Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

casal mistério

Ele cozinha, ela viaja. Quando estão fora, testam e avaliam restaurantes, bares e hotéis. Quando se juntam em casa, escrevem sobre o que viram: o bom, o mau e o péssimo.

casal mistério

Ele cozinha, ela viaja. Quando estão fora, testam e avaliam restaurantes, bares e hotéis. Quando se juntam em casa, escrevem sobre o que viram: o bom, o mau e o péssimo.

tarte de banana e doce de leite, uma tentação à qual vou mesmo resistir (ou talvez não…)

Não se preocupe, não é para mim. Deveria ser. Chama por mim, tem tudo a ver comigo, mas eu estou irredutível. Não vou ceder à tentação. Um dos nossos filhos pediu-me um lanche “caprichado” para um grupo de amigos que vem passar a tarde cá a casa e eu lembrei-me de pedir ao meu querido Marido Mistério para fazer esta delícia incrivelmente calórica que descobri no site Olive Magazine. A receita é tão fácil que nem vai acreditar.

Ele só precisa de massa folhada, doce de leite, bananas descascadas e cortadas ao meio ao comprido, manteiga, cardamomo em pó, açúcar amarelo e um ovo batido. Se quiser saber as quantidades certas de cada ingrediente, para 6 pessoas, espreite aqui a receita original.

8e8f6ffe54e9b4b5bc62dc58bf4596eb.jpg

 

Comece por aquecer o forno a 200º C. Estique a massa folhada sobre uma superfície polvilhada com farinha e faça com a massa um círculo com cerca de 23 cm de diâmetro. Marque com uma faca uma borda com cerca de 2 cm mas não corte a massa. Espalhe 4 colheres de sopa de doce de leite no centro da tarte até à borda que marcou.

Entretanto, derreta um pouco de manteiga numa frigideira com o cardamomo. Frite as bananas, viradas para baixo, durante 1 a 2 minutos, até ficarem ligeiramente cozinhadas. Depois vire-as com cuidado e deixe-as fritar durante mais um minuto. Disponha as bananas no centro da tarte seguindo um padrão da sua preferência. Retire o excesso de manteiga e cardamomo e espalhe o açúcar amarelo por cima. Pincele por cima o ovo e leve a tarte ao forno durante 30 a 40 minutos ou até a massa folhada ficar dourada e as bananas caramelizadas.

E, pronto, agora é só desgraçar-se! Já eu, vou ali beber um sumo detox e já venho…

 

Boas receitas,

Ela

 

receita e foto: olive magazine

 

1 comentário

Comentar post