Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

casal mistério

Ele cozinha, ela viaja. Quando estão fora, testam e avaliam restaurantes, bares e hotéis. Quando se juntam em casa, escrevem sobre o que viram: o bom, o mau e o péssimo.

casal mistério

Ele cozinha, ela viaja. Quando estão fora, testam e avaliam restaurantes, bares e hotéis. Quando se juntam em casa, escrevem sobre o que viram: o bom, o mau e o péssimo.

quinta de são bernardo, um paraíso escondido nas margens do douro

13923831_614031612108487_2697567466493689535_o.jpg

Descobri a Quinta de São Bernardo completamente por acaso. Estava a explorar o Instagram quando vejo uma amiga minha (que não faz a mais pequena ideia que escrevo este blog) a partilhar fotografias deste pequeno paraíso. Não foi difícil descobrir onde era. Disse logo ao meu querido Marido Mistério:

- Prepara a carteira, porque vamos passar o fim-de-semana fora.

Verdade seja dita que, neste campo, Ele é muito obediente. Lá reservámos um quarto duplo, fizemos as malas e partimos novamente rumo ao Douro. Primeira dica: esqueça as coordenadas de GPS e ligue para o hotel quando chegar a Vila Jusã. O GPS vai mandá-lo ribanceira abaixo e não queremos isso. Outra hipótese é perguntar onde fica a estação de comboios de Barqueiros. A Quinta de São Bernardo fica logo a seguir.  

 

casa da calçada, o refúgio ideal para um fim-de-semana a dois

18017704_zn46J.jpg

Já partilhei aqui que o meu querido Marido Mistério está convencido de que descobri o mundo com Ele. Invariavelmente, diz frases bombásticas aos nossos filhos do género:

– Fui eu que mostrei à vossa mãe o que são lapas.

– A vossa mãe nunca tinha experimentado lingueirão antes de me conhecer.

– A mãe descobriu o gin tónico comigo.

Os miúdos reviram os olhos e eu deixo-o acreditar nisso. Fica tão feliz só de imaginar que eu não tive uma vida antes dele. E é melhor deixarmos as coisas assim. Para quê remexer no passado, não é? Mas finalmente vou ter de lhe dar razão. Foi graças a Ele que descobri a maravilhosa cidade de Amarante, situada a menos de uma hora do Porto. Confesso a minha ignorância e o meu profundo desinteresse, ao ponto de já me irritar a insistência dele para irmos lá passar o fim-de-semana. Mas quando lá cheguei arrastada, fiquei pura e simplesmente rendida. O centro histórico da cidade é lindo e o hotel onde ficámos faz parte da paisagem. Situado numa mansão do século XVI, a Casa da Calçada tem uma vista deslumbrante sobre o rio Tâmega.

 

design and wine hotel: clássico por fora, fashion por dentro

859536_406596369443307_1540819282_o.jpg

Ele tinha uma reunião no norte do país e isso, para nós, é sinónimo de escapadinha mistério. Distribuída a equipa de futsal por avôs, avós, avodrastas e avodrastos (benditas famílias modernas que oferecem mais ajudas e opções de acolhimento para a prole), rumámos a Caminha. Tinha marcado o Design and Wine Hotel, famoso por ter quartos que andam à roda. Infelizmente (ou felizmente) esses quartos não estavam disponíveis mas decidimos manter a reserva.