Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

casal mistério

Ele cozinha, ela viaja. Quando estão fora, testam e avaliam restaurantes, bares e hotéis. Quando se juntam em casa, escrevem sobre o que viram: o bom, o mau e o péssimo.

casal mistério

Ele cozinha, ela viaja. Quando estão fora, testam e avaliam restaurantes, bares e hotéis. Quando se juntam em casa, escrevem sobre o que viram: o bom, o mau e o péssimo.

lasanha de courgette e queijo fresco só com 300 calorias, uma surpresa para a dieta

Esta casa à hora do jantar é como o Parlamento à hora do plenário. Imagine o que são seis almas sôfregas a palpitarem sobre o que lhes apetece comer. É quase o nível de agressividade dos deputados a discutirem o estado da Nação. Invariavelmente, a minha querida e prezada Mulher Mistério quer acorrentar-nos à sua eterna dieta. E os meus queridos e estimados mini-misteriosos insistem em jantares de McDonald's para cima (para eles uma massa é um prato dietético).

Pois bem, hoje vou fazer uma receita do blog Skinny Taste que promete ser o António Guterres da culinária. É lasanha? É! Mas é light? Também! Leva queijo? Claro! Mas leva massa? Não.

No fundo, é definitivamente um prato de consensos. Trata-se de uma lasanha de courgette que representa tudo aquilo que engorda e o seu contrário. E acho que vai apaziguar temporariamente esta casa que parece uma cantina italiana.

A receita só leva courgette, molho marinara, um ovo, queijo fresco ricotta magro, queijo pecorino (ou Queijo da Ilha), manjericão fresco picado, alho picado e mozzarella ralada. Para saber as quantidades certas de cada ingrediente, consulte a receita original aqui.

noodle-less-zucchini-rollatini-1.jpg

 

 

lasanha vegetariana com batata doce e béchamel de couve-flor, a minha resposta a donald trump

Regra geral, sou amorosa, gosto de toda a gente, não tenho embirrações especiais. Mas com a idade começo a ganhar alguns ódios de estimação. O Donald Trump é claramente um deles. Consegue ser patético e perigoso ao mesmo tempo. Embirro com o homem do capachinho aos pés. Sinceramente, acho que a ideia dele é ficar para a História como o pior e mais detestado Presidente dos Estados Unidos. Frank Underwood volta que estás perdoado… Depois da polémica decisão de sair do Acordo de Paris sobre o Clima, o mundo voltou a unir-se contra Trump com o próprio Arnold Schwarzenegger a encabeçar a revolta. Claro que estou ao lado do eterno Exterminador e, só por isso, vou seguir o conselho dele, quando, há dois anos, pediu para tentarmos ser vegetarianos pelo menos duas vezes por semana, em prol do clima. De acordo com estimativas da ONU, as emissões provenientes da pecuária, da desflorestação e da pesca praticamente duplicaram nos últimos 50 anos e podem aumentar mais 30% até 2050. Segundo Schwarzenegger, a agropecuária produz cerca de 28% dos gases do efeito estufa. Por isso, o nosso jantar hoje vai ser esta espetacular lasanha vegetariana da fantástica Donna Hay. E como vou fazer? Como faço sempre: eu compro os ingredientes, o meu querido Marido Mistério põe em prática os seus dotes culinários.

Sweet_potato_eggplant_and_cauliflower_bechamel_las

 

 

lasanha de espinafres e batata doce, o meu jantar preferido para celebrar o dia da mãe

Hoje é Dia da Mãe e tenho sido super mimada pelos meus queridos Filhos Mistério. Acordei com eles em cima de mim a dar-me beijinhos, cartões, flores e encheram-me de presentes. Não, não foi nada disto. Isso faz parte do passado. Verdade seja dita que quem, para variar, foi um “amooooooorrr” foi o meu querido Marido Mistério. Foi Ele que me foi comprar os presentes (para eles me darem) e como sempre acertou em cheio. Eles já se limitam a pôr uma fotografia no Instragram cheia de emojis a dizer que sou a melhor mãe do mundo, e já vou com muita sorte. É claro que não me importo absolutamente nada, porque a adolescência é isso mesmo e, além disso, os presentes já cá cantam! Quem tem um Marido Mistério tem tudo! E Ele é tão querido que me perguntou o que é que eu queria para o jantar porque hoje é o meu dia sem dietas. Eu que tinha acabado de descobrir esta lasanha de batata doce no blog Fit Foodie Finds não resisti (eu sei, sou fraca!) e mostrei-lhe. E não é que Ele foi comprar os ingredientes?

Para o recheio de queijo com batata doce, Ele comprou ricotta, requeijão light (a receita original refere queijo cottage mas Ele prefere sempre substituir por requeijão), puré de batata doce e alecrim picado. Para o molho, precisou de azeite, cebola picada, espinafres, molho marinara, orégãos, alho em pó, sal e pimenta. E, claro, massa de lasanha e queijo mozzarella. Se quiser saber as quantidades certas de cada ingrediente, para 8 pessoas, espreite aqui a receita original.

Easy_Sweet_Potato_Recipes_04-e1476135771855.jpg

 

lasanha vegetariana, um jantar saudável para os amigos dos nossos filhos

A nossa casa transformou-se numa autêntica biblioteca escolar. Os nossos filhos insistem que estudam melhor com amigos do que sozinhos. Claro que não é verdade, mas já que têm de passar o fim-de-semana com a cabeça mergulhada nos livros, prefiro ceder um dia e, no outro, estudam sozinhos. É claro que quando dei por mim, hoje tinha uma pequena multidão de mochila às costas à porta de casa. E o que deveria ser uma tarde de estudo termina invariavelmente com um:

- Mãe, o X, o Y e o Z podem jantar cá em casa?

- Podem…

E é assim que o meu pobre Marido Mistério acaba na cozinha num final de tarde de sábado. É senso comum que quase todas as crianças gostam de lasanha mas, desta vez, achei por bem dar-lhe um toque mais saudável e sugeri ao meu querido Ele fazer esta incrível e irresistível receita do blog Half Baked Harvest: uma lasanha vegetariana.

Ele só precisou de azeite, uma courgette cortada em pedaços, cogumelos picados, um pimento vermelho sem sementes e picado, dois dentes de alho picados, molho de tomate, leite de coco, piripiri, tomates secos, lentilhas, massa de lasanha, espinafres frescos, manjericão fresco, mozzarella fatiada, provolone e parmesão ralados, e molho pesto para servir.

Se quiser saber as quantidades certas de cada ingrediente, para 6 pessoas, espreite aqui a receita original.

Simple-Vegetarian-Skillet-Lasagna-1.jpg

 

 

lasanha de ricotta e courgette para uma família desesperada

Hoje enfrentei uma revolução na Mansão Mistério. Os nossos filhos e o meu querido Marido Mistério estão em ebulição.

Vive-se um clima de PREC e eu, mais uma vez, sou a principal visada:

- Abaixo as dietas, fora com as saladas, queremos comida a sério!

Tive de me render e ceder (não é que tenha sido um grande sacrifício) e escolher uma receita ligeiramente mais consistente para o jantar. E anunciei:

- Ai, é assim? Estamos em clima de revolução? Então hoje temos  lasanha.

Já tinha uma na manga: tinha visto esta fantástica receita do sempre útil blog da Donna Hay que, no fundo, é uma lasanha mas não parece, porque até tem um ar super light. E eu adoro enganar-me a mim própria.

Só preciso de folhas de massa para lasanha, cortadas em tiras de 6 cm de comprimento, ervilhas, courgette ralada, malaguetas pequenas picadas, azeite, sumo de limão, molho de pesto, sal e pimenta, queijo ricotta, folhas de hortelã e parmesão ralado. Se quiser saber as quantidades certas de cada ingrediente, para 4 pessoas, espreite aqui a receita original.

zucchini_ricotta_summer_lasagne.jpg

 

 

rolinhos de lasanha de courgette, uma receita saudável e deliciosa para a minha dieta

Os nossos filhos já não podem ver a minha dieta à frente. Já não me aguentam. Compreendo-os perfeitamente. Já nem eu própria me aguento. Só o santo do meu querido Marido Mistério é que me atura. Por isso, tenho de os calar mas sem destruir por completo a minha dieta. Estou eu neste eterno dilema quando me deparo com esta incrível receita do blog Recipe Runner: rolinhos de lasanha deliciosos feitos com courgette em vez de massa. Uma alternativa light e saudável mas com todo o sabor da versão tradicional. Hoje à noite, quando os miúdos me perguntarem o que é o jantar, vou responder-lhes, triunfante:

- Lasanha. Alguma coisa contra?

Já estou a imaginar as lágrimas de emoção, tal a felicidade coletiva.

Vou precisar de queijo ricotta (magro, claro!), queijo cottage e parmesão, salsa, manjericão fresco, sal, alho em pó, flocos de pimenta vermelha e pimenta preta para o recheio. Depois, só preciso das courgettes, do molho marinara (pode fazê-lo em casa, é facílimo: espreite a receita aqui) e de queijo mozzarella picado light. A receita original inclui salsichas mas eu vou dispensá-las para fazer um prato mais saudável e até vegetariano (ainda bem que os miúdos não leem o blog!). Se quiser saber as quantidades certas destes ingredientes, para 4 pessoas, espreite aqui a receita original.

ZucchiniLasagnaRolls.jpg

 

a lasanha mais saudável de sempre: courgette, tomate cherry e queijo creme de amêndoa (não, não tem massa)

E eis-nos aqui, perante o único fim-de-semana do ano com 49 horas. É verdade: mais uma hora para o António Costa fazer amizade com o Jerónimo de Sousa, mais uma hora para o Jorge Jesus mascar quatro pacotes de pastilhas elásticas e mais uma hora para nós comermos um prato delicioso, surpreendente e saudável, muito saudável.

Zucchini-Lasagna-9.jpg

 

o melhor remédio para uma segunda-feira: uma lasanha para fazer em 15 minutos numa caneca

Cá em casa segunda-feira é um dia de depressão gastronómica. Não estou a falar das depressões associadas ao anticiclone dos Açores, estou a falar das depressões de início de semana, início de trabalho, início de aulas e início de despertadores insuportáveis a tocarem às 7h da manhã. É este o meu estado de espírito, já para não falar de que, daqui a 30 dias, estaremos com as folhas das árvores a cair e castanhas a assar na rua (esta parte das castanhas não é má de todo...). Isto tudo para dizer que segunda-feira é aquele dia em que prefiro ser atropelado pelo abdómen do novo comentador do Benfica, na TVI24, do que passar mais de 16 minutos enfiado na cozinha. E digo 16 minutos porque descobri esta maravilhosa receita do ainda mais maravilhoso blog Healthy Nibbles and Bits que está pronta em apenas 15 minutos. Com outra vantagem: suja só uma caneca por pessoa.

Spinach-Ricotta-Lasagna-In-A-Mug-3.jpg

 

osteria: um restaurante barato, alegre e surpreendente para este fim-de-semana

Esqueça tudo o que sabe sobre restaurantes italianos e, especialmente, esqueça tudo o que já ouviu falar sobre lasanhas. Isto é completamente diferente. Os nomes e as noções podem ser as mesmas, mas o que vai sentir quando se sentar na Osteria (que abriu no ano passado na Madragoa, em Lisboa) é uma verdadeira revolução cultural, financeira e gastronómica.