Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

casal mistério

Ele cozinha, ela viaja. Quando estão fora, testam e avaliam restaurantes, bares e hotéis. Quando se juntam em casa, escrevem sobre o que viram: o bom, o mau e o péssimo.

casal mistério

Ele cozinha, ela viaja. Quando estão fora, testam e avaliam restaurantes, bares e hotéis. Quando se juntam em casa, escrevem sobre o que viram: o bom, o mau e o péssimo.

pousada de lisboa eleita pela condé nast o “melhor pequeno e exclusivo novo hotel”

Lobby_Pousada de Lisboa.jpg

A cerimónia decorreu ontem à noite em Londres e a Pousada de Lisboa, do Grupo Pestana Pousadas, tem motivos para celebrar. Inaugurada em junho deste ano, já ganhou um dos mais disputados prémios internacionais: “Melhor Pequeno e Exclusivo Novo Hotel” (“Best Newcomer”), nos conceituados prémios de Excelência da Condé Nast Johansens 2016. As imagens que se seguem ajudam a perceber porquê:

 

 

novidade! novidade! vai abrir no terreiro do paço uma pousada de portugal (com restaurante e tudo)

pousada de lisboa quarto2.jpg

A Minha Querida e Mui Prendada Senhora Mistério queria uma surpresa, então temos surpresas. Esta fica num edifício antigo, destruído durante o terramoto de 1755 e reconstruído por esse grande amigo dos leões que foi o Marquês de Pombal. Já foi uma cadeia e já foi também a sede do Ministério da Administração Interna (atenção que não existe aqui nenhuma graçola forçada que relacione ministérios governamentais com prisões...). 

 

 

convento de belmonte, uma surpresa no interior do portugal profundo

Confesso que fui um bocado arrastada para esta pousada. Tinha espreitado o site e não me pareceu que fosse o meu género de hotel. Mas como tínhamos um jantar por aquelas bandas, perto da Guarda, Ele insistiu em passarmos ali a noite. Por isso, ia muito desconfiada.

dsc_1995.jpgChegámos à meia-noite e meia, podres e cansados, e fomos recebidos por um solícito rececionista encantado por partilhar connosco a história da pousada. Coitado, era o único ser acordado num raio de vários quilómetros, por isso, ficou feliz por poder conversar com alguém sobre o convento. Enquanto nos guiava até ao quarto, passámos pelo hall de entrada, pelo bar, pelos antigos claustros, por duas salas, uma antiga capela, uma imensa escadaria e um corredor interminável. E em cada parede, uma peça, uma janela ou uma obra de arte, todas originais do convento. E cada uma tinha uma história. Nada contra, adoro aprender coisas novas, e o senhor era de facto um amor, mas à meia-noite e meia?! Depois de o GPS nos ter levado por montes e vales sem saída?!