Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

casal mistério

Ele cozinha, ela viaja. Quando estão fora, testam e avaliam restaurantes, bares e hotéis. Quando se juntam em casa, escrevem sobre o que viram: o bom, o mau e o péssimo.

casal mistério

Ele cozinha, ela viaja. Quando estão fora, testam e avaliam restaurantes, bares e hotéis. Quando se juntam em casa, escrevem sobre o que viram: o bom, o mau e o péssimo.

é a mais genial descoberta para um almoço de verão: como fazer um maravilhoso arroz de coco

Imagine um arroz fresco e saboroso, com um sabor tropical e um toque verdadeiramente surpreendente. Um arroz que fica tão bom quente como frio. Que fica tão delicioso a acompanhar um caril de frango como misturado com uma salada. É, para mim, a melhor e mais fresca maneira de fazer arroz no Verão.

Eu estou verdadeiramente obcecado com esta delícia que descobri no fantástico livro de cozinha Milk Street, de Christopher Kimball, uma verdadeira Bíblia da comida caseira mais surpreendente. E, cá em casa, a Família Mistério não quer outra coisa. A minha querida Mulher Mistério elegeu-o mesmo como o seu arroz preferido.

sub-buzz-15151-1527878347-1.jpg

 

 

como fazer as sardinhas grelhadas perfeitas segundo o chef nuno mendes

Cada vez que algum britânico pensa em comida portuguesa, sonha com Nuno Mendes. Chef do novíssimo Mãos e do Taberna do Mercado, ambos em Shoreditch, Londres, Mendes é uma referência da cozinha internacional. Já ganhou uma estrela Michelin, sempre viveu no estrangeiro, é presença habitual em alguns dos mais prestigiados jornais internacionais, tornou-se uma lenda para várias estrelas internacionais, mas nunca deixou de falar de Portugal.

Todos os seus restaurantes em Inglaterra têm nomes portugueses e, no início deste ano, lançou em inglês o maravilhoso livro Lisboeta onde conta as maravilhas da comida portuguesa e partilha as suas receitas favoritas. É claro que nós já comprámos essa preciosidade e, lá no meio, encontrámos uma fabulosa e obrigatória receita de sardinhas assadas. Em véspera de Santo António, é isto mesmo que vou fazer hoje cá em casa. 

373037.jpg

A maior surpresa da receita é a forma como o chef prepara as sardinhas. Vamos lá saber: qual é a maior chatice de uma sardinha assada? As espinhas, claro. Pois bem, como em criança Nuno Mendes se engasgou com uma espinha, não faz as sardinhas inteiras, como é tradição em Portugal. Primeiro, corta-as ao meio e retira-lhes as espinhas, depois recheia-as com folhas de louro, casca de lima e limão e talos de coentros picados. Só então é que as sardinhas vão a assar na grelha.

No final, acompanham com uma divinal salada de pimentos assados com cebola e um molho de azeite, salsa e coentros. Mas o melhor é ver a receita e depois comprar o livro que é inacreditável, com histórias magníficas, receitas divinais e fotos deslumbrantes de Lisboa.

lisbo.jpg

 

 

a maneira mais deliciosa de comer ovos ao jantar

Não consigo cansar-me de jantar uns fabulosos ovos no forno. Daqueles que ficam com uma clara firme e consistente e com uma gema líquida e cremosa. E depois molhar uns crocantes palitos de pão torrado nesta maravilha. Sem côdea, claro, como se fosse uma divinal torrada aparada do café da esquina. Mas isso sou eu, que a minha querida Mulher Mistério tem levado a sua dieta muito a sério. 

No entanto, acho que está na hora de Ela cometer um pequeno – pequeníssimo! – excesso: esta fenomenal receita do fantástico blog Damn Delicious que eu acabei de eleger, por uma unanimidade facilmente composta exclusivamente por mim, a melhor receita de ovos para o jantar.

Tudo o que vai precisar é de ovos, cogumelos, manteiga, alho picado, tomilho fresco, espinafres baby, natas (eu vou substituir por iogurte grego por causa da dieta) e queijo parmesão ralado (que eu vou trocar pelo nosso patriótico e delicioso Queijo da Ilha de São Jorge). Para saber as quantidades certas de cada ingrediente, consulte a receita original aqui.

Baked-Eggs-with-Mushrooms-and-SpinachIMG_3292.jpg

 

 

camarão com molho de manteiga e alho para celebrar a chegada do calor

Está oficialmente inaugurada a época do petisco na Mansão Mistério. A temperatura não pode subir um bocadinho que o meu querido e dileto esposo saca logo da mini do frigorífico e começa a querer petiscar. Só para me desgraçar! Ele faz de propósito para ninguém olhar para mim. Tenho a certeza. É a estratégia mais baixa e mais rasteira que tenho visto! Por isso, tenho de me antecipar e descobrir petiscos light. Este que descobri no ótimo blog Foodie Crush é ideal, desde que eu consiga resistir à tentação de molhar o pão no molho.

Só preciso de camarão grande (com casca e cauda), manteiga, alho, chalotas picadas, sal e pimenta preta moída, cerveja, limão, salsa, e pão, claro, para quem pode. Se quiser saber as quantidades certas de cada ingrediente, para 4 pessoas, espreite aqui a receita original.    

Peel-n-Eat-Shrimp-foodiecrush.com-105.jpg

 

 

sangria de frutos vermelhos para chamar o verão

Apesar de ainda não estar nem física nem psicologicamente preparada para estrear os meus novos outfits para este verão, já tenho saudades de um bom dia de praia. Nunca mais é verão! Irra!

Nunca estamos contentes com nada, a verdade é esta. Porque no dia em que o meu querido Marido Mistério quiser inaugurar a nossa época balnear, eu vou fazer uma fita a dizer que o melhor é ficarmos na piscina porque pareço uma baleia branca. É a história da minha vida. Enfim, mas como hoje é domingo e (in)felizmente São Pedro decidiu ajudar-me a adiar o meu temível regresso ao areal, vou ficar por casa a desgraçar-me mais uma vez com esta incrível e deliciosa sangria de frutos vermelhos que descobri no blog One Sweet Mess.

Só vou precisar de framboesas congeladas, morangos cortados ao meio, amoras, uma garrafa de vinho rosé, xarope de framboesas (já explico como se faz, não se assuste), vodka e 7Up. Para fazer o xarope de framboesas, vai precisar das propriamente ditas, congeladas ou frescas, de água e de açúcar.

Se quiser saber as quantidades certas de cada ingrediente, para um jarro, espreite aqui a receita original.

Raspberry-Moscato-Sangria-31.jpg

 

 

tarte de espargos com ovos e presunto, uma receita fácil, ideal para um almoço de domingo

Ainda está a digerir a vitória do Pokémon de Israel na Eurovisão? Está de difícil digestão, não está? Não se preocupe! Nada como comer para esquecer. Valeu-nos aquele momento “Salvador Caetano”, como legendou, cheio de graça, Miguel Somsen na sua página de Facebook. Mas voltando ao que interessa, nada como aproveitar a ressaca da Eurovisão ou o seu domingo para se deliciar com uma receita tentadora que, ok, não é propriamente light, mas é deliciosa! E tem a assinatura do excelente blog Half Baked Harvest.

Só precisa de massa folhada, azeite extra virgem, sementes de papoila e de sésamo, alho e cebola em pó, folhas de manjericão frescas, queijo Gruyère ralado, um molho de espargos com os pés cortados, flor de sal e pimenta preta, presunto cortado fininho, rúcula, sumo de meio limão e ovos (pouco) cozidos cortados em quartos.

Se quiser saber as quantidades certas de cada ingrediente, para 6 pessoas, espreite aqui a receita original.

Asparagus-Egg-and-Prosciutto-Tart-with-Everything-Spice-9.jpg

 

 

este vai ser o gelado do verão: iogurte com limão e gengibre

Está decretado: abriu oficialmente a época dos gelados nesta casa. Na vasta Família Mistério, toda a gente adora os gelados caseiros, feitos com a fruta fresca do dia e com deliciosas misturas de leite, natas ou iogurte grego (nos dias especiais também usamos leite condensado, mas isso é quando a minha querida Mulher Mistério está distraída).

Para celebrar solenemente a abertura da época dos gelado, este fim-de-semana vou fazer esta incrível receita do fantástico site Bon Appétit. Trata-se de um fantástico gelado de iogurte grego com limão e gengibre, a mais fresca e deliciosa combinação que o mundo jamais encontrou.

Tudo o que vou precisar é de iogurte grego (a receita original é com iogurte normal, mas eu vou substituir), água, açúcar, xarope de milho ou xarope de ácer, leitelho (ou buttermilk – encontra à venda no El Corte Inglés, mas se não tiver pode susbtituir por iogurte normal), gengibre fresco ralado, raspas e sumo de limão espremido no momento. Para saber as quantidades certas de cada ingrediente, consulte a receita original aqui.

lemon-ginger-frozen-yogurt.jpg

 

 

não parece, mas é um cheesecake saudável feito com iogurte grego e flocos de aveia...

...e manteiga de amendoim, e farinha integral. Basicamente, é a tentação em forma de bolo. E depois tem outra vantagem: pode cortá-lo em quadrados e levá-lo para qualquer lado. Por exemplo, já imaginou o que é um lanche no trabalho a comer esta maravilha?

A receita divinal é do fantástico blog Food Faith Fitness e é das coisas mais fáceis de fazer. Para começar a conversa, só vou precisar de seis ingredientes para a base: farinha integral, flocos de aveia, açúcar mascavado, bicarbonato de sódio, sal e óleo de coco. Para o recheio, vai ter de separar queijo creme (light, claro, que estamos em época de dietas), iogurte grego, açúcar, extracto de baunilha, uma clara de ovo e pepitas de manteiga de amendoim. Sim, pepitas de manteiga de amendoim! Eu já as encontrei à venda na Glood, mas também poderá encontrar noutras mercearias estrangeiras. Se não as conseguir comprar, pode sempre substituí-las por pepitas de chocolate.

Para saber as quantidades certas de cada ingrediente, consulte a receita original aqui.

peanut-butter-cheesecake-picture.jpg

 

peitos de frango com molho de manteiga, tomate e manjericão: mamma mia!

Esta é daquelas receitas que nos salvam o dia. Além de ser facílima de fazer, só precisa de 7 ingredientes que normalmente toda a gente tem em casa. Por isso, é ideal para aqueles dias em que chegamos a casa de rastos, sem paciência para ir para a cozinha e ainda temos de ir fazer o jantar. É fácil e deliciosa e fica ótima com uma bela de uma massa! A receita original é do blog Pinch of Yum e vem acompanhada de bucatini. Mas também pode acompanhar com spaghetti ou linguine. A escolha é sua.

Só precisa de peitos de frango sem pele e sem osso, sal e pimenta preta moída, azeite, tomates cortados em cubos, alho picado, manjericão fresco cortado em tiras, manteiga com sal e a sua massa preferida.

Se quiser saber as quantidades certas de cada ingrediente, para 4 pessoas, espreite aqui a receita original.

Garlic-Basil-Chicken-11.jpg

 

 

o vídeo que ensina a fazer estes incríveis quadrados de chocolate com manteiga de amendoim

Fotograma-02-05-2018-11-18-10.jpg

É das nossas sobremesas favoritas. Só leva quatro ingredientes e é facílima de fazer. Além disso, combina a textura irresistível do chocolate em tablete com o recheio cremoso da manteiga de amendoim. Foi por tudo isto que resolvemos preparar esta delícia em vídeo para que a possa fazer no próximo domingo para a sua querida Mãe Mistério.

Tem 40 segundos disponíveis? Então aqui vai.

 

 

 

 

taça de arroz com salmão e mousse de abacate, o jantar preferido dos nossos filhos

Esta receita é uma das minhas preferidas. Já a fizemos algumas vezes cá em casa, mas sem o arroz. Pois é, ditaduras da minha nutricionista. Só que os nossos filhos estão fartos da minha dieta e pediram por tudo para hoje o jantar ser ligeiramente diferente. E o que uma mãe não faz pelos seus filhos, não é verdade? Tudo. Até um simples arroz que pode arruinar a minha dieta. Posso sempre não comer, mas o pior é que eu não resisto a um bom arroz, ainda por cima, de jasmim.

E esta receita do blog Will Cook For Smiles é com arroz de jasmim e, pasme-se, mel. Ai. Vou desgraçar-me outra vez. Que chatice.

Vamos precisar de arroz de jasmim, água e sal, sumo de meia lima, coentros frescos picados, mel e caldo de legumes ou de galinha. Para o salmão, temos de ter lombos de salmão com pele, sumo de lima, mel, coentros picados e sal. E para a mousse de abacate, precisamos de um abacate maduro, sumo de lima, coentros picados, piripíri e sal.

Se quiser saber as quantidades certas de cada ingrediente, para 2 pessoas, espreite aqui a receita original.

Avocado-Salmon-Rice-Bowl-5.jpg

 

 

gratinado de espargos com três queijos, uma entrada incrível ou um jantar original

É irresistível. Não há nada a fazer. O meu querido Marido Mistério fez esta maravilha que eu descobri no blog The Cookie Rookie e não sobrou um único espargo para contar a história. É deliciosa. É incrível. É uma tentação. É tão boa… E pode ser uma entrada ou, então, se não quiser engordar, faça como prato principal. Também cada dose são apenas 204 calorias, não é o fim do mundo! Demora menos de meia hora a fazer e é muito fácil.

Só precisa de espargos verdes selvagens com os pés cortados, manteiga com sal, farinha integral, mozzarella, queijo asiago e parmesão ralados, sal, pimenta preta e salsa para decorar.

Se quiser saber as quantidades certas de cada ingrediente, para 4 pessoas, espreite aqui a receita original.

asparagus-gratin-7-of-7.jpg

 

papas de aveia no forno com chocolate derretido por cima

aveia-3.jpg

Já é quase uma tradição cá em casa. Todos os fins-de-semana, junto-me com os meus queridos Filhos Mistério para preparar umas papas de aveia no forno, em família. A minha querida Mulher Mistério planta-se à frente da televisão para ver um daqueles programas desinteressantes que só Ela gosta e eu mudo-me com as crianças para a cozinha.

Toda a gente adora este programa porque, depois de cozinhadas no forno, as papas de aveia dão para toda a semana. Pode perfeitamente levá-las para o trabalho ou para a escola e depois é só aquecer e comer. Vai ver como ficam deliciosas... 

Ontem fizemos estas divinais papas de aveia com chocolate derretido por cima. Acho que não vale a pena dizer mais nada, pois não?

 

muffins de batata doce e queijo parmesão, um almoço que pode levar para qualquer lado

Acho que estou com uma ligeira obsessão por batata doce. Não sei o que se passa comigo, só sei é que penso mais na batata doce do que na minha querida Mulher Mistério. 

Hoje acordei a sonhar com uma linda batata doce deitada no prato à minha frente. E a verdade é que saltei da cama directo para a cozinha para fazer uma fabulosa receita com esse ingrediente caído do céu. Depois percebi que afinal ainda era sexta-feira e que tinha mas é de ir trabalhar.

De qualquer forma, fica a promessa: quando chegar a casa, vou fazer este fabuloso almoço do fantástico site The Kitchn, uns incríveis muffins de batata doce e queijo Parmesão que ficam perfeitos a acompanhar uma divinal salada.

Tudo o que vou precisar é de batata doce descascada e ralada, queijo Parmesão, farinha, fermento, sal, tomilho seco, azeite, leite e um ovo. Para saber as quantidades certas de cada ingrediente, consulte a receita original aqui.

9081a294a83c9fb2b7fe91e334310087563c6a84.jpeg

 

ovos no forno com alho francês e parmesão, para celebrar a minha liberdade de não fazer dieta hoje  

Hoje é feriado, logo é dia de brunch na Mansão Mistério. Além disso, é o Dia da Liberdade, mais um motivo para celebrar. Vivemos num país livre e democrático e só temos de agradecer por isso… apesar de, no meu caso, continuar a viver numa ditadura: a da balança.

Contra essa, não há revolta que a vença. Eu sei que deveria fazer uma revolução pessoal na minha alimentação e contra as calorias, marchar, marchar. Mas não há revolução alimentar que resista ao meu querido Marido Mistério que consegue arranjar sempre um pretexto para fazer um prato especial e abrir uma garrafa de vinho. É de enlouquecer: ou é porque é sexta-feira, ou porque é sábado, ou porque o clube dele marcou (aí compreendo porque é raro! Sim, somos de clubes rivais), enfim, tudo é um pretexto nesta casa para comer e beber.

Hoje começamos o dia com um brunch, relativamente saudável, cujos grandes protagonistas são estes ovos no forno, que descobri no blog The Modern Proper.

Só vamos precisar de manteiga, pimentos vermelhos cortados em fatias fininhas, um alho francês picado, cebolo também picado, natas, ovos, sal, pimenta, parmesão ralado, salsa e cebolinho picados. 

Se quiser saber as quantidades certas de cada ingrediente, para 6 pessoas, espreite aqui a receita original.

2 (7).jpg