Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

casal mistério

Ele cozinha, ela viaja. Quando estão fora, testam e avaliam restaurantes, bares e hotéis. Quando se juntam em casa, escrevem sobre o que viram: o bom, o mau e o péssimo.

casal mistério

Ele cozinha, ela viaja. Quando estão fora, testam e avaliam restaurantes, bares e hotéis. Quando se juntam em casa, escrevem sobre o que viram: o bom, o mau e o péssimo.

bolo de manteiga de amendoim sem farinha nem açúcar para fazer num minuto no microondas

Estou transformado num perigoso obcecado. Ontem acordei a meio da noite com suores frios a gritar "Socorro!", "Não!", "Acudam-me!".

A casa toda levantou-se num sobressalto para perceber o que se passava comigo.

Estava a ter um pesadelo. Estava a ser perseguido por um gangue de balanças. Exactamente! Balanças! Daquelas onde a minha querida e dedicada Mulher Mistério se pesa dez vezes ao dia para confirmar se emagreceu entre a sopa e a fruta do jantar.

Esta loucura obsessiva d'Ela está a levar-me ao delírio. Ter pesadelos com perseguições de balanças de feições assassinas é um bocadinho demais. Mas é a história da minha pobre vida.

Hoje em dia, já só pesquiso receitas que contenham as palavras dieta, light, saudável, emagrecer ou as quatro juntas. É um calvário. E o mais recente resultado dessa fixação foi este bolo do blog Kirbie's Cravings.

O que vale é que hoje em dia já é fácil fazer em casa, rapidamente e sem chatices, fabulosos bolos light. Este é da dieta cetogénica e não tem glúten, açúcar ou farinha. Só leva três ingredientes: manteiga de amendoim natural sem sal, stevia ou outro adoçante natural e um ovo. Para saber as quantidades certas de cada ingrediente, consulte a receita original aqui.

keto-peanut-butter-mug-cake-a-700x683.jpg

 

 

frango no forno com quinoa e queijo, o jantar ideal para um dia de semana

Hoje vou ter de passar fome. O Dia do Pai aqui em casa ultrapassou todos os limites do razoável. O meu querido Marido Mistério começou logo com a conversa do costume “hoje não vais fazer dieta, pois não? É o meu dia”. Eu tentei, juro que tentei ficar firme e hirta como uma barra de ferro. Resisti aos aperitivos, tentei comer devagar e pouco, mas cheguei à sobremesa e, pronto, lá foi a desgraça do costume. Por isso, hoje estou a chá drenante e a sumos detox o dia todo.

Mas tenho uma família para alimentar, não é? Por isso, o jantar vai ser esta receita incrível do ótimo blog Pinch of Yum. Estes peitos de frango cremosos no forno com quinoa, queijo e brócolos são ideais para um dia de semana. Os miúdos vão adorar e eu vou ficar a olhar. É a vida.

Só precisa de caldo de galinha, leite, sal e pimenta e ervas aromáticas secas ao seu gosto, farinha, água, quinoa, bacon frito cortado em pedacinhos, peitos de frango sem pele nem ossos, queijo gruyère ralado e brócolos cortados em pequenos bouquets.

Se quiser saber as quantidades certas de cada ingrediente, para 6 pessoas, espreite aqui a receita original.

quinoa-casserole-5.jpg

 

 

hoje é dia de um jantar masterchef austrália: massa de camarão para fazer em 15 minutos

Ok, desisto! Era escolher entre jantar uns hambúrgueres ressequidos ou ir eu para a cozinha. Não vale a pena termos ilusões: a minha querida Mulher Mistério nunca há-de conseguir ir além do ovo estrelado (e, mesmo assim, em 83% dos casos, o ovo vem com a gema rebentada...). Ela tem variadíssimas qualidades, é uma óptima mulher, uma fabulosa mãe, mas cozinhar não é o seu forte. Nem o seu fraco – simplesmente, não é. Ela não cozinha. E não vale a pena insistir porque senão acabamos todos ao balcão do McDonald's.

Isto tudo para justificar o facto de, em pleno Dia do Pai, eu – o próprio do homenageado – estar destinado a cair nos braços do avental. É injusto, mas já me mentalizei. E escolhi uma receita deliciosa e rápida para não perder muito tempo na cozinha.

A eleita para o Dia do Pai foi uma espectacular massa com camarão do ainda mais espectacular chef Shannon Bennett, um dos mais frequentes jurados convidados do MasterChef Austrália, publicada no site Delicious. É um prato facílimo que demora 15 minutos a preparar e que só suja uma panela.

Para fazer esta maravilha, só vou precisar de azeite, cebola picada, alho-francês laminado, alho cortado às fatias, vinho branco, caldo de peixe, camarão grande descascado, amêijoas, sumo de um limão, manteiga sem sal, manjericão picado, estragão, massa orechiette e crème fraîche para servir. Para saber as quantidades certas de cada ingrediente, consulte a receita original aqui.

shannon-bennetts-15-minute-prawn-nage-28523-2.jpg

 

 

papas de aveia com sementes de chia, banana e manteiga de amendoim, o meu pequeno-almoço preferido

Eu sei que pareço uma maluquinha viciada em papas de aveia. Mas a verdade é só uma: são mesmo viciantes e deliciosas. E são as aliadas ideais para pessoas como eu que vivem a correr, sempre atrasadas de manhã e têm apenas dois minutos para comer o pequeno-almoço. Como hoje, por exemplo, que tenho de ir a correr comprar os presentes para o Dia do Pai (eu sei, Ele tem sempre razão, é verdade, deixo tudo para a última hora). E as papas de aveia são a minha salvação, porque além de serem saudáveis, são ótimas para uma solução grab and go. É o caso desta receita do blog The Glowing Fridge que é ideal para os dias de semana.

Só precisa de flocos de aveia, sementes de chia, canela, uma pitada de sal, leite de amêndoa, água, extrato de baunilha, uma banana esmagada, manteiga de amendoim, xarope de ácer ou geleia de agave. Para toppings, pode usar as pepitas de cacau, flocos de coco, amêndoas esmagadas ou nozes pecan, rodelas de banana e mais uma pitada de canela.

Se quiser saber as quantidades certas de cada ingrediente, para uma pessoa, espreite aqui a receita original.    

untitled-1-1.jpg

 

 

o presente de última hora ideal para o dia do pai: uma casa de sonho para alugar em cima do douro

É triste quando somos obrigados a chegar a este grau público de humilhação. Estamos a menos de 24 horas do Dia do Pai e não vislumbrei no horizonte qualquer movimentação no sentido do presente. Presente, prenda, lembrança, oferenda, oferta, brinde, regalo... Estão a ver do que é que estou a falar?

Estou profundamente convicto de que serei o único ser vivo cá em casa que sabe quando se celebra o Dia do Pai. Mas não faz mal. Já ultapassei a fase da lamúria para entrar na fase do desespero. Se ninguém se acusa, eu chego-me à frente: 

1.jpg

 

 

as 7 aldeias mais românticas da europa

Toda a gente adora namorar em cidades como Paris, Veneza ou Florença, mas infelizmente hoje em dia estão todas repletas de turistas e de casais apaixonados (ou nem por isso) a tirar selfies por todo o lado. Se está a pensar numa escapadinha romântica diferente, longe das multidões e confusões, perca-se nesta lista de pequenas aldeias onde é impossível não se apaixonar. A lista é da Condé Nast Traveler e inclui uma em Portugal e, curiosamente, não é Sintra.
 
Bled, Eslovénia 

Bled-Slovenia-GettyImages-637515746_high.jpg

 

 

bolachas de aveia para o nosso lanche de domingo

Hoje acordei com uma necessidade abrupta de bolachas. Não estou a falar de bolachas de pacote, mas daquelas bolachas que a minha avó fazia todos os fins-de-semana e que enchiam a casa com um delicioso cheiro a açúcar torrado no forno.

Aquelas bolachas que eram um verdadeiro programa de fim-de-semana. Que me levavam a acampar na cozinha para ir tirando dedadas da fantástica massa que ia sendo preparada calmamente durante toda a tarde. Que iam saindo gradualmente, em apetitosos tabuleiros do forno, enchendo toda a casa com um ambiente irresistível.

Era um programa único que durava toda uma tarde e que me deixava a babar perante aquele carinho com que as coisas eram feitas. Além, claro, de me permitir lambuzar-me a rapar as varetas da batedeira até à última gota.

Para hoje, vou fazer umas fabulosas bolachas do fantástico blog Cooking Classy. E só vou precisar de farinha, canela, bicarbonato de sódio, fermento, manteiga sem sal, açúcar mascavado, açúcar granulado, ovos, extracto de baunilha, flocos de aveia, passas, sal e nozes picadas. Para saber as quantidades certas de cada ingrediente, consulte a receita original aqui.

oatmeal-cookies-3-768x1152.jpg

 

 

ovos com queijo derretido no forno, o brunch que fica pronto em apenas 20 minutos

Parece um soufflé, mas não é. São uns incríveis ovos cheios de queijo derretido e, ok, um bocadinho de natas (mas muito poucas, quase nada mesmo). Se comer esta delícia a meio da manhã, vai ver que só vai precisar de lanchar. A receita é do blog One Dish Kitchen e muito fácil de fazer.

Só precisa de manteiga, ovos, natas, queijo cheddar ralado, queijo parmesão ralado, sal e pimenta preta.

Se quiser saber as quantidades certas de cada ingrediente, para uma pessoa, espreite aqui a receita original.

cheesy-baked-eggs-one-dish-kitchen-1.jpg

 

 

este tempo de verão pede uma deliciosa sangria tropical para fazer em 10 minutos

Sinto-me como se estivesse no Havai, com um colar de flores à volta do pescoço: dia de sol, 25 ºC lá fora e as praias cheias de gente. Para me teletransportar para Waikiki, só me falta um cocktail tropical na mão. Como, por exemplo, esta maravilhosa sangria, do fantástico blog Plated Cravings, que consegue juntar maracujá, lima e abacaxi dentro do mesmo copo.

Mas a melhor notícia de todas é o tempo – não a temperatura, mas os poucos minutos que esta delícia demora a preparar. São 10 míseros minutos de trabalho para muitos goles de prazer.

Para fazer esta delícia, só vou precisar de vinho branco gelado, limonada de laranja com gás (se não encontrar, pode substituir por 7Up), maracujá, sumo de laranja, laranja, lima e abacaxi. Para saber as quantidades certas de cada ingrediente, consulte a receita original aqui.

Tropical-White-Wine-Sangria-Plated-Cravings-5-640x

 

 

queijo de cabra com molho pesto e tomate seco, uma entrada saudável para convidados vegan

Não resisti a publicar esta receita. Não sou vegan mas cada vez gosto mais de receitas vegan. Por isso, porque não? E é sempre simpático ter um plano B destes quando recebe em casa uma convidado vegan e não tem nada para lhe oferecer. Se não for vegan, pode sempre comprar um queijo de cabra normal e fazer esta receita à mesma.

Mas hoje vou dar esta receita vegan do blog Every Last Bite. Também não tem glúten nem leite nem açúcar.

Para fazer o queijo propriamente dito, vai precisar de cajus ensopados em água a ferver durante 10 minutos, um dente de alho, sumo de limão, vinagre de cidra, óleo de coco, água, sal e pimenta.

Para o molho pesto, precisa de manjericão, pinhões, um dente de alho, azeite e sal. E, para terminar, vai precisar de tomates secos picados e pinhões tostados.

Se quiser saber as quantidades certas de cada ingrediente, espreite aqui a receita original.

DSC_0743.jpg

 

 

sabe porque é que os ovos flutuam quando estão estragados?

ovo.jpg

Agora que, depois de mais de cinco anos de convivência diária, já ganhámos alguma intimidade, pode tratar-me por Professor Pardal da Panela. MacGyver do Fogão. Ou até mesmo Dr. House da Colher de Pau. Na verdade, grande parte dos meus dias é passada à procura de dicas úteis e respostas para perguntas de Trivial Pursuit. E, sim, confesso, raramente saio de casa sem um canivete suíço no bolso.

Uma das dicas úteis que mais sigo na cozinha é a do ovo e do copo de água. Mesmo quando os ovos estão dentro do prazo, raramente abro um ovo sem antes o mergulhar num copo de água. É quase infalível: se ficar totalmente no fundo, é sinal de que está bem fresco; se mergulhar mas ficar em pé, só com a ponta a tocar no fundo do copo, pode ser comido mas rapidamente porque já não vai durar muito; se flutuar, é sinal de que está estragado. 

 

 

tarte de limão vegan e sem glúten com recheio de caju, uma receita saudável e original

O meu querido Marido Mistério vai ficar maluco quando descobrir esta receita do blog Salted Plains. Ele adora tarte de limão. Além de ser muito fácil de fazer, é vegan e sem glúten, ou seja, não tem farinha nem ovos. A base é feita com farinha de amêndoa e o recheio tem um extraordinário creme de cajus e limão. O sabor é indescritível.

Para fazer esta maravilha, vai precisar de farinha de amêndoa, sal, óleo de coco e xarope de ácer (pode usar mel, se não for vegan) para a base. Para o recheio, precisa de cajus, sumo de 3 limões, extrato de baunilha, sal, óleo de coco derretido, creme de coco, raspas dos limões, uma pitada de curcuma, xarope de ácer, amido de milho e açúcar de confeiteiro para decorar.

Se quiser saber as quantidades certas de cada ingrediente, para 16 mini tartes, espreite aqui a receita original.

vegan-gluten-free-lemon-bars-8.jpg

 

 

soufflé de chocolate sem farinha para comemorar a nossa eleição como personalidade digital do ano pela revista lux

WhatsApp Image 2019-03-14 at 16.01.33.jpeg

O Facebook crashou, o António Costa virou cozinheiro da Cristina Ferreira e nós fomos eleitos Personalidade do Ano pela revista Lux. Há que reconhecer: finalmente o Mundo está a tornar-se um local que faz sentido. Para tudo ser perfeito, só falta o Conan Osíris fazer uma música sobre o fax, esse aparelho injustamente esquecido pela Humanidade.

Mas voltando ao que nos traz aqui hoje, é verdade, o incrível aconteceu: a revista Lux, num repentino acesso de loucura, elegeu-nos como a Personalidade Masculina do Ano na área Digital. Não fosse esse pequeno detalhe de este casal ser composto por um homem e uma mulher (ou seja, em elemento masculino e outro feminino), e tudo seria perfeito. Mas, como em tudo na vida, encontrámos uma forma de resolver o assunto fazendo-nos representar no almoço de hoje por um belo e farfalhudo bigode masculino orgulhosamente ostentado pela nossa querida produtora Sofia Vivo.

Infelizmente, nós os dois tivemos de ficar anonimamente escondidos em casa. Perdemos um honroso almoço de celebração mas, para compensar, vamos comemorar com um magnífico soufflé de chocolate sem farinha.

A receita é do fantástico blog Brown Eyed Baker e só leva chocolate preto picado, manteiga sem sal, extracto de baunilha, cinco gemas de ovo e oito claras, açúcar e cremor tártaro. Para saber as quantidades certas de cada ingrediente, consulte a receita original aqui.

Chocolate-souffle-batch-2-6-754.jpg

 

 

batata doce caramelizada com molho de miso e gengibre, uma receita deliciosa e vegan de inspiração japonesa

Pode ser um acompanhamento ou um prato principal. Depende se for de muito alimento ou se for vegetariano ou vegan. Eu vou sugerir ao meu querido Marido Mistério fazer como acompanhamento para um jantar que vamos ter cá em casa este fim de semana. Esta receita do ótimo blog Feasting at Home é deliciosa, tem um aspeto incrível e é sucesso garantido em qualquer mesa.

Só vai precisar de batatas doces, azeite, óleo de coco, uma chalota picada, gengibre ralado, miso, sal e cebolinho picado.

Se quiser saber as quantidades certas de cada ingrediente, para 4 a 6 pessoas, espreite aqui a receita original.

Miso-Sweet-Potatoes-104.jpg

 

 

acabou de ser eleito o melhor gin do mundo (e dá um óptimo presente para o dia do pai)

Há algumas datas fundamentais durante o ano: o Natal, os dias de anos da Família Mistério e a eleição do melhor gin do mundo. Não me venham cá falar de eleições europeias nem de datas do Brexit – depois da família, o mais importante é a eleição do Melhor Gin do Mundo.

Ao longo de várias semanas, um enorme painel de jornalistas, bartenders, donos das principais destilarias e especialistas internacionais junta-se para provar os 400 melhores gins do planeta sempre com os olhos vendados. É uma espécie de festival copofónico que serve para escolher a grande bebida do ano.

Acontece que, por um feliz acaso do destino, esta votação ocorre poucos dias antes dessa data icónica que parabeniza todos os pais do mundo. Como, no meu caso pessoal, acumulo a honrosa qualidade de pai com a ainda mais honrosa qualidade de um imparável bebedouro de gin, é fácil perceber que o melhor gin do mundo dará um fantástico presente para me oferecerem no dia 19 de Março (ouviram, Crianças e Mãe Mistério?!).

53560517_2535417316533335_5340147377028202496_n.jp