Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

casal mistério

Ele cozinha, ela viaja. Quando estão fora, testam e avaliam restaurantes, bares e hotéis. Quando se juntam em casa, escrevem sobre o que viram: o bom, o mau e o péssimo.

casal mistério

Ele cozinha, ela viaja. Quando estão fora, testam e avaliam restaurantes, bares e hotéis. Quando se juntam em casa, escrevem sobre o que viram: o bom, o mau e o péssimo.

o jantar mais louco e sensual do ano (atenção: este texto tem bolinha vermelha no canto)

69340_fm2017_-_34.jpg

Pare! Não leia nada! Desligue o computador e volte para a missa de domingo da TVI. Este texto é interdito a menores de 18 anos. E mesmo os maiores deviam pensar duas vezes antes de continuarem.

Aqui vamos falar de prostitutas, meretrizes, pornografia e sexo hard core. Eu avisei… É claro que também há algumas passagens sobre comida. Mas isso não é o mais importante. A Alice no País dos Bordéis é muito mais do que um simples restaurante pop up escondido num andar quase secreto da Pensão do Amor, em Lisboa. É uma experiência que inclui um teatro imersivo onde até a Cicciolina seria capaz de corar – pelo menos nesta fase ligeiramente mais madura da sua vida dedicada ao cinema porno alternativo.

 

veja o vídeo do ator vítor de sousa a transformar uma música de ágata numa peça de shakespeare

Vitor de Sousa.tiff

Na véspera dos 400 anos da morte de William Shakespeare, decidimos abrir uma excepção aqui no Casal Mistério e fazer o nosso primeiro texto que não é sobre comida, nem sobre bebida, nem sobre hotéis. É sobre poesia. Da mais rica e sentida que o mundo podia produzir.

Na verdade, não é bem um texto, é mais um vídeo. Para homenagear condignamente aquele que é considerado o maior dramaturgo de todos os tempos, convidámos o fantástico actor Vítor de Sousa para transformar a música de Ágata Comunhão de Bens numa comovente e sentida cena de teatro do mais dramático que pode haver. 

A inspiração veio de um desafio semelhante que a revista americana Vanity Fair lançou ao actor Morgan Freeman para interpretar a letra da música de Justin Bieber, Love Yourself. E o resultado é... é.... bom, o melhor é ver.

 

 

Caso não se lembre da música de Ágata, aqui tem:

 

 

Um óptimo poema para si onde quer que a Ágata esteja,

Ele

 

vídeo: casal mistério

o dia-a-dia de um português em 1974

E se em 1974 houvesse Facebook? O que é que as pessoas publicariam nos dias antes da revolução? Soubemos pelo Diário de Notícias que o Teatro Maria Matos lançou um desafio inédito a um escritor: convidou-o a criar uma personagem e a fazer um relato pessoal do dia-a-dia no último mês da ditadura. O nome do escritor só será divulgado no fim, depois do dia 25 de Abril. É uma ideia fantástica que mistura a memória histórica com os sentimentos pessoais.

É certo que, até agora, ainda não foram feitos posts sobre restaurantes da época e muito menos sobre hotéis. Mas o Casal não resiste a um autor anónimo, que mantém o mistério. E por isso estamos a acompanhar diariamente a vida de Pedro Xavier aqui. Vai ver que vale a pena.

 

 

Um abraço para si, em Abril, onde quer que esteja,

Ele