Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

casal mistério

Ele cozinha, ela viaja. Quando estão fora, testam e avaliam restaurantes, bares e hotéis. Quando se juntam em casa, escrevem sobre o que viram: o bom, o mau e o péssimo.

casal mistério

Ele cozinha, ela viaja. Quando estão fora, testam e avaliam restaurantes, bares e hotéis. Quando se juntam em casa, escrevem sobre o que viram: o bom, o mau e o péssimo.

flow, o restaurante da moda no porto (onde devíamos ter jantado em vez de almoçar)

1781113_1615731021991452_687158491060687222_o.jpg

Quando estivemos recentemente no Porto, planeámos ao pormenor a nossa agenda gastronómica. Vida dura esta nossa de Casal Mistério: uma correria de almoços aqui, jantares acolá, enfim. Na nossa lista de prioridades estava o Flow, um restaurante muito recomendado por amigos nossos, que já lá tinham jantado várias vezes e que tinham adorado, especialmente o sushi. Mas quando ligámos para reservar uma mesa para domingo, explicaram-nos que estavam fechados. Ainda perguntámos se teriam mesa para sexta, mas depressa nos lembrámos de que já tínhamos marcado a Cantina 32 para esse dia.

– Não, afinal na sexta-feira não conseguimos – lamentámos.

– Não consegue? Que pena!

É claro que perante esta tão simpática resposta, trocámos os nossos planos todos para o fim-de-semana e reservámos uma mesa para almoçarmos no Flow no sábado: um restaurante bom, com um serviço simpático e que está na moda é irresistível.

É um erro ir com uma expectativa destas para um restaurante. E pior é, quando lá chegamos, elas aumentarem ainda mais. Porque o espaço é pura e simplesmente espetacular.

 

 

batata doce assada com queijo feta e tomate seco, uma das melhores receitas da minha eterna dieta

Já disse aqui várias vezes que estou completamente rendida à batata doce. Primeiro porque é ótima e segundo porque faz bem à saúde. Não acredita? Eu também não acreditava até me ter debruçado a fundo sobre o tema. E não é que, segundo os especialistas, fortalece o sistema imunológico porque tem vitamina A, ajuda a controlar a diabetes porque tem baixo índice glicémico, e (esta é a minha preferida) emagrece (jura?) já que diminui o apetite porque é rica em fibra?

Depois destas descobertas que mudaram a minha vida e a minha despensa (que agora tem uma prateleira recheada deste maravilhoso tubérculo), fico em êxtase quando encontro receitas como esta do fantástico blog Gourmande in the Kitchen. Além de batata doce, tem queijo feta, azeitonas e tomate seco. É claramente um prato típico da Dieta Mediterrânea, é vegetariano e não tem glúten (não pode estar mais na moda). O único senão é que a batata doce demora algum tempo a assar no forno, por isso, conte entre 45 minutos e uma hora, depois é tudo muito rápido.

Baked-Stuffed-Sweet-Potato-Recipe-from-Gourmande-i