Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

casal mistério

Ele cozinha, ela viaja. Quando estão fora, testam e avaliam restaurantes, bares e hotéis. Quando se juntam em casa, escrevem sobre o que viram: o bom, o mau e o péssimo.

casal mistério

Ele cozinha, ela viaja. Quando estão fora, testam e avaliam restaurantes, bares e hotéis. Quando se juntam em casa, escrevem sobre o que viram: o bom, o mau e o péssimo.

um molho de salada mais rápido do que a própria sombra: abacate, coentros e iogurte grego (para fazer em cinco minutos)

Mostrar-me a mim uma receita para fazer em cinco minutos é como dar um placebo a um hipocondríaco: fico feliz e não chateio ninguém. E esta receita de um delicioso molho de abacate e coentros que fica pronta no tempo que o Cristiano Ronaldo demora a marcar dois golos à França é o meu placebo para hoje. Ainda por cima, leva iogurte grego e serve para tudo e mais alguma coisa: desde tempero para uma óptima salada de Verão, até acompanhamento para molhar uns palitos de cenoura (na versão light) ou umas batatas fritas (na versão extra-calórica). E para acabar em beleza, mais uma boa notícia: são só cinco ingredientes.

Quem foi o responsável por esta dádiva dos deuses? O meu Querido Filho Mistério Cada Vez Mais Empenhado em Virar Chef, que descobriu esta tentação do magnífico blog Pinch of Yum, de longe um dos melhores blogs de culinária que existe hoje em dia.

Cilantro-Dressing-4.jpg

 

 

gin bombay sapphire com coentros, zimbro e limão

É de mim ou hoje vi uns raios de sol no céu? Não tenho bem a certeza se foi mesmo assim, porque a última vez que os vi já foi há tantos meses que tenho medo de me ter esquecido da sensação que se sente. De qualquer forma, mesmo com a dúvida no ar (em vez de nuvens no ar), acho que não deixa de ser motivo para comemorações. E comemorações cá em casa são com um copo de gin.

Na falta dos ingredientes para seguir a receita oficial de um Bombay Sapphire, segui a receita improvisada. E não ficou nada mal.

Primeiro refresquei o copo com umas pedras de gelo a girar. Depois deitei um raminho de coentros, uma tira de casca de limão e quatro bagas de zimbro, ligeiramente espremidas para libertarem os aromas. Com a colher torcida, misturei tudo com um cálice de gin Bombay Sapphire. A seguir, deitei uma garrafa de tónica Fever Tree Indian Light através da colher torcida, para não perder o gás, coloquei mais umas pedras de gelo e mexi duas ou três vezes.

Há meses que estava a hesitar misturar coentros no gin, porque me parecia demasiado exótico. Mas, com um pouco de sol, o exotismo nunca é demais. E não foi.


Ingredientes

- 1 cálice de gin Bombay Sapphire

- 1 garrafa de tónica Fever Tree Indian Light

- 1 raminho de coentros

- 1 tira de casca de limão

- 4 bagas de zimbro

 

Um bom dia de sol para si, onde quer que esteja,

Ele