Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

casal mistério

Ele cozinha, ela viaja. Quando estão fora, testam e avaliam restaurantes, bares e hotéis. Quando se juntam em casa, escrevem sobre o que viram: o bom, o mau e o péssimo.

casal mistério

Ele cozinha, ela viaja. Quando estão fora, testam e avaliam restaurantes, bares e hotéis. Quando se juntam em casa, escrevem sobre o que viram: o bom, o mau e o péssimo.

como fazer uma pizza com base de rolo de carne em vez de massa

Era uma vez um homem muito, muito bonzinho que viviva explorado pela sua família. Todos os dias, depois de chegar a casa do trabalho, era ele que fazia o jantar sozinho. E não bastava fazer qualquer jantar. A sua demoníaca mulher exigia que ele fizesse sempre receitas light. Os seus implacáveis filhos não aceitavam menos do que pizzas, hambúrgueres e outras receitas calóricas.

Um dia, o homem muito, muito bonzinho chegou a casa – sempre com o seu sorriso resplandecente de quem se sacrifica paternalmente pela família – e teve uma ideia brilhante que lhe iluminou a alma:

– E se eu fizesse uma pizza saudável?! Que não levasse massa na base!

– Eureka!, gritou toda a sua família em uníssono.

Com o olhar radioso de um génio injustiçado pela crueldade da sua família, o homem muito, muito bonzinho foi a correr para o computador à procura de uma receita que agradasse à intransigência dos seus familiares. E foi assim, de repente, como uma luz vinda do céu, que encontrou uma incrível receita do blog Nom Nom Paleo.

Tratava-se de uma pizza feita com base de salsicha italiana picada. O homem muito, muito bonzinho achou a ideia óptima, mas como a sua mulher era inacreditavelmente severa e inflexível, ele teve de fazer uma adaptação à receita para a tornar mais light: em vez da salsicha italiana picada, usou um rolo de carne que estava pronto no frigorífico. De resto, seguiu a receita original: molho marinara, cogumelos cortados às fatias fininhas, pimentos picados, cebola roxa às rodelas, azeitonas e queijo de cabra. Para saber as quantidades certas de cada ingrediente, o homem muito, muito bonzinho foi consultar a receita original aqui.

800OptMeatzaaaDSC_4401.jpg

 

brownies saudáveis sem glúten, sem lactose e sem culpas!

Não sei se também vos acontece mas quando estou de dieta, tenho desejos de tudo o que não posso comer. Nunca tive desejos nas gravidezes, mas agora tem sido uma autêntica desgraça: quase todos os dias chego ao fim das minhas parcas refeições com uma vontade imensa de comer qualquer coisa doce. Até pode ser um quadrado de chocolate preto, só pelo pequeno prazer de pecar. Por isso, quando descobri estes brownies saudáveis do ótimo blog Ambitious Kitchen, as minhas hormonas começaram aos saltos e o meu cérebro fixou-se numa única obsessão: “Eu tenho de experimentar esta maravilha!”; “Eu tenho de experimentar esta maravilha!”

É sempre bom lembrar (sobretudo a mim própria para eu me convencer de que não me vou desgraçar outra vez) que esta receita tem poucos hidratos, não tem glúten nem lactose e até é permitida pela dieta paleolítica! Logo, é super saudável!

E quando eu fico obcecada, o meu querido Marido Mistério sabe que só tem uma opção: ir para a cozinha. E o que é que Ele vai precisar para fazer estes deliciosos brownies? Já tratei de tudo (sim, porque eu sou uma mulher muito prendada): óleo de coco, açúcar de coco, extrato de baunilha, um ovo, farinha de amêndoa, cacau em pó, bicarbonato de sódio, sal e framboesas. Para o molho, Ele só precisa de pepitas de chocolate (a autora recomenda vegan ou sem lactose) e óleo de coco para finalizar. Se quiser saber as quantidades certas de cada ingrediente, para 8 pessoas, espreite aqui a receita original.

AlmondFlourBrownies-5.jpg

 

mousse de chocolate com menta, uma receita vegan e saudável

Eu sei o que está a pensar. Este casal é ligeiramente esquizofrénico. Um dia Ele partilha uma receita com Nutella e bolachas Oreo, no dia seguinte Ela ataca com uma mousse de chocolate saudável e vegan. Mas é precisamente por isso é que nos damos bem. Os opostos atraem-se. Ele só pensa em receitas hipercalóricas, eu penso em receitas de preferência com calorias negativas. Ele come e não engorda, eu respiro e já estou a engordar. Pior, se o Descartes me tivesse conhecido, no seu tempo, teria mudado a sua máxima para: ”Penso, logo engordo”.

Enfim, é a minha sina. Daí, a minha luta insane por receitas maravilhosas e saudáveis. E foi assim que me deparei com esta mousse vegan do site Vegan Family Recipes. Demora 5 minutos a preparar, e só preciso de leite de coco, cacau em pó, extrato de menta e chips de chocolate vegan (opcional e, se não for vegan, pode comprar os chips normais). Se quiser saber as quantidades certas destes ingredientes para duas pessoas, espreite aqui a receita original.

Vegan_Mint_Chocolate_Mousse-9.jpg

 

bolo de coco numa caneca, o pequeno-almoço ideal para começar bem a semana

Segunda-feira é dia de caos. O despertador toca mas nós não acreditamos e o dia começa invariavelmente a correr. No meio disto tudo, tenho de pensar num pequeno-almoço para animar 4 bocas esfomeadas e podres de sono antes de partirem para a escola. Como eles estão cansados da minha dieta, e eu de manhã nem tenho tempo de olhar para aquelas almas enquanto comem, hoje decidi surpreendê-los com um bolo de coco numa caneca, que, segundo a autora da receita do blog The Almond Eater, segue a dieta Paleolítica, o que é uma ótima notícia porque assim posso comer os restos e é saudável. E o melhor de tudo, demora 7 minutos a fazer (5 de preparação + 2 a cozinhar).

Paleo-Coconut-Mug-Cake-2.jpg