Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

casal mistério

Ele cozinha, ela viaja. Quando estão fora, testam e avaliam restaurantes, bares e hotéis. Quando se juntam em casa, escrevem sobre o que viram: o bom, o mau e o péssimo.

casal mistério

Ele cozinha, ela viaja. Quando estão fora, testam e avaliam restaurantes, bares e hotéis. Quando se juntam em casa, escrevem sobre o que viram: o bom, o mau e o péssimo.

5 dicas surpreendentes para acabar com o desperdício de comida em casa

Todos os anos, nos Estados Unidos, cerca de 40% de toda a comida acaba no lixo. Isto representa um aumento para o dobro do que se desperdiçava nos anos 70. As pessoas compram comida a mais, os restaurantes cozinham comida a mais e até os pratos cresceram de tamanho e levam comida a mais. Por outro lado, há milhões de pessoas a morrer à fome em todo o mundo.

Infelizmente, o desperdício alimentar não existe só nos Estados Unidos. Em todos os países desenvolvidos – incluindo Portugal – os supermercados deitam fora fruta e legumes que têm mau aspecto e, em casa, muitas vezes a comida vai para o lixo só porque passou o prazo de validade, apesar de ainda estar óptima.

Ainda esta semana, tive de comer dois iogurtes que não me apetecia nada só para explicar ao meu Mini-Misterioso mais novo que um iogurte aguentava dias ou até semanas impecável depois do fim do prazo de validade. E é por isso que hoje tenho aqui 5 óptimas dicas para evitar o desperdício de comida em casa. Os conselhos vêm de um fantástico trabalho que o jornal digital Huffington Post está a fazer ao longo deste mês, com conselhos simples para reduzir o desperdício (e que pode ver aqui).

 

O que fazer aos morangos que estão a apodrecer?

577d2f191800002400fa42bc.jpeg

Chips de morango. Já ouviu falar? Se não ouviu, está na hora de ouvir. E de provar. Quando os morangos começam a ficar muito maduros, quase a apodrecerem, corte-os às fatias e coloque-os num tabuleiro, por cima de uma folha de papel vegetal. Tempere-os com um pouco de pimenta moída no momento e leve-os ao forno, pré-aquecido a 80º C, durante cerca de três a quatro horas. Vá confirmando e retire-os quando estiverem estaladiços. Veja a receita completa aqui