Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

casal mistério

Ele cozinha, ela viaja. Quando estão fora, testam e avaliam restaurantes, bares e hotéis. Quando se juntam em casa, escrevem sobre o que viram: o bom, o mau e o péssimo.

casal mistério

Ele cozinha, ela viaja. Quando estão fora, testam e avaliam restaurantes, bares e hotéis. Quando se juntam em casa, escrevem sobre o que viram: o bom, o mau e o péssimo.

3 receitas para pessoas obcecadas por queijo (como eu e marcelo rebelo de sousa!)

Confesso que estou estafado. Resolvi assistir a cinco minutos da tomada de posse de Marcelo Rebelo de Sousa e ainda me encontro a arfar só de o ver andar em passo de marcha com os três seguranças a correrem atrás dele para o tentarem acompanhar. Definitivamente, eu e o corpo de segurança pessoal da PSP estamos a precisar de uma injecção de adrenalina para conseguirmos manter o ritmo durante os próximos cinco anos. E o melhor é começar já a rever a dieta. A começar, claro, por um dos ingredientes preferidos do novo Presidente da República, que por acaso também é o meu: queijo.

Num dos intervalos das repetitivas limpadelas do vidro embaciado do seu carro, que vimos na reportagem da TVI, Marcelo confessou que come queijo todos os dias ao almoço. Eu sou um bocadinho mais fanático: como ao almoço, ao pequeno-almoço, ao lanche e ao jantar. E, por isso, dediquei o meu dia de hoje a procurar as mais fantásticas receitas com queijo. Estas três fantásticas vêm daquela que é uma das mais respeitadas revistas de gastronomia do mundo, a Saveur. E eu estou disponível para mandar um pratinho para Belém, assim que as fizer logo à noite. Basta enviar uma encomenda para o email do Casal Mistério...

 

Costeletas de Vitela Panadas e Cobertas com Parmesão

gallery_veal-parmesan_1500x1000.jpg

É claro que um prato delicioso como este tinha de vir de Itália, aquele que é para mim um dos países com melhor comida do mundo – depois de Portugal, claro! Comece por fazer um molho de tomate: coloque uma folha de louro, um dente de alho e meia cebola picados numa panela com um pouco de azeite, em lume médio, até ficarem moles. Depois acrescente sal, pimenta, uma colher de sopa de salsa picada, meia colher de chá de orégãos, um pouco de tomilho e uma lata de tomate descascado (cerca de 800 g) e deixe cozinhar durante cerca de 20 minutos até ficar com um molho espesso.

A seguir trate das costeletas. Tempere-as com sal e pimenta, salpique-as com farinha, passe-as por ovo batido e cubra-as com pão ralado. Frite-as na frigideira, em azeite, até estarem douradas. Finalmente, ponha-as num tabuleiro, em cima de uma folha de papel vegetal, deite um pouco do molho no topo, uma fatia de queijo provolone e duas colheres de sopa de parmesão ralado. Leve-as ao forno, pré-aquecido na grelha, só para derreter o queijo. Hmmm, que grande jantar que vamos ter cá em casa e no Palácio de Belém! Veja a receita completa aqui