mistério que não consegue dormir? Pois bem, Ele hoje fez-me um ultimato: se eu não parar de tossir, Ele pára de cozinhar. E isso seria uma tragédia na Mansão Mistério. Por isso, decidi tratar-me, dando-lhe uma chapada de luva branca. Como? Em vez de me encharcar em anti-histamínicos e brufens, como costumo fazer, o que o deixa à beira de um ataque de nervos, vou fazer como Ele gosta: de forma natural (Ahhhh... devem estar a pensar: este casal é mesmo ao contrário, é Ele que gosta de tudo natural? OK. Mas juro que Ele é muito macho, só é... sensível). A receita que descobri no site Joylicious é, de facto, natural mas não é para qualquer um. Espreite lá:

transferir (2).jpg

 

 

3 chás gelados deliciosos e surpreendentes para dar as boas vindas ao calor

O chá gelado está para o Verão assim como a Comissão Europeia está para as previsões económicas do Governo: mal o clima começa a aquecer aparece o balde de água fria. E, como estamos a poucos dias do início do Verão, resolvi juntar três deliciosas e surpreendentes receitas de chá gelado para refrescar as ideias nos dias mais quentes. Além de saborosas, são ainda à prova de toda e qualquer dieta.

 

Chá Gelado de Erva-Príncipe, Manjericão, Mel e Hibisco 

Hibiscus-lemongrass-Basil-and-Honey-Sweet-Iced-Tea

 

 

um maravilhoso brunch na deslumbrante vila de sintra: os scones gigantes do café saudade

10406596_881447008585296_6340351574461647030_n (1)

Ao olhar para o meu scone no Café Saudade, em Sintra, senti-me como o Marques Mendes a contemplar o Empire State Building em Nova Iorque. Não é um bolo grande, é gigantesco. São os Himalaias dos scones. Ainda por cima, são óptimos, servidos quentes, com o interior suave e (único defeito!) a parte de fora pouco crocante para aquilo que eu gosto.

 

 

scones de laranja e tâmaras? porque não? quer melhor ideia para um brunch de domingo?

Confesso que estou a adorar este primeiro fim-de-semana de outubro. Com este tempo muito mais ou menos, já não tenho o meu querido e enérgico Marido Mistério a querer ir dar um mergulho à praia, andar de bicicleta ou a inventar mil e um programas saudáveis ao ar livre. Acreditam que até uma sesta consegui fazer ontem à tarde! Que maravilha! E o que é que apetece numa manhã de domingo de outono (ou numa tarde ou numa noite, pois claro!)? Uns scones quentinhos acabadinhos de fazer (prometo que não escrevo mais nenhum diminutivo). Mas estes são diferentes. A originalidade desta receita da infalível donna hay está nos ingredientes extra. Além dos óbvios (farinha com fermento, açúcar, leite e manteiga), esta guru da cozinha australiana junta-lhes casca de laranja ralada e tâmaras picadas. Espreite aqui as doses dos ingredientes para fazer 16 scones.

197916e3d6d77af0293400aa2e7fa138.jpg

 

 

5 substitutos eficazes e surpreendentes para o café

Cá em casa, a minha prezada Mulher Mistério bebe um cappucino duplo todas as manhãs, um café a seguir ao pequeno-almoço, mais outro a meio da manhã, mais um a seguir ao almoço, outro a meio da tarde e por aí adiante. Recentemente, porque a idade não perdoa, começou a beber descafeinado à noite: um depois do jantar, outro a meio da noite, enfim... nunca se deita com menos de cinco cafés no sistema nervoso central. E todos cheios – que Ela ainda não percebeu terem mais cafeína do que os cafés curtos.

Foi com esta preocupação na mente que mergulhei numa profundíssima investigação em busca das melhores alternativas para a fazer abandonar este suicídio cafeinómano em que Ela se envolveu. E recentemente encontrei este maravilhoso artigo de Sam Negrin, criadora do site All Good Health e editora da Leaf TV, que sugere cinco surpreendentes formas de substituir o café por ingredientes mais saudáveis. O artigo foi publicado no blog Because I'm Addicted. Eu escolhi quatro sugestões que vou tentar começar a dar-lhe sem Ela perceber. Vamos ver se resulta.

36b412f2fe633271876071a5c911b45a-612x918.jpg

 

9 razões científicas para beber água quente com sumo de limão logo de manhã

Oh não! Já é segunda-feira? Não pode ser. Não posso crer. Porque é que o fim de semana passa a voar e a segunda-feira demora anos a passar? Bem, é a realidade e esta semana decidi experimentar um truque que faz bem a tudo. A tudo e mais alguma coisa. Até ajuda a emagrecer! O site de vídeos Leaf, especializado em alimentação e bem estar, explica em menos de 2 minutos os 9 benefícios de tomar água quente com limão logo de manhã, em jejum. Não acredita? Então, vamos a isto.

lemon.jpg

 

 

os truques para fazer um chá de menta marroquino perfeito (o meu novo ritual pós-dieta)

E o resultado da minha dieta foi… o previsível. Nós somos o que nós comemos. Não tenho uma dúvida. Fosse eu esquisita, como muito boa gente que conheço, e era magra e estupenda. Mas não. Adoro comer e de tudo. Também não pensem que sou um batoque. Não. Podia era ser mais magra. Como diz o meu querido e adorável Ele, “mas não eras a mesma coisa”. Ele gosta tanto de cozinhar e de comer que prefere mil vezes uma mulher com uns quilos a mais do que uma chata que não come nada em casa. Estes 15 dias de dieta foram um suplício tanto para mim como para Ele. E compensou? Sim, perdi 2 kg. Não é mau, mas podia ter perdido muito mais se não tivesse cedido às inúmeras tentações que me apareceram pela frente.

O problema é que já não tenho 20 anos. Nessa altura, conseguia emagrecer 4 kg numa semana. Mas a verdade é que não fechei totalmente a boca. Dois quilos é melhor do que zero, certo? Por isso vou voltar a comer mas com alguns truques para me ir tirando a fome. Vou encher-me de chá durante o dia: não engorda, diminui o apetite, é diurético e é ótimo. E vou começar à grande e à marroquina: com o típico chá de menta. Se pensa que é só ferver água e atirar lá para dentro um saquinho de chá, está redondamente enganado. Esta receita do fantástico blog Honestly Yum tem todo um ritual e vários truques, por isso, é que é tão boa.

moroccan_mint__tea__3_1.jpg

 

chá com whisky e mel?! é isso mesmo: a terapia mais agradável contra a gripe em três deliciosas receitas

Está um frio de rachar, a gripe vai ser mais forte este ano, o pico do surto chega nos próximos dias e...

...e chega de más notícias! Precisamos urgentemente de uma boa-nova associada à temível actividade gripal e à não menos temível figura de Francisco George (que só aparece na televisão para nos falar de desgraças).

É por isso que nós estamos aqui. Para lhe dar três eficazes receitas anti-espirro que contêm o habitual chazinho e o simpático whikyzinho. Neste caso, um bourbon. Mas se preferir um scotch ou um irish também ninguém leva a mal.

Agora pegue no lenço, fungue uma última vez e ponha a água ao lume.

 

Chá de Laranja 

8414039633_1009345434_z.jpg

 

se beber este sumo duas vezes por dia vai dormir mais 84 minutos por noite (descubra do que é que estamos a falar)

Eu sei que a afirmação do título é um bocadinho definitiva de mais, mas a culpa é do último estudo da Universidade do Louisiana nos Estados Unidos. Depois de duas semanas seguidas a dar, duas vezes por dia, sumo de cerejas montmorency aos adultos com insónias, os investigadores concluíram que estes passaram a dormir mais 84 minutos por noite. A justificação está na libertação de melatonina, uma hormona que existe em abundância nas cerejas e que ajuda a regular o ciclo do sono.

E, como para mim, dormir é viver e viver também é dormir, lancei-me na Internet à procura das melhores receitas de sumo de cereja. E foi assim que encontrei esta deliciosa receita do site The Clean Dish, que tem ainda outra vantagem: além do sumo de cereja, junta-lhe um chá de valeriana, outro poderoso compincha dos insones.

Sleep-Tight-Cherry-Valerian-Juice-Insomnia-Remedy-

 

empadas de alheira de caça com grelos? bolachas de cerveja? conheça esta surpreendente casa de chá em belém que vale a pena

198_xl.jpg

Gosto de surpresas. E esta semana tive uma óptima surpresa. Num daqueles dias em que parecia que andava com um duche constantemente em cima de mim, tal era o dilúvio, entrei a correr na primeira porta aberta que encontrei junto ao Centro Cultural de Belém. E felizmente era a porta do Saboreia Chá e Café.

Eu sei que o nome parece mais o slogan publicitário da Confraria do Chá do que outra coisa qualquer, mas não se deixe intimidar. Vale a pena vir aqui – por várias razões.

Captura de ecrã 2014-11-29, às 16.16.06.png

A ementa 

Em primeiro lugar, pelas empadas. Eu sei que estamos numa casa de chá, mas não fui capaz de lhe esconder esta informação durante mais tempo. Aqui há empadas. Muitas empadas. E especiais empadas. Só para lhe abrir o apetite: já provou empadas de alheira de caça com grelos? Ou empadas de espinafres com requeijão? Ou empadas de bacalhau? Ou de camarão? Ou de espinafres com farinheira? Pois é isso que pode encontrar no Saboreia Chá e Café. E vale muito a pena esse encontro: seja para lanchar a meio da tarde, como eu fiz; ou para trazer para um jantar de última hora em casa, como eu me arrependi de não ter feito.

Em segundo lugar, o Saboreia Chá e Café (oh, que raio de nome!) vale a pena pela tentadora quantidade de bolachas e biscoitos caseiros, como as roscas ou os palitos de noz. Produzidas pela Casa Velha, são vendidas em sacos transparentes atados com um laço em ráfia. Têm um óptimo aspecto, são deliciosas e dão um fantástico presente para alguém. Eu não resisti e, depois de comprar um saco de bolachas de cerveja, abri-o avidamente e devorei metade do que estava lá dentro. Além de muitíssimo fininhas e estaladiças, têm um ligeiro sabor a cerveja e não são muito doces: o único travo adocicado é o dos grãos de açúcar mascavado que estão colados por cima das bolachas.

80_xl.jpg

O pódio dos motivos que fazem o Saboreia Chá e Café valer a pena fica completo com os bules, chávenas, frascos, caixas de chá e outros acessórios que aqui estão à venda. Também há doces, compotas e xaropes de chá verde, capilé ou tangerina à venda para levar para casa.

Além desta parte de loja, o Saboreia Chá e Café tem ainda uma boa pastelaria com uns queques com óptimo aspecto e pães de ló individuais. E, claro, há os chás. De afrodisíaco a chá de alcaçuz, passando pelos mais tradicionais, a escolha é enorme. Eu optei por um chá de pistácio, surpreendente mais ligeiramente enjoativo de mais, que veio servido numa caneca de vidro transparente. Sinceramente continuo a preferir o chá servido num tradicional bule e chávena, mas também não é por aí.

343_xl.jpg

O ambiente 

A casa de chá do CCB é só uma das várias que existem em Portugal: Cascais, Tavira, Parque das Nações, etc.. A marca é um franchising espanhol e a decoração é semelhante em todos os espaços: sóbria e engraçada. Uma das paredes está coberta com um papel a imitar uma estante cheia de livros, o chão tem enormes losangos cor de tijolo e beges e os guardanapos são kleenexes em caixas decoradas com desenhos de pautas de música ou de azulejos antigos. Além disso, os bules e as chávenas à venda ajudam a dar vida ao espaço com cadeiras de estilos diferentes.

76_xl.jpg

O serviço 

É o único senão – além, claro, do nome. Numa casa especializada em chá, eu estava à espera de uma empregada especializada em chá. Mas, apesar de simpática, não me conseguiu responder às perguntas que lhe fiz sobre o meu adorável chá de pistácio.

 

O bom 

A variedade de chás

O mau 

O facto de a empregada não conhecer bem os chás

O óptimo 

As empadas e as bolachas e biscoitos caseiros

 

Um bom chá de fim-de-semana para si onde quer que esteja,

Ele

 

fotos: saboreia chá e café e zomato

e que tal um chá gelado e um doce caseiro para o lanche?

Levanta-se às 7h da manhã, passa um dia inteiro à frente do computador, atura a má disposição do chefe e a incompetência do colega do lado e, quando sai para voltar para casa, ainda está a chover?! O que é que se passa, meu Deus?! Como diz o Woody Allen, se Deus de facto existe, é bom que tenha uma óptima desculpa para tudo isto.

Mas não desanime. Nós temos uma pequena ajuda para alegrar o seu dia. Antes de virar para casa, faça um pequeno desvio, vá até à Avenida de Paris, 17-A, ao lado da Praça de Londres, em Lisboa, e experimente um dos maravilhosos chás frios que estão ali à sua espera. Se a chuva já tiver parado, sente-se na pequena esplanada da Empório do Chá, numa das simpáticas mesas de madeira por baixo de um dos enormes chapéus de sol e respire fundo enquanto ouve os pássaros a cantar. Se a chuva continuar, fique do lado de dentro e peça um dos fantásticos bolos caseiros para acompanhar.

 

 

bebida para os dias de calor que vêm aí: os chás gelados do starbucks

Sou fanático por chás. Bebo chá de manhã, bebo chá ao almoço, bebo chá à tarde e até bebo chá à noite. Bebo chá em qualquer lado e com qualquer pessoa. Adoro lojas de chás, onde se pode escolher, ver e cheirar as folhas. Adoro bules e todas as variações de design que existem hoje em dia.

É nesta fase do texto que você se pergunta: 

- Mas este louco varrido crashou o cérebro? Acordou e resolveu fazer um post sobre chás agora que vêm aí dias em que estarão 35 graus dentro de um frigorífico? Insandeceu? Flipou? Alucinou? Bloqueou?

Nossa, que violência! Também não é preciso utilizar tantos sinónimos de loucura só para me descrever. De facto, não jogo com o baralho todo, mas o nível de insanidade também não é assim tão grave como está a pensar. Resolvi falar hoje de chás exactamente porque vem aí o calor. E porque gosto de chás quentes, mas gosto ainda mais de chás gelados. É uma óptima bebida para o Verão e uma alternativa mais saudável à caipirinha, à sangria e a todas as outras óptimas bebidas que implicam a ingestão de uma quantidade apreciável de álcool.

Apesar de não ser daquelas pessoas que andam pelo escritório sempre com uma caneca fumegante atrás, aumentou o meu índice de visitas ao Starbucks desde que, este ano, tirei as T-shirts da naftalina. Por duas razões. A primeira: chá gelado de menta com spearmint. A segunda: chá gelado de menta com laranja e jasmim. A infusão é feita no momento e demora três minutos a ficar gelada como um granizado. Para mais, é servida  num daqueles copos transparentes que são muitos mais agradáveis de passear do que aquelas canecas que vejo lá pelo escritório.

O chá de laranja e jasmim é um pouco mais forte e frutado; o chá de spearmint é mais leve e adocicado. Ambos ficam lindamente sem açúcar (mais uma dica para a dieta da minha querida Ela) e são óptimos para os dias de calor. Se não gosta de sabores muito fortes, convêm tirar a saqueta mal o chá é servido. E se não gosta de menta, tem outras opções, com especiarias, chá preto e até gengibre. A variedade não é muito grande. Mas é razoável.

Até Outubro, eu andarei por aqui. E depois também – para beber os chás quentes.

 

Uma boa chazada para si onde quer que esteja,

Ele

carta para o meu querido marido mistério

Meu querido Marido Mistério,

Como aturas diariamente as minhas neuras, porque em vez de cerveja tenho de beber chá e em vez de vinho tenho de beber sumos, venho por esta forma sugerir-te a solução para todos os nossos problemas: um presente de verão (porque não?) ou, melhor, um presente de dia-da-mulher-que-está-sempre-de-dieta (já que existem dias para tudo, porque não inventar este, tão justo e tão pouco valorizado?). Como sou super generosa, não quero uma coisa só para mim! É uma coisa para a casa, para todos! E o que é? Um Stacked Optic-Glass Beverage Server, que é o mesmo que dizer um dispensador de bebidas frescas.

Já me estou a imaginar a abrir a torneira de cada recipiente ao ritmo de cada golo de Portugal durante o Mundial (sim, eu sou uma otimista por natureza, já me esqueci que houve um jogo com a Alemanha). 1-0, um copo de chá verde; 2-0, um copo de água aromatizada; 3-0, um copo de limonada; 4-0, uma ida à casa de banho; e por aí em diante. Vai ser uma loucura, uma bebedeira psicológica. Vá lá... Não é assim tão caro! E é fantástico para as festas de anos da nossa equipa de futsal... Para te facilitar a vida (não quero que te falte nada) aqui está o link. É só clicar e pagar. Não custa nada!

Espero ansiosamente uma resposta tua ou uma encomenda pelo correio.

 

Beijinhos

da tua Mulher Mistério  

 

 

chá das cinco no palácio das cardosas no porto

 

Vou ser franca. Sempre embirrei com “os dias internacionais de qualquer coisa”. Bom, exceção feita para o dia da criança, quando era miúda. Agora, parece que todos os dias são dias de alguma coisa, e confesso que até mesmo o dia internacional da mulher me irrita um bocadinho. “Porque é que não há o dia internacional do homem?”, perguntou-me outro dia um dos membros femininos da nossa equipa de futsal. Expliquei-lhe que infelizmente este dia é muito importante para despertar consciências sobre as atrocidades que milhões de mulheres ainda sofrem em todo o mundo. E sendo um dia fundamental para recordar que as mulheres devem ser tratadas como rainhas, nada como celebrar o dia 8 de março como uma princesa.

 

 

Um pouco de História

É isso mesmo que propõe o Bar do Palácio das Cardosas no Porto. Um chá das cinco digno da princesa Catarina de Bragança. Sim, porque o famoso “english tea” ou o “five o´clock tea” foi uma tradição introduzida por uma portuguesa na corte inglesa. Quando Catarina de Bragança, filha de D. João IV, se casou com Carlos III de Inglaterra, levou consigo um dote, no mínimo, exótico: 500 mil libras de ouro, o livre comércio de Inglaterra com as possessões portuguesas na Ásia, em África e nas Américas, a cidade de Bombaim e uma caixa de chá… (quem diria que uns séculos depois estaríamos sob um resgate e a poupar até no chá?) O que é facto é que esta caixa mudou para sempre a vida e os hábitos dos ingleses que, até hoje, não abdicam do chá das cinco, com scones e marmelada (também esta vinha na mala de D. Catarina).

 

 

Por isso, vamos esquecer que vivemos num pobre país resgatado pela troika e fingir que estamos na corte inglesa por uma tarde. Os ingredientes estão lá todos: um palácio, livros, chás e scones deliciosos e até um piano de cauda. Com uma vista privilegiada sobre a cidade do Porto, vai poder provar os mais variados chás dos quatro cantos do mundo.

 

 

O Verdadeiro Chá das Cinco – Scones, mini sandwiches com compotas, manteigas e natas batidas: 35€ para duas pessoas

Chá e Scones – 12,50€ por pessoa

Chá e Mini Sandwiches – 14,50€ por pessoa

Depois deste lanche, vou celebrar o dia internacional da mulher… gorda!

Ela

pequeno-almoço saudável para todos os dias

Nem todos os bons pequenos-almoços têm de demorar duas horas a preparar e mais duas horas a comer. Também existem boas refeições para todos os dias, quando precisamos de acordar às sete da manhã para levar as crianças à escola, passar no banco, pagar o gás que deixámos atrasar, comprar o que falta no supermercado e chegar ao trabalho antes da 9h (sim, ao contrário do que elas possam pensar, a vida dos homens também não é fácil...). Nem tudo tem que envolver ovos quentes, bacon frito, sumo de laranja espremido na hora e um nome sofisticadinho que mistura breakfast e lunch. Há outras soluções boas e saudáveis. Aqui fica o meu pequeno-almoço em modo keep it simple, para dias complicados como este:

- 1 torrada de pão preto com sementes do Lidl

- 1 torrada finíssima de pão caseiro cozido em forno a lenha

- Chá Earl Grey Ahmad Tea

- Queijo fresco tradicional Montiqueijo

- Peito de peru fumado finíssimo Fumadinho

As marcas podem parecer ridículas (quem é que se lembra de nomes destes?!), mas são óptimas. Há outras alternativas também fantásticas. Mas isso fica para outro post. Qualquer dia faço uma prova cega de queijos frescos. 

 

Um bom pequeno-almoço para si, onde quer que esteja,

Ele