Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Casal Mistério

Casal Mistério

bolachas de chocolate derretido com óleo de coco em vez de manteiga: saudáveis e divinais!

06.09.17

Esta é daquelas receitas que quase não precisava de título. Basta mostrar-me esta fotografia aqui em baixo para me deixar a babar como o Cavaco Silva em dia de bolo-rei. Só de imaginar o chocolate derretido e cremoso no meio da bolacha crocante, já fico com tremuras.

Mas antes que a minha querida Mulher Mistério pegue na colher de pau para me sovar por um atentado contra a sua dieta, deixe-me esclarecer: estas bolachas, do blog Ambitious Kitchen, são light. Exactamente. Light. Saudáveis. Dietéticas.

Não acredita? Então veja lá: em vez de manteiga, levam óleo de coco; em vez de farinha refinada, levam farinha integral; e, em vez de açúcar branco, levam açúcar mascavado. Que mais é que um homem podia querer do que uma mulher em paz e uma travessa de bolachas na mesa?

Tudo o que vou precisar para fazer esta delícia é de óleo de coco derretido mas arrefecido, açúcar mascavado, um ovo à temperatura ambiente (é importante não estar frio), extracto de baunilha, farinha integral (a receita original é com farinha de pasteleiro integral), bicarbonato de sódio, flor de sal e chocolate preto picado, com 72% de cacau. Para saber as quantidades certas de cada ingrediente, consulte a receita original aqui.

coconutoilcookies-2.jpg

 

as 10 ruas mais bonitas do mundo (e uma delas fica em portugal)

06.09.17

São grandes, pequenas, estreitas, compridas, coloridas, floridas, originais, assustadoras ou surpreendentes. Há de tudo, mas são todas maravilhosas. Vale a pena apanhar um avião só para percorrer cada uma delas. Não se apresse. Pode ir a uma de cada vez. Em São Francisco, por exemplo, há duas ruas incríveis que vale mesmo a pena conhecer. Toda a cidade é incrível, a verdade é essa. A prestigiada revista de arquitetura AD elegeu 14 ruas, eu selecionei 10. Mas há mais, muito mais por esse mundo fora. Só assim de repente, lembro-me de ruas lindas de morrer em Bruges, em Veneza, em Óbidos, em Monsaraz, enfim. Todas têm o seu encanto. Mas estas não pode mesmo perder. Ah, é verdade. Claro que nesta lista há uma rua portuguesa. Consegue adivinhar onde fica? Não vale espreitar. Isso é batota. Não resistiu. Eu sei.

 

Tetsugaku no michi, Quioto, Japão  

Tetsugaku no michi 2.jpeg

São quase 2 quilómetros de uma estrada de pedra com estas maravilhosas cerejeiras a criarem uma espécie de túnel natural. A rua, repleta de lojas, cafés, templos e altares, acompanha um canal e passa pelo famoso templo Ginkaku-ji, eleito pela UNESCO património mundial. A melhor altura para visitar aquele que é conhecido como o “Caminho do Filósofo” (em homenagem a Nishida Kitaro, um dos mais famosos filósofos japoneses, que costumava meditar enquanto percorria esta estrada rumo à Universidade de Quioto) é em abril, quando as cerejeiras estão em flor.