Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

casal mistério

Ele cozinha, ela viaja. Quando estão fora, testam e avaliam restaurantes, bares e hotéis. Quando se juntam em casa, escrevem sobre o que viram: o bom, o mau e o péssimo.

casal mistério

Ele cozinha, ela viaja. Quando estão fora, testam e avaliam restaurantes, bares e hotéis. Quando se juntam em casa, escrevem sobre o que viram: o bom, o mau e o péssimo.

coxas de frango caramelizadas no mais fabuloso molho de lima e mel

Esta é daquelas receitas que me deixa com o nível de palpitações do Bradley Cooper cada vez que pensa na Lady Gaga. Nem preciso de ler nada. Basta-me olhar para fotografias como esta aqui em baixo para me fazer correr até à cozinha e vestir o avental.

É claro que, depois desta pequena corrida, apercebo-me de que não sei fazer a receita. E então recorro ao espectacular blog Rasa Malaysia que inventou esta maravilha e que fez esse grande serviço à Humanidade que foi partilhá-la online.

Para fazer esta beleza, vou precisar apenas de coxas de frango com pele (se tiver paciência para as desossar, melhor; se não tiver, use-as com osso que é o que eu vou fazer), alho picado, mel, molho de soja, sumo de lima espremido no momento, salsa picada, sal e pimenta-caiena. Para saber as quantidades certas de cada ingrediente, consulte a receita original aqui.

honey-lime-chicken1.jpg

 

 

salada de pêssego com burrata e bacon, o almoço ideal para enfrentar este calor

Não pense que lá por ser uma salada vai ficar com fome. Antes pelo contrário! Esta receita do blog Foodie Crush tem burrata e croutons, por isso, vai ficar de barriga cheia depois de se deliciar com esta maravilha fresca e saudável. Além disso, com este calor (finalmente chegou o verão!) só me apetece comer saladas e pratos leves.

Para fazer esta maravilha, vai precisar de fatias de bacon, pão alentejano cortado em cubos, pêssegos cortados em fatias muito fininhas, alface ou rúcula (eu prefiro canónigos), burrata e folhas de manjericão para decorar.

Para o molho vinagrete, tem de ter à mão azeite extra virgem, vinagre balsâmico, mel, mostarda Dijon, alho esmagado, piripíri, flor de sal e pimenta preta moída.

Se quiser saber as quantidades certas de cada ingrediente, para 2 pessoas, espreite aqui a receita original.

Peach-Panzanella-Salad-with-Burrata-and-Bacon-_-foodiecrush.com-013.jpg

 

 

o novo restaurante de petiscos gourmet que não pode mesmo perder se estiver no algarve

IMG_20190707_212943.jpeg

Se estiver em Tavira, é menos de meia hora de carro. Se estiver em Faro, são 50 minutos. Se estiver em Sagres, são quase duas horas. Seja qual for a distância, acredite que vale sempre a pena ir até Ayamonte, junto à fronteira espanhola com Portugal, para comer alguns dos melhores petiscos gourmet que vai provar na sua vida.

Eu até faria os 600 quilómetros desde o Porto para provar estes divinais cones de gelado de foie gras com marmelada de figo. Sim, estamos a falar de verdadeira comida Michelin com preços dignos de casa de pasto (da última vez que lá fomos, saímos a rebolar – da comida, do vinho e dos aperitivos – e pagámos menos de 30 euros por pessoa). 

 

 

brownies de chocolate com recheio de caramelo, uma receita para a desgraça (parte 12.001)

Desculpem, mas uma pessoa não aguenta. Não dá para resistir a uma receita assim. Eu não consigo. Sou uma fraca, admito. É a vida. Mas como diz aquela música brasileira de elevado índice intelectual: “’tou nem aí, ‘tou nem aí…!" vou pedir ao meu querido Marido Mistério para fazer esta maravilha que descobri no blog The Recipe Critic, só para nos animar esta semana de trabalho que ainda vai a meio. É verdade, somos dos poucos portugueses que não estão de férias. Agora imagine um brownie de chocolate que, quando o trinca, sai um recheio de caramelo de perder a cabeça… Ah, já me compreende, não é verdade?

Para fazer esta maravilha, só precisa de açúcar, cacau, óleo de canola, ovos, leite, farinha, sal, fermento, pepitas de chocolate semi-amargo, caramelos, leite condensado e flor de sal. Se quiser saber as quantidades certas de cada ingrediente, para 12 brownies, espreite aqui a receita original.

caramelbrownies7.jpg

 

 

rolinhos de courgette recheados com queijo e molho pesto, um jantar delicioso e muito fácil de fazer

Juro que tem este aspeto mas até que é saudável. Ok, a receita original do blog Half Baked Harvest tem umas salsichas de frango tipo italianas moídas no molho de tomate, mas podemos perfeitamente dispensar as salsichas. A receita é deliciosa e muito fácil de fazer.

Só precisa de azeite extra virgem, salsichas de frango tipo italianas moídas (se quiser usar), um pimento vermelho picado, molho de tomate, orégãos e tomilho secos, piripíri, sal e pimenta, courgettes, ricotta, queijo fontina, molho pesto, mozzarella esmagada e manjericão fresco para decorar.

Se quiser saber as quantidades certas de cada ingrediente, para 6 pessoas, espreite aqui a receita original.

Spicy-Pesto-and-Cheese-Stuffed-Zucchini-Involtini-4.jpg

 

 

muffins de limão e iogurte grego sem farinha nem manteiga

Há poucas coisas tão práticas como um muffin para o pequeno-almoço. Dá para levar para onde quiser e até para ir comendo a caminho de algum lado. Mas esta fantástica receita do site The Kitchn tem outras vantagens. Além de não levar glúten nem manteiga, leva amêndoa, aveia, iogurte grego e essa verdadeira beleza do mundo da doçaria que é o sumo e as raspas de limão. 

A combinação de todos estes sabores resulta num bolo maravilhoso e muito mais saudável. Está certo que leva um bocadinho de açúcar, mas ninguém é de ferro.

Para fazer esta maravilha, só vai precisar de flocos de aveia sem glúten, farinha de amêndoa, açúcar, sementes de papoila, fermento, bicarbonato de sódio, sal, iogurte grego, óleo de canola, ovos, limão e extracto de baunilha. Para saber as quantidades certas de cada ingrediente, consulte a receita original aqui.

Gluten-Free-Poppyseed-Muffins_039.jpeg

 

de são torpes à zambujeira do mar: a segunda parte do nosso roteiro pela costa alentejana

Samoqueira_1_1280_720.jpg

Quando se dobra o Cabo de Sines, tudo muda. A areia é mais fininha e as águas aquecem, sobretudo na Praia de São Torpes – não porque nos aproximamos do Equador, mas devido à proximidade da central termoelétrica. Apesar daquelas chaminés gigantes, ali tão próximas da praia, aquele mar mais parece uma piscina, com ondas perfeitas, ideais para quem quer começar a aprender a fazer surf.

trinca espinhas.jpg

 

chá gelado de limão, maçã e hortelã só com 51 calorias para começar a semana de forma saudável

Se uma maçã por dia não sabe o bem que lhe fazia, então um chá de maçã por dia fazia muito mais. Eu sei, a poesia nunca foi o meu forte e, a uma segunda-feira de manhã, muito menos. Mas o que interessa é que não há maneira mais saudável de começar a sua semana do que com um fantástico jerrican de chá gelado para ir bebendo ao longo do seu dia. E então se esse chá gelado juntar chá verde com maçã e limão, estamos perante uma verdadeira tentação (mais uma pequena rima digna de Camões).

A receita é do imprescindível blog The Iron You e leva apenas chá verde, água, hortelã fresca, sumo de limão, bicarbonato de sódio, sumo de maçã e adoçante à sua escolha – o autor da receita usou açúcar de coco, mas pode substituir por outro que preferir ou que tenha à mão. Para saber as quantidades certas de cada ingrediente, consulte a receita original aqui.

Apple-Mint-Iced-Tea-(3).jpg

 

 

roteiro pela costa alentejana: os melhores sítios para dormir, comer e mergulhar (parte 1)

sublime-comporta-country-house-retreat-gallery01-mauricio-abreu-pegobeach1.jpg

Estas férias foram especiais. Pelo segundo ano consecutivo, partimos em busca dos melhores roteiros do nosso país. Confesso que a seleção foi difícil porque Portugal, de facto, tem sítios incríveis por descobrir. Mas como vivemos em democracia, debatemos, discutimos e eu decidi. É assim que esta casa funciona e até agora tem corrido tudo às mil maravilhas.

E o nosso primeiro roteiro, já que estamos em pleno verão, tinha de ter praias. E boas. E, de preferência, desertas para esconder um pneu ou outro que não tenha sucumbido à minha eterna dieta.

Por isso, desafiados novamente pela SEAT, que apoia mais uma vez os nossos roteiros em 2019, começámos pelo Alentejo e percorremos toda a costa da Comporta até à Zambujeira do Mar. Ficámos por aqui porque a Costa Vicentina merece o seu próprio roteiro. Partimos ao volante de um novíssimo SEAT Leon que tem uma característica que me deixou encantada: o travão de mão é um botão e não precisa de ser destravado. Basta acelerar e o carro anda, o que evita aquele pesadelo da minha vida que dá pelo nome de ponto de embraiagem. 

IMG_20190805_141738.jpg

 

 

panquecas com chocolate derretido por dentro, o brunch mais irresistível para este domingo

Continua a esquizofrenia alimentar nesta casa. Um dia temos tartes sem farinha, no outro temos panquecas deste calibre. Não só levam farinha, como também levam açúcar, manteiga, chocolate e tudo o resto a que um ser humano livre e independente tem direito.

Esta receita do fabuloso blog The Cookie Rookie é absolutamente imperdível. Não quero saber se é calórica, não quero saber se engorda, o que interessa é que eu tenho de provar esta loucura. Além de a massa ser feita com as claras batidas em castelo, o que torna as panquecas estupidamente leves e macias, ainda é recheada com pepitas de chocolate que vão derreter no interior e espalhar-se de forma irresistível por toda a panqueca.

Para fazer esta loucura vai precisar de ovos, farinha, fermento, açúcar, sal, leite (gordo, claro!), extracto de baunilha, extracto de amêndoa, manteiga sem sal derretida e pepitas de chocolate. Para saber as quantidades certas de cada ingrediente, consulte a receita original aqui.

chocoalte-chip-pancakes-chocolate-syrup-6-of-8.jpg

 

cheesecake de ricotta e limão com uma base estaladiça de massa filo

Não dá para ignorar, não é? Não dá para ver uma receita destas e seguir em frente como se nada fosse… É impossível. Uma mulher não é de ferro. Nem a própria Margaret Thatcher resistia a esta receita do blog Half Baked Harvest. Imagine um recheio de ricotta e natas com limão e mel sobre uma base de massa filo estaladiça… Agora pare de imaginar e vá buscar o avental. Esta maravilha pode ser toda sua. Bem, toda… é melhor não. Mas algumas fatias…não vai conseguir resistir. Não se preocupe. A dieta recomeça amanhã.

Vai precisar de manteiga com sal derretida, folhas de massa filo, queijo ricotta, natas, mel, açúcar (é opcional), 4 ovos inteiros e 2 gemas, extrato de baunilha, raspas de limão, sumo de limão, açúcar de confeiteiro e frutos vermelhos frescos para decorar.

Se quiser saber as quantidades certas de cada ingrediente, para 8 pessoas, espreite aqui a receita original.

Whipped-Lemon-Ricotta-Cheesecake-1.jpg

 

 

tarte de courgette e queijo sem base com menos de 180 calorias, um almoço light para levar para a praia

O ambiente cá em casa está tão tenso como no balneário do Sporting. Desde que ontem resolvi fazer um espectacular gelado de limão com açúcar que a minha querida Mulher Mistério cortou relações diplomáticas comigo. 

A minha única salvação é redimir-me com a receita mais light que consiga encontrar. E a eleita foi esta fabulosa quiche do blog Ambitious Kitchen.

Além de não levar base – o que retira do horizonte mistério qualquer visão de farinha – ainda tem coco, o que lhe dá um toque absolutamente surpreendente. É suficiente, minha querida Ela? Não é? Então fica a saber que esta delícia só tem 176 calorias por dose. Convencida, agora?

Calculei. Para fazer a tarte vou precisar de azeite, alho picado, cebolo (ou cebolinho) picado, cogumelos laminados, tomatinhos cherry cortados ao meio, pimentos picados, milho, courgette às rodelas, ovos, leite de amêndoa, farinha de coco, manjericão picado e queijo cheddar ralado. Para saber as quantidades certas de cada ingrediente, consulte a receita original aqui.

zucchinipie-2.jpg

 

o gelado de limão mais fácil de sempre nem precisa de ser cozinhado

Quando eu chego a casa com uma receita com apenas quatro ingredientes (que são quase três) e que nem o obriga a acender o lume ou ligar o forno, consigo deixar a minha querida Mulher Mistério tão isolada como o porta-voz do sindicato dos motoristas de matérias perigosas. Ela pode protestar, ela pode paralisar, ela pode manifestar. Mas a poderosa Família Mistério une-se para resistir e impor a sua sobremesa calórica.

É isso que vai acontecer hoje com esta espectacular receita do site Food52. É um dos mais fáceis e deliciosos gelados de limão que eu já vi e está garantido para adoçar este fim-de-semana.

Tudo o que vou precisar é de limão (em raspas e em sumo), açúcar, natas para bater e leite gordo. Para saber as quantidades certas de cada ingrediente, consulte a receita original aqui.

9d6580fc-cb3e-400a-b102-318d005524d6--2018-0619_no-churn-lemon-ice-cream-genius_3x2_mark-weinberg_0347.jpg

 

 

é neste restaurante que está escondida a melhor cozinha típica do algarve

Há apenas dois motivos para o fazer andar 15 minutos de carro, em pleno Verão, pelas profundezas da serra algarvia, em busca da pequena localidade de Corte António Martins: uma dá pelo temível nome de Bar Dancing O Amigo; a outra é uma casa junto à estrada, com uma esplanada com vista directa para um parque de estacionamento e que dá pelo não menos temível nome de Casa de Pasto Fernanda e Campinas.

No entanto, por tudo quanto há de mais sagrado neste mundo, não desista de vir até aqui: não por causa do bar-dancing, mas por causa da casa de pasto. É aqui que vai conhecer alguma da mais deliciosa e caseira comida típica algarvia. Não estou a falar do peixe grelhado ou dos doces de amêndoa que compra nos supermercados de Quarteira, estou a falar das conquilhas grandes e suculentas cada vez mais raras, do queijo fresco caseiro e consistente, da compota deliciosa e regional, do pão saloio estaladiço, da cabidela da serra, da feijoada de javali ou da entrondosa açorda de galinha do campo.

IMG_20190629_214517.jpeg

Mas, antes de avançarmos para os pratos, é preciso falar do mais importante em qualquer refeição tipicamente portuguesa, aquilo que está na base de tudo o resto e que distingue os grandes restaurantes dos aspirantes a restaurantes...

IMG_20190629_211751.jpeg

 

 

tarte de margarita gelada! é isso mesmo: um delicioso cocktail em forma de bolo

O que pode ser melhor do que beber uma divinal margarita em véspera de feriado? Só mesmo comer uma divinal margarita. E foi isso que o espectacular site Bon Appétit fez com esta tarte. Pegou na receita original do cocktail margarita e transformou-a em bolo. Está lá a lima, está lá a tequila e está lá o sal. Só não está o copo. Mas está um garfo para poder comer esta maravilha até à última migalha.

Além da lima, do sal e da tequila, vai ainda precisar de natas geladas e leite condensado. Para fazer a base, separe bolachas digestive, manteiga derretida, flor de sal e açúcar (mas eu vou dispensar para não tornar a base demasiado doce). Para saber as quantidades certas de cada ingrediente, consulte a receita original aqui.

frozen-margarita-pie-2.jpg

 

 

Pág. 1/3