Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

casal mistério

Ele cozinha, ela viaja. Quando estão fora, testam e avaliam restaurantes, bares e hotéis. Quando se juntam em casa, escrevem sobre o que viram: o bom, o mau e o péssimo.

casal mistério

Ele cozinha, ela viaja. Quando estão fora, testam e avaliam restaurantes, bares e hotéis. Quando se juntam em casa, escrevem sobre o que viram: o bom, o mau e o péssimo.

a dieta secreta dos jogadores da nba antes das partidas

Captura de ecrã 2017-04-08, às 18.59.39.png

A moda nasceu em 2007 quando Kevin Garnett, uma das estrelas dos Boston Celtics, resolveu comer uma sanduíche de manteiga de amendoim com doce de morango antes de um jogo importante. Os Celtics ganharam e Garnett fez uma exibição impressionante. No final da partida, foi ter com o treinador e disse:

– A partir de agora, vamos precisar de manteiga de amendoim e doce antes de cada jogo.

Hoje, a equipa prepara sempre 20 sanduíches de manteiga de amendoim três horas antes de cada confronto. As sanduíches são colocadas dentro de sacos de plástico transparentes rotulados só com uma letra de código: S para doce de morango (strawberry) ou G para doce de uva (grape), por exemplo.

Mas a tendência não ficou por aqui. À medida que os jogadores foram transferidos para outras equipas, espalharam a moda das sanduíches de manteiga de amendoim e doce. E foi isso que levou a ESPN a publicar recentemente uma reportagem exclusiva em que mostra como as PB&J (como são conhecidas nos Estados Unidos, as iniciais de Peanut Butter & Jam) se espalharam por quase todas as principais equipas de basquetebol americanas. Num campeonato multimilionário, cheio de especialistas obcecados por rendimento desportivo e de chefs consagrados a estudarem ementas, a dieta mais comum antes de cada jogo baseia-se numa combinação de ingredientes que custa 69 cêntimos.