Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

casal mistério

Ele cozinha, ela viaja. Quando estão fora, testam e avaliam restaurantes, bares e hotéis. Quando se juntam em casa, escrevem sobre o que viram: o bom, o mau e o péssimo.

casal mistério

Ele cozinha, ela viaja. Quando estão fora, testam e avaliam restaurantes, bares e hotéis. Quando se juntam em casa, escrevem sobre o que viram: o bom, o mau e o péssimo.

salmão asiático com molho de soja, arroz basmati e espinafres (para animar esta segunda-feira)

Confesso que estou com uma neura de fugir. É que só agora descobri que ainda faltam quatro dolorosos dias (e meio!) para o fim-de-semana. Serei a única?!

Bem, vendo pelo lado positivo, já faltou mais… Mas segunda-feira é sinónimo de, além de neura, acordar cedo, regressar à rotina e fazer jantares fáceis e receitas rápidas e saudáveis. Então se incluirem salmão, a neura desaparece-me em três tempos… E foi assim, com esta disposição, que descobri esta receita, no blog For the Love of Basil, que fez todo o meu mau feitio desvanecer-se por milagre! Nada como uma boa receita para animar o dia…

Só preciso de um bom lombo de salmão, arroz basmati, molho de soja, xarope de ácer, sumo de uma lima, amido de milho, uma embalagem de espinafres congelados, alho picado, azeite, piripíri e sementes de sésamo pretas. Se quiser saber as quantidades certas de cada ingrediente, para 4 pessoas, espreite aqui a receita original.

Asian-Salmon-and-Spinach-Rice-Bowls-4.jpg

 

 

salmão no forno com funcho, toranja e limão, um jantar fácil e delicioso para começar a sua semana

O salmão está para as segundas-feiras assim como a tinta amarela está para o cabelo do Donald Trump. Depois do regresso ao trabalho, depois dos despertadores às sete da manhã e depois de percebermos que ainda faltam cinco longos dias para o próximo fim-de-semana, só mesmo um jantar fácil e delicioso com salmão para dar uma corzinha ao dia mais doloroso da semana.

Hoje vou fazer uma surpresa à minha querida, prezada e dietética Mulher Mistério com esta fantástica receita que descobri na essencial revista Bon Appétit. Além de fácil de fazer, tem umas míseras 480 calorias e não leva hidratos de carbono. Eu vou acompanhar com uns brócolos salteados e já está. 

Para fazer esta maravilha, só vou precisar de um lombo de salmão sem pele, funcho cortado em fatias fininhas, toranja também cortada em fatias fininhas, limão também em rodelas fininhas, pimento jalapeño às fatias, endro, azeite, flor de sal e pimenta preta moída no momento. Para saber as quantidades certas de cada ingrediente, veja a receita original aqui.

slow-roasted-salmon-with-fennel-citrus-and-chiles.

 

 

salmão com puré de abacate para fazer em 15 minutos, uma receita deliciosa sem glúten

Não há nada que me faça mais feliz do que descobrir uma receita deliciosa mas saudável e dietética. Pensando bem, uma viagem às Maldivas far-me-ia ainda mais feliz, mas uma pessoa tem de dar valor aos pequenos prazeres da vida, não é verdade? E uma receita light e ótima é um prazer descobrir. Por isso, foi com um sorriso na cara que encontrei esta delícia no blog Healthy Seasonal Recipes: uma receita de salmão muito fácil feita na frigideira com um ótimo puré de abacate, manjericão e lima por cima. Faz-se em apenas 15 minutos e não tem glúten nem hidratos. “Yes, I can!”, as duas coisas: consigo cozinhar e, melhor de tudo, posso comer à vontade que não vai estragar a minha dieta!

Só vou precisar de óleo de coco, sal, ervas aromáticas como manjericão, orégãos, alecrim e tomilho, piripíri, pimenta preta, lombos de salmão, abacate, manjericão picado, sumo de lima e cebolinho picado para decorar. Se quiser saber as quantidades certas de cada ingrediente, para 4 pessoas, espreite aqui a receita original.

crispy-salmon-avocado-basil-mash-2-5.jpg

 

 

salmão com crosta de queijo feta e ervas aromáticas: seja bem vinda, senhora segunda-feira!

Segunda-feira é dia de penitência pelos excessos do fim-de-semana, por isso, cá em casa o jantar é quase sempre saudável e, sobretudo, fácil de fazer. Além de ser o dia em que invariavelmente recomeço a minha dieta, não tenho nem tempo, nem disposição e muito menos imaginação para grandes repastos. Por isso, um salmão no forno com uma salada a acompanhar é sempre uma ótima solução. E hoje a Família Mistério está com sorte porque descobri esta ótima receita no blog Laughing Spatula com um ingrediente que vai fazer toda a diferença: o queijo feta.

Só vou precisar de um lombo de salmão, queijo feta, salsa e cebolinho picados, sumo de meio limão, sal e pimenta. Se quiser saber as quantidades certas de cada ingrediente, para 4 pessoas, espreite aqui a receita original. Demora menos de meia hora a fazer! 

Feta-Salmon-1.jpg

 

salmão tailandês com apenas 3 ingredientes, uma receita infalível para conquistar toda a família

Vai chegar tarde a casa e ainda tem o jantar para fazer? Não se preocupe. É a história da minha vida. O que me vale é o meu querido e prendado Marido Mistério. O que seria de mim sem ele? Seria mais magra certamente, mas os nossos filhos passariam fome, coitados. Só que hoje Ele vai chegar tardíssimo, por isso, vou ter de me desenrascar. O que me vale é que descobri esta ótima receita de salmão, com um toque oriental, no site iFoodReal e é desta que vou impressionar os meus queridos e céticos filhos.

O meu Marido-Mistério-que-é-praticamente-o-Nuno-Rogeiro-da-gastronomia está sempre a dizer que o segredo de um bom salmão é o tempo no forno. Aqui os minutos contam mesmo. E, nesta receita, a autora sugere só usar o grelhador do forno.

Só preciso de 3 ingredientes: lombos de salmão, molho sweet chili tailandês e cebolinho picado. E, claro, sal para temperar e spray de cozinha. Se quiser saber as quantidades certas de cada ingrediente, para 6 pessoas, espreite aqui a receita original.

main-clean-eating-baked-thai-salmon-recipe.jpg

 

 

salmão al ajillo, o jantar ideal para quem adora alho

O meu querido Marido Mistério está fora de si com a vitória de Donald Trump nas presidenciais norte-americanas. Eu fico fora de mim só de olhar para aquela gravata gigantesca, quase a tocar no joelho, mas, apesar de tudo, resisto melhor ao choque. Por isso, resolvi procurar uma receita que o anime hoje ao jantar.

É claro que não é uma receita para eu fazer – que ainda estou a descobrir os segredos do ovo estrelado – mas é perfeita para o nosso querido mini-misterioso com pretensões a chef botar a mão na massa. O prato é um salmão no forno feito especialmente para todos os fãs de alho – e Ele é um ferveroso "alhólico". A ideia é do sempre essencial blog Gimme Some Oven.

E a receita é facílima: tudo o que o meu querido mini-misterioso vai precisar é de um lombo de salmão, manteiga, alho, ervas aromáticas secas, vinho branco, sumo de limão espremido no momento, sal, pimenta, salsa picada e cebolinho. Para saber as quantidades certas de cada ingrediente, veja a receita completa aqui.

Garlic-Lovers-Salmon-In-Foil-3.jpg

 

 

salmão com crumble tostado e chips de batata doce para celebrar a nossa vitória na eleição dos blogs do ano

Mansão Mistério sem salmão ao jantar (pelo menos duas vezes por semana) é como CMTV sem uma caça ao homem em direto. Uma desilusão. Por isso, não posso falhar. Salmão tenho aos quilos em casa, por isso, estou sempre safa. Imaginação é que vai faltando, por isso, lá fui eu navegar por essa blogosfera à procura de uma receita diferente para alimentar uma família que normalmente não come: sorve o jantar.

E esta receita da infalível Donna Hay salvou-me o dia.

Só preciso de batatas doces (descascadas e cortadas em palitos), azeite, sal, pimenta preta moída, pão ralado, salsa picada, manteiga sem sal derretida, lombos de salmão sem pele e maionese para servir.

Se quiser saber as quantidades certas de cada ingrediente espreite aqui a receita original.

crumbed_salmon_with_sweet_potato_chips.jpg

 

 

salmão marroquino, uma versão oriental e deliciosa do peixe mais famoso da mansão mistério

Demora menos de vinte minutos a preparar e é bom demais para ser verdade. Já contei aqui que temos praticamente um viveiro de salmão em casa, tal é a voracidade com que se come este peixe na Mansão Mistério. Eu adoro, os miúdos devoram e o meu querido Marido Mistério é exímio a cozinhá-lo. Mas, coitado, começa a faltar-lhe imaginação para tanto salmão. Por isso, decidi ajudá-lo a enfrentar esta crise de inspiração, tão típica dos grandes génios (nota-se que lhe estou a dar graxa? É que estou em processo de convencê-lo de que precisamos desesperadamente de um sofá novo para a sala). Dizia eu que fui em busca, por essa Internet fora, de uma receita original de salmão e encontrei esta ideia do blog Feasting at Home que é simples, saudável e deliciosa e vem acompanhada por uma incrível quinoa marroquina com toranjas, amêndoas, azeitonas e hortelã.

Ele só precisa de uns bons lombos de salmão, canela, cominhos, sal, açúcar, pimenta caiena, azeite e raspas de laranja. Se quiser saber as quantidades certas destes ingredientes, para 2 pessoas, espreite aqui a receita original.

moroccan-salmon-102-1.jpg

 

 

o jantar ideal de domingo: taça de arroz com sashimi de salmão, ovo escalfado e abacate

Esta receita é o que se pode chamar a perfeição numa taça. Quem resiste a uma taça de arroz com sashimi de salmão, um ovo escalfado e um abacate por cima? Eu adoro. E gosto ainda mais de me imaginar a deliciar-me com esta maravilha, esparramada no sofá, a ver novelas e a Casa dos Degredos, pequenos guilty pleasures que o autoritário e o intelectual do meu querido Marido Mistério não me deixa ter. É certo que os nossos filhos também não me dão espaço para me esparramar onde quer que seja, mas enfim, posso sempre servir esta maravilha à mesa, com a televisão desligada, que, diga-se, é o que uma mãe de família que pretende passar a mensagem correta aos seus filhos deve fazer. Mas é tão bom abandalhar e quebrar as regras de vez em quando... Mas isso só acontece quando Ele não está em casa...que é praticamente...nunca.

image.jpeg

 

 

um jantar light que o vai deixar cheio: salada de salmão e grão com mostarda de dijon

O fim-de-semana foi de paletes de comida e eu tenho-A a Ela a massacrar-me por causa da dieta. Ah, e tal, ainda é Verão e não paramos de comer. Bom, agora que Ela não está aqui, tenho de confessar que, de facto, é capaz de ter alguma razão. E por isso é que estive à procura de uma salada fácil e rápida de fazer para o jantar de hoje. Mas, já agora, e como temos quatro aspiradores de comida cá em casa, além destes dois vossos criados, convém que seja uma salada light, mas não tão light, tão light que nos deixe convencidos de que não comemos nada. O equilíbrio perfeito é esta receita do fantástico blog Not Without Salt, que mistura verdes, proteínas e hidratos de carbono.

IMG_0074.jpg

 

salada de lombo de salmão cozinhado a baixa temperatura com orégãos e funcho: tão bom!

Querem saber uma novidade? Recomecei a minha dieta. A sério. Não é anedota. É mesmo verdade. Já é uma tradição. Todas as segundas-feiras são oficialmente o primeiro dia da minha dieta. E nada como começar a semana com uma deliciosa e saudável salada de salmão.

A receita é do blog Kendall-Jackson e estou doida para a experimentar. Só preciso de um 1 kg de lombo de salmão, funcho laminado, orégãos, alcaparras, rabanetes, uma lima cortada em fatias muito fininhas, rebentos de ervilhas, sumo de um limão, raspas de um limão, azeite, sal e pimenta. Se quiser saber as quantidades certas de cada ingrediente espreite aqui a receita original.

IMG_3374.jpg

 

 

o almoço mais fresco do verão: tártaro de salmão com queijo fresco e wasabi, uma receita fácil, deliciosa e muito light

20160809_210145.jpg

Há poucas receitas mais agradáveis no Verão do que o maravilhoso tártaro de peixe: fresco, doce, ácido, salgado e picante, consegue juntar quase todos os sabores num prato leve e dietético. Uma das teorias sobre a invenção deste prato foi publicada na prestigiada revista The Atlantic em 2010. Supostamente, um dos primeiros peixes a ser servido cru nos Estados Unidos terá sido um atum, em 1984, no restaurante Chaya Brasserie, em Beverly Hills.

O Chaya tinha acabado de abrir e apresentava um menu de degustação onde o prato mais famoso era o bife tártaro. Um dia, um grupo de seis clientes pediu ao chef para substituir o bife tártaro por outra coisa que não tivesse carne. O chef era Shigefumi Tachibe, um japonês criado em França que conhecia bem o sushi então praticamente inexistente no mundo ocidental.

Tachibe entrou na cozinha a correr, sem saber bem o que preparar, e a primeira coisa que viu à frente foi uma óptima posta de atum: "Era parecida com carne e era gorda como a carne vermelha". Foi por isso que se lembrou de improvisar um bife tártaro com atum. Cortou o peixe em cubos, preparou um molho com a mesma maionese servida com o bife tártaro e provou: "Estava óptimo", relembra. O prato fez um sucesso tão grande que começou a ser pedido por vários clientes – até que foi incluído na ementa.

Cá em casa, a minha querida Mulher Mistério prefere sempre o salmão ao atum, mas não dispensa uma refeição de tártaro por semana. Ontem preparámos esta deliciosa receita improvisada que mistura o peixe (gordo e saboroso) com queijo fresco (suave e macio) e um molho de lima, soja e wasabi (salgado, frutado e picante que corta a gordura do peixe na perfeição). Vai ver como é fácil de fazer e saudável de comer.

 

salmão assado no forno com cobertura de queijo derretido: um jantar fácil, rápido e delicioso

Salmao-03.jpg

Adoro salmão. Além de ser barato e fazer bem à saúde, dá para preparar de mil e uma formas. Fica sempre bem e é delicioso, mas esta receita é do outro mundo. A cobertura de maionese e queijo forma uma espécie de crosta que torna este prato pura e simplesmente irresistível. Consegue ser crocante e cremoso ao mesmo tempo. E depois tem o surpreendente toque da Mostarda Maille de Dijon que todos adoram cá em casa e que corta na perfeição a gordura do salmão.

É uma delícia e é uma receita tão fácil e rápida de fazer que se aprende neste vídeo de 40 segundos.

 

   

salmão no forno com molho de iogurte e endro, um jantar saudável inspirado numa receita de jamie oliver

Domingo por esta altura, cá em casa, é sinónimo de crianças a marrar, eu a bezerrar no sofá e Ele a cozinhar o jantar. Como normalmente acordamos tarde e preferimos um brunch quase à hora de almoço, chegamos à hora de jantar esganados de fome. Mas como eu impus cá em casa um regime militar dietético pré-verão, Ele já começa a ficar sem imaginação para receitas pouco calóricas. Por isso, hoje decidi levantar-me do sofá e comprei um salmão fresco para o jantar. Mas não pensem que me fiquei por aqui: ainda fui à procura de uma receita diferente (mas para isso, confesso, não foi preciso sair do sofá…) e foi assim que me deparei com este delicioso salmão do multifacetado Jamie Oliver… que pode ser servido frio ou quente.

Ele só precisa de 25 minutos e de um bom filete de salmão (que já comprei!), raminhos de alecrim, azeite extra-virgem, um iogurte natural light, endro fresco picado, e sumo e raspa de limão.

Se quiser saber as quantidades certas de cada ingrediente, para 8 pessoas, espreite aqui a receita original.

7cae177fe387a0b37306e842739c02eb.jpg

 

 

o almoço saudável que eu não queria fazer (mas que, pelo menos, dá para levar para o trabalho...)

Estou profundamente contrariado a escrever este texto. Estou mesmo com uma cara à Cavaco Silva que me deixa incapaz de mexer um único músculo facial para sorrir. Por isso, siga o meu conselho e fuja enquanto pode. 

Ainda aí está? Só pode ser masoquismo, mas se está disponível para o sacrifício, então aqui vamos: a minha querida Mulher Mistério obrigou-me a fazer uma receita com lentilhas. E eu gosto tanto de lentilhas como da música da Cátia Palhinha (eu disse para se ir embora...). Mas Ela insistiu que adora lentilhas, que é óptimo para juntar nas saladas, que fica almoçada, que dá um magnífico almoço para levar para o escritório, enfim...

E foi com este estado de espírito de Jorge Jesus a uma jornada do fim da Liga que ontem me vi obrigado a fazer esta salada do fantástico blog Le Creme de la Crumb para o almoço da minha tirana Mulher Mistério. Além das lentilhas (que, por mim, substituía por cuscuz), vai precisar de salmão fresco, sumo de limão espremido no momento, verdes (eu usei canónigos), tomatinhos cherry partidos em quatro, mozzarella, vinagre balsâmico, flor de sal e pimenta preta moída na altura. Para saber as quantidades certas de cada ingrediente, veja a receita completa aqui.

salmon-lentil-caprese-salad-3.jpg