Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

casal mistério

Ele cozinha, ela viaja. Quando estão fora, testam e avaliam restaurantes, bares e hotéis. Quando se juntam em casa, escrevem sobre o que viram: o bom, o mau e o péssimo.

casal mistério

Ele cozinha, ela viaja. Quando estão fora, testam e avaliam restaurantes, bares e hotéis. Quando se juntam em casa, escrevem sobre o que viram: o bom, o mau e o péssimo.

não tenho nada de interessante para dizer por isso aqui vai uma receita de panquecas

Foi esta simples frase que tornou a receita de panquecas aqui em baixo na mais viral de sempre. A receita original foi publicada em Março de 2010 no site australiano Taste. Desde então, passou completamente despercebida até que, em 2014, começou uma onda totalmente inesperada.

Sem qualquer justificação aparente, no final do ano, a receita renasceu das cinzas para começar a ser publicada em vários sites e redes sociais, acompanhada da seguinte frase: "Não me lembro de nada interessante para dizer, por isso aqui vai uma receita de panquecas". De sites de tecnologia a páginas de personalidades públicas internacionais, a receita espalhou-se como um rio de lava.

Hoje, se pesquisar "viral pancake recipe" esta é a primeira a aparecer e a famosa frase que acompanha a partilha tem milhões de publicações, com pequenas variações. Entretanto, a receita já sofreu algumas alterações à medida que foi sendo partilhada, mas a original continua a ser uma das receitas mais lidas e, para mim, é motivo mais do que suficiente para me levar amanhã de manhã para a cozinha, acompanhado de...

basic-pancakes-78986-1.jpeg

 

e para hoje temos… panquecas especiais, pois claro!

Há tradições que são para se cumprir e não podem, nunca, jamais em tempo algum, ser quebradas. É o caso do Natal, da Páscoa, da minha dieta a recomeçar a todas as benditas segundas-feiras e o Dia da Panqueca na Mansão Mistério. É sagrado. Uma tradição que se arrisca a perpetuar-se no tempo porque vai passar de geração em geração. Palavra de Filhos Mistérios e eu tenho de acreditar. Pois bem, o tão ansiado dia chegou. E, para hoje, optámos por uma receita diferente que descobri no blog My Little Fabric. Só demora 15 minutos a preparar e 2 minutos na frigideira (cada panqueca, claro!).

Só vamos precisar de ovos, leite, farinha, açúcar refinado, amido de milho, fermento, sal fino e baunilha em pó. Se quiser saber as quantidades certas de cada ingrediente, para 10 panquecas, espreite aqui a receita original.

My_little_fabric_Pancakes_02.jpg

 

 

panquecas de tarte de lima, o pequeno-almoço que vai enlouquecer o meu querido marido mistério

O meu querido Marido Mistério vai ter uma apoplexia quando ler este post. Ele adora tarte de lima. Cada vez que chegamos a um restaurante e vemos que a dita cuja consta da lista de sobremesas, não tenho outra hipótese senão partilhar com Ele a inevitável tarte de lima. Acho que vou tentar fazer-lhe esta maravilha (com a ajuda no nosso Mini Misterioso com talento para chef, claro) para o dia do Pai. Ele merece. A receita é do blog Peas and Crayons e demora 20 minutos a fazer.

Só vou precisar de leite de amêndoa, iogurte grego, sumo de lima, farinha, bolachas digestive (a receita original é com graham crackers mas como nunca as encontro em Portugal, vou fazer com digestive), açúcar, fermento, bicarbonato de sódio, sal, óleo de coco derretido, ovos e raspas de uma lima.

Para o topping, vou precisar de natas batidas, açúcar de confeiteiro, extrato de baunilha e mais raspas de lima.

Se quiser saber as quantidades certas de cada ingrediente, para 3 pessoas, espreite aqui a receita original.

homemade-key-lime-pie-pancakes-recipe-peasandcrayons-2228.jpg

 

 

panquecas de cappuccino, a forma mais original de começar o seu fim-de-semana

Feche os olhos. Imagine umas panquecas fofinhas e deliciosas. Agora deite-lhes por cima um incrível molho de cappuccino com o inconfundível sabor a café e a chocolate. Agora, abra os olhos, vista o avental e ponha a mão na massa porque este pode ser o seu pequeno-almoço de hoje. É sábado e todos nós merecemos! A receita que descobri no ótimo bog Cafe Delites é tão fácil de fazer quanto original.

Só precisa de farinha de espelta (ou normal, se preferir), farinha de espelta integral, fermento, bicarbonato de sódio, adoçante natural, manteiga ou óleo de coco, um ovo, leite de amêndoa, café instantâneo e pepitas de chocolate preto para as panquecas.

Para o creme de cappuccino, tem de ter à mão iogurte grego natural, adoçante, chocolate em pó e, para o molho de chocolate quente, precisa também de cacau em pó, adoçante e água a ferver.

Se quiser saber as quantidades certas de cada ingrediente, para 12 panquecas, espreite aqui a receita original.

Cappuccino-Pancakes-LR-2.jpg

 

 

a maneira mais surpreendente de comer chocolate ao pequeno-almoço

Esqueça a dieta, deite fora a balança e corte a fita métrica em pedaços. Esta receita não está cá para contabilizações de calorias. É uma receita típica de um domingo para a desgraça.

Chama-se clafoutis e é a mais espectacular forma de comer chocolate ao pequeno-almoço. É uma espécie de panqueca no forno carregada de chocolate derretido por cima. Esta receita que vou fazer hoje é do fabuloso site The Kitchn e é facílima de preparar.

Tudo o que vai precisar é de manteiga, leite, açúcar, ovos, farinha, extracto de baunilha, cacau em pó sem açúcar, flor de sal, peras bem maduras descascadas e cortadas às fatias e chocolate semi-amargo picado à faca. Para saber as quantidades certas de cada ingrediente, consulte a receita original aqui.

21af840b9d5926f020271b7e0e0cc2a85fb55fce.jpeg

 

jantares com menos de 300 calorias: panquecas de legumes sem farinha refinada

É o segundo jantar da nossa saga dietética desta semana. Depois de ontem termos feito uns fabulosos ovos no forno com cogumelos, brócolos e queijo derretido, hoje vamos jantar umas estrondosas panquecas de legumes sem farinha refinada.

A receita foi, mais uma vez, preparada pela nutricionista Ana Patrícia Pinto que contabilizou, uma a uma, todas as calorias que aqui estão. No total, cada um de nós vai ingerir 299 calorias com estas deliciosas panquecas. E só não são menos calorias porque as panquecas levam uma maravilhosa farinha de amêndoa que pode ser calórica mas é muito mais saudável do que hidratos de carbono com menos calorias.

De qualquer forma, o jantar de hoje cumpre a nossa promessa para esta semana: tem menos de 300 calorias. E, além disso, é delicioso e surpreendente. As panquecas levam espinafres, cenoura e courgette e ficam ultra-macias graças ao fantástico iogurte grego light. Mas o melhor é ver todos os detalhes da receita aqui em baixo. 

IMG_57702.jpg

 

 

panquecas de batata doce só com 3 ingredientes (sem açúcar, sem glúten e sem lactose)

Basicamente esta espetacular receita do blog Whole Heartedly Laura não tem praticamente nada. Mas, ao mesmo tempo, são umas panquecas deliciosas. E como não têm praticamente ingredientes, não devem engordar praticamente nada, certo? Não? Claro que sim.

Os ingredientes são uma batata doce grande assada, ovos e canela. Ah, e o óleo de coco para fazer as panquecas. Só? Sim!

Se quiser saber as quantidades certas de cada ingrediente, para 2 pessoas, espreite aqui a receita original.

3-ingredient-sweet-potato-pancakes-hero.jpg

 

 

o segredo para fazer as panquecas leves e fofinhas do gordon ramsay

O Gordon Ramsay está para a minha vida assim como Kamasutra está para a carreira literária da E. L. James. É nele que me inspiro cada vez que tenho dúvidas existências e é a ele que vou buscar as mais espectaculares e surpreendentes receitas que animam a minha vida. E o meu brunch.

A minha última descoberta foi uma fabulosa e facílima receita de panquecas que o chef serve no restaurante Bread Street Kitchen e que eu vou estrear já este fim-de-semana. Além de serem facílimas de fazer, são muitíssimo leves e fofinhas. E porquê? Bem, eu podia revelar aqui o segredo do Gordon Ramsay, mas um bocadinho de suspense nunca fez mal a ninguém, pois não?

12657820_1055346087820442_6512662345188330676_o.jpg

 

 

panquecas saudáveis com farinha de coco, banana e manteiga de amendoim: let the weekend begin!

Chegou o fim-de-semana e com ele um inexplicável desejo de comer panquecas. Será que o nosso organismo já se habitua às nossas manias e começa a pedir coisas? Desde que acordei que sinto uma vozinha dentro de mim (ainda não consegui decifrar muito bem se vem do cérebro ou do estômago) a dizer: “por favor, faz panquecas, preciso de panquecas, estou a desesperar por panquecas…” E uma pessoa tem de saber ouvir o seu corpo, não é o que se costuma dizer? Por isso, hoje a Mansão Mistério vai acordar com um cheirinho a panquecas, mas saudáveis, claro, porque a minha dieta continua, e continua, e dura, e dura…

Esta receita é do blog Pumpkin and Peanut Butter, é sem glúten e só demora 20 minutos a fazer.

O meu querido Marido Mistério só vai precisar de farinha de coco, fermento, dois ovos ligeiramente batidos, meia banana madura esmagada, xarope de ácer ou geleia de agave, leite à sua escolha, manteiga de amendoim natural, spray de cozinha e uma banana para decorar. Se quiser saber as quantidades certas de cada ingrediente, para 5 ou 6 panquecas, espreite aqui a receita original.

IMG_6576-2.jpg

 

 

espetadas de mini panquecas com fruta, uma receita que as crianças vão adorar

Estava a pensar fazer esta receita do Buzz Feed para o pequeno-almoço. Mas pensando melhor é um luxo para o pequeno-almoço! É uma ideia ótima para festas de crianças ou para lanches especiais. É facílima de fazer, deliciosa e nem precisa de talheres!

Só precisa de escolher a sua fruta preferida (como bananas, mirtilos e morangos, por exemplo), e depois os ingredientes para as panquecas: farinha, açúcar, fermento, sal, um ovo, leite e manteiga derretida. No final vai ainda precisar de açúcar de confeiteiro e xarope de ácer.

Se quiser saber as quantidades certas de cada ingrediente, para 4 pessoas, espreite aqui a receita original.

Captura de ecrã 2018-01-27, às 18.01.37.png

 

 

panquecas de banana e trigo sarraceno: hoje é dia de brunch saudável na mansão mistério

Domingo, já se sabe, é dia de brunch cá em casa. Não, não se preocupe. Ainda não desisti da minha dieta (repare como usei cautelosamente o advérbio “ainda”… A minha fé em mim própria chega a ser constrangedora…). Mas em todas (ou quase todas) as dietas, há um Dia da Asneira em que podemos pecar um bocadinho (prometo que vou tentar pecar o menos possível). E esse dia finalmente chegou! Por isso, escolhi para hoje esta ótima receita da Donna Hay que, apesar de tudo, é saudável porque não leva açúcar nem a farinha do costume.

Só leva farinha de trigo sarraceno, farinha de espelta, fermento, canela em pó, 3 bananas esmagadas, um ovo, xarope de ácer, leite, manteiga sem sal, iogurte de baunilha e rodelas de banana para servir.

Se quiser saber as quantidades certas de cada ingrediente, para 4 pessoas, espreite aqui a receita original.

banana_buckwheat_pancakes.jpg

 

 

como fazer panquecas no forno

Shiiiiu! Fale baixo. Ninguém nos pode ouvir. Especialmente a minha querida e temível Mulher Mistério. Ela está convencida de que o facto de fazermos umas panquecas no forno, em vez de ser no fogão, as transforma na coisa mais light e dietética do planeta. E quem sou eu para a desmentir nessa sua firme convicção?

Por isso, vou aproveitar a deixa para este fim-de-semana me atirar a estas deslumbrantes panquecas de maçã, do site Taste of Home. São fáceis de fazer, são divinais e até têm menos de 200 calorias. Ou seja, nem tudo está perdido.

Para fazer esta preciosidade do mundo do brunch, vou precisar de ovos, leite, farinha, sal, noz moscada e manteiga. Para o topping, separe duas maçãs descascadas e cortadas às fatias, mais manteiga e açúcar. Para saber as quantidades certas de cada ingrediente, consulte a receita original aqui.

panqueca.jpg

 

panquecas salgadas para fazer com os restos do seu natal

Tem sobras do seu Natal? Calculámos. Nós também. E por isso é que hoje de manhã acordei com uma missão: reaproveitar a abóbora assada que a minha querida e prezada Mãe Mistério fez para este Natal. Ao contrário do que a ala feminina deste casal diz, a minha querida mãezinha cozinha lindamente e a sua abóbora estava divinal, especialmente a acompanhar o fabuloso peru de Natal do Jamie Oliver.

Mas a verdade é que sobrou, muito por culpa da tarte folhada de espargos, da tarte de massa filo com ricotta e espinafres e dos quilos de doces que encheram a mesa. Hoje de manhã tinha um tupperware com abóbora assada e precisava de uma receita para aproveitar os restos. E é nestes momentos que faz falta alguém como Jamie Oliver. Para nos ensinar a fazer estas fantásticas panquecas salgadas e ligeiramente picantes para o almoço. 

Ficam fabulosas só com queijo parmesão ralado por cima ou com um ovo escalfado a acompanhar.

Tudo o que preciso é dos restos de abóbora assada, malagueta, alecrim fresco, queijo parmesão, um ovo, leite meio gordo, farinha com fermento e noz moscada. Para saber as quantidades certas de cada ingrediente, consulte a receita original aqui.

1 (7).jpg

 

 

o segredo para fazer umas panquecas vegan e sem glúten incrivelmente fofinhas e deliciosas

Não é fácil fazer panquecas vegan. O autor do blog Contentedness Cooking teve a generosidade de testar e procurar os ingredientes ideais para fazer a receita perfeita de panquecas vegan. Ele próprio assume que foi uma tarefa difícil porque nem sempre ficam fofinhas, leves e saborosas. Mas estas ficaram perfeitas. Quer saber porquê? Precisamente por causa dos ingredientes que ele escolheu: farinha de tapioca, fermento biológico sem glúten, farinha de trigo sarraceno, leite de aveia ou de amêndoa, xarope de ácer, baunilha e óleo de coco. Se quiser saber as quantidades certas de cada ingrediente, para 8 panquecas, espreite aqui a receita original.

Vegan-Pancakes-2.jpg

 

 

miss pavlova: o melhor brunch do ano fica no porto e é de perder a cabeça!

brunchedit.jpg

Antes de qualquer outra coisa, tenho de fazer as apresentações: leitores do Casal Mistério, esta é a Miss Pavlova; Miss Pavlova, estes são os leitores do Casal Mistério. Não se assuste que não estou a apresentá-lo à dona de uma casa de poucas virtudes. Estou a apresentá-lo à dona de um brunch. Um brunch de panquecas, ovos, bruschettas de abacate, taças de smoothies, iogurtes, croissants, brownies e, claro, pavlovas, aquele bolo divinal com base de merengue crocante e recheios acabadinhos de chegar do paraíso, como um chocolate derretido a escorrer, uma mousse de Oreo aveludada ou um chantilly de sonho.