Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

casal mistério

Ele cozinha, ela viaja. Quando estão fora, testam e avaliam restaurantes, bares e hotéis. Quando se juntam em casa, escrevem sobre o que viram: o bom, o mau e o péssimo.

casal mistério

Ele cozinha, ela viaja. Quando estão fora, testam e avaliam restaurantes, bares e hotéis. Quando se juntam em casa, escrevem sobre o que viram: o bom, o mau e o péssimo.

salada de brócolos no forno com passas, queijo feta e pinhões: o meu jantar de hoje

Quem é que disse que, no outono e no inverno, não apetece comer saladas? Esta delícia, do ótimo blog Yummy Beet, pode ser um excelente acompanhamento ou um jantar saudável e vegetariano, ideal para quem está de dieta como eu. E hoje é um bom dia para fazer esta salada para o jantar, uma espécie de estágio pré-fim-de-semana, onde me desgracerei certamente mais uma vez. Como dizia o Elton John, no Rei Leão, “a vida é um círculo”, no meu caso é a minha semana que é um círculo, já que a minha dieta começa sempre à segunda-feira e vai definhando à medida que a semana avança.

Esta salada demora meia hora a preparar e só precisa de uma cabeça de brócolos (corte-a em pequenos bouquets e pique-os a seguir), pinhões, azeite extra virgem, orégãos secos, sal, pimenta preta moída, queijo feta cortado em pequenos quadrados e passas. Para o molho, use vinagre de vinho tinto, azeite extra virgem, um dente de alho picado, sem a parte do meio, e noz-moscada.

Se quiser saber as quantidades certas de cada ingrediente, para 4 pessoas, espreite aqui a receita original.

IMG_8144-copy.jpg

 

 

salada de abóbora com queijo de cabra e pinhões, o meu almoço light de domingo

O meu querido Marido Mistério já revelou aqui ontem em primeiríssima mão que emagreci um quilo! Os nossos filhos riem e gozam comigo, mas é melhor do que nada. "Grão a grão enche a galinha o papo", neste caso, é mais "salada a salada enche a Ela o estômago", mas o que é certo é que esta pequena conquista motivou-me e hoje vou manter-me firme e hirta na minha dieta. Por isso, senhoras e senhores, apresento-vos o meu almoço de hoje, que descobri no ótimo blog Gourmande in the Kitchen: uma salada de abóbora com queijo de cabra e pinhões, que é tudo de bom: fácil, simples, vegetariana, sem glúten, nutritiva e rica em fibra.

untitled.png 

 

húmus de espinafres, feta e endro com pinhões (o meu mais recente vício)

Podia passar o dia inteiro a comer esta maravilha. Esta receita do incrível blog Donna Hay até é saudável, o problema é o que se come a acompanhar. É que húmus sem umas tostinhas ou uns grissini é a mesma coisa que feijoada sem feijão, ou um bitoque sem ovo, ou uma bifana sem pão.

Podia continuar aqui o dia todo, mas calculo que tenha mais do que fazer. Já deve ter percebido a ideia. O que para aqui interessa é que esta receita é um excelente aperitivo. Pensando bem, também pode ser um digestivo. É um ótimo substituto de pipocas durante uma sessão de cinema em casa, por exemplo.

Só precisa de grão cozido, molho tahini, sumo de limão, espinafres baby, queijo feta, pinhões tostados, endro picado, sal e pimenta preta, azeite extra-virgem, e grissini para servir. Se quiser saber as quantidades certas de cada ingrediente, espreite aqui a receita original. 

Spinach_Feta_and_Dill_Hummus.jpg

 

fios de abóbora com gruyère, pinhões e ervas aromáticas, uma receita vegetariana e saudável

Oh meu Deus! Esta vida de crítica mistério está a dar cabo de mim. Como é que eu vou conseguir emagrecer até ao Natal? Eu tenho dois grandes pesadelos na minha vida: a balança e o calendário. Fujo dos dois como o Diabo da cruz mas infelizmente tenho de os enfrentar. A balança, já se sabe, é a minha inimiga pública número 1; o calendário, por seu lado, impõe-me a pressão que preciso para subir para cima da minha inimiga pública número 1. Primeiro, foi o verão, ai e tal, tenho de estar estupenda para me enfiar num biquíni. Missão totalmente falhada. Agora é o Natal que se aproxima perigosamente. Missão praticamente impossível. "Nada é impossível", diria Gustavo Santos, esse grande guru da auto-ajuda. Ok. Vou acreditar em mim. Vou fazer acontecer. Vou agarrar o agora. A sério? Não, estou a brincar. Foi só mesmo para citar estes maravilhosos lugares-comuns do Grande Gustavo. Vou mesmo é para a cozinha fazer esta incrível receita do excelente blog Pinch of Yum. Os ingredientes? São quase todos light: abóbora esparguete, azeite, sal, alho, vinagre de vinho branco, salsa, manjericão, queijo Gruyère, pinhões tostados e pimenta preta. Se quiser saber as quantidades certas de cada ingrediente, espreite aqui a receita original.

spaghetti-squash-on-plate-600x900.jpg

 

chips de parmesão, óregãos e pinhões, uma receita com apenas 4 ingredientes e que… não engorda (muito)

Parecem batatas

Mas não são

Parece que engordam

Mas olhe que não!

 

A comida tem este efeito em mim. Dá-me para fazer poesia e da boa, como podem ver! Mas quando descubro uma receita deliciosa e que não engorda (muito), fico assim: canto, danço, faço poesia, enfim... fico feliz. E a razão da minha felicidade de hoje é esta incrível receita do blog Not Enough Cinnamon: chips de parmesão, óregãos e pinhões. Além de facílima, demora menos de 20 minutos a fazer e só precisa de parmesão ralado, farinha, óregãos e pinhões. Se quiser saber as quantidades certas para 15 chips, espreite aqui a receita original.

12207971_10207252789854835_1802090138_n.jpg

 

 

bagel com queijo de cabra, abacate, tomate seco, pinhões e mel, o almoço ideal para levar para o trabalho

Esta tem sido uma semana de enlouquecer. Estou cheia de trabalho, não tenho tempo para nada, os miúdos cheios de testes e o dia podia ter 48 horas mas infelizmente não tem. Serei a única? Hoje nem vou conseguir sair para almoçar... Mas nem tudo está perdido. O blog la raffinerie culinaire salvou-me o dia com esta fantástica receita vegetariana que não é mais do que um excelente almoço para levar para o escritório. Um bagel com alguns dos meus ingredientes preferidos: queijo de cabra, abacate, tomate seco, pinhões e mel, cebolinho e uma mistura de folhas verde. E, claro, bagels! Se quiser saber as quantidades certas para 4 bagles, espreite aqui.

bagel-chevre-miel-avocat-tomates-sechees-miel-pign

 

salada de angulas e pinhões com vinagrete de mel para lidar com a chuva

Acabou. Não dá mais. Ninguém aguenta isto. Que raio de tempo é este? Estamos no princípio de Setembro, meus senhores! Já não bastava Agosto?! E Julho?! E Junho?! Agora também Setembro?! Chuva?! Dilúvio?! Cheias?!

A única forma de sobreviver a esta hecatombe meteorológica é com um prato à frente. E hoje preparei um prato especial. Ela queria salada, eu queria petisco. Perante este cisma do Ocidente, decidi juntar a salada com o petisco. E o resultado não está nada mal. Foi o nosso almoço de hoje.